História In The Name Of Love - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, Kanye West, Kim Kardashian, Kylie Jenner
Personagens Justin Bieber, Kanye West, Kim Kardashian, Kylie Jenner, Personagens Originais
Tags Kim Kardashian, Kylie Jenner
Exibições 261
Palavras 2.332
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente serio, to muito xonada pelo novo ensaio da King. Ainda vou dar pra essa muié.. Não pera

Justinzin divo no final hein, deu ate orgulho de mim mesma

Capítulo 12 - Hospice Part 2- Flight


Fanfic / Fanfiction In The Name Of Love - Capítulo 12 - Hospice Part 2- Flight

    Kylie West Povs
   Uma semana depois..
    9:00 AM
Uma semana havia se pasado,foram sete dias de estrupos e torturas. Eu não aguento mais,eu quero morrer,eu quero meu pai,eu quero o Justin,eu quero as meninas,eu quero minha vida de volta. Depois de outro abuso,o carinha foi no banheiro tomar banho e deixou a calça no quarto. Fui ate o mesmo,procurei e.. ACHEI. Disquei o numero de Justin e logo ele atendeu

-Que é porra?- O loiro respondeu bravo porque provavelmente pelo horário devia estar dormindo

-Justin,me ajuda por favor,me tira daqui,eu to com medo,me ajuda por favor- Falei sussurrando e lágrimas rolaram por meu rosto

-Kylie? Onde cê ta? O que aconteceu? Calma!- Falou ja aflito

-Vou te mandar a foto do lugar que eu to. Nao da tempo pra falar. So me tira daqui por favor- falei baixinho encerrei a chamada,peguei o cartãozinho do hospício e mandei pro numero do Justin.

Por favor vem me buscar Justin.
   

   Justin Bieber Povs

Um hospício? Porque ela ta la? Caralho nunca ouvi a Kylie tão assutada assim. Coloquei uma roupa fui pro meu carro e dirigi correndo pro apartamento dos viado. Cheguei la em cinco minuto. Fui correndo pra dentro e estava vazio. Filhos da puta. Corri pro quarto do Ryan e la estava ele mechendo no computador

-Viado,vi.. Ai pera to morrendo- falei e me deitei na cama recuperando o ar- eu nao to bem

-Quer um cigarro? - perguntou e veio ate mim

-Nao temos tempo pra fumar. Temos uma missão, muito importante - Falei ja recuperado e levantei

-La vem- Falou. Peguei o celular e soltei o audio da minha conversa com a Kylie - Ela mandou? - Mostrei a foto e ele foi correndo pro PC.

Em menos de um minuto ele começou  a ler uns bagui

-Hospital psiquiátrico Monderggin Laffeir. Conhecido por seus metodos crueis com seus pacientes no século 19. Usando tratamento de choque, forçando os pacientes a usar drogas alucinativas, usando violência e outras coisas desumanas.  Fundado pelo Doutor Jossep Monderggin Laffeir, que dizia que os loucos eram demonios enviados do inferno.. -

-Chega - falei o interrompendo

-Precisamos tirar ela de lá o mais rapido o possível. Quanto tempo mais ou menos ela ta lá? - perguntou pesquisando sla o que no google

-Uma semana- falei pensando nas coisas horríveis que devem ter feito com a minha garota..  Quer dizer, com a Kylie

-To vendo aqui nos comentários. E tem umas pessoas falando, que seus parentes ou amigos morreram- Falou lendo os comentários

-Cê não ta ajudando- falei peguei um cigarro e asendi- Não me julga, to nervoso

-Vou chamar os meninos- falou levantou e saiu

Passamos a tarde planejando em tudo, vimos a planta do local e seria fácil. Descobrimos que as 22:00 eles apagam as luzes. Chegamos la as 21:00 para calcularmos tudo. 22:00,hora do resgate.

Entramos pelas grades e fomos nos escondendo nos arbustos. Quando chegamos na porta, Khalifa e eu apagamos os seguranças pegamos seus uniformes e entramos. Encontramos alguns infermeiros os puxamos para um canto, apagamos eles e pegamos suas roupas. Fui ate a recepcionista

-Paciente Kylie Kardashian West-Falei com uma voz diferente

-Quarto 205- A mulher falou e nos olhou desconfiada- Vocês não trabalham aqui

-Mano,mete fuga - Ryan falou e nos 5 corremos até o quarto dela

-Em que andar fica? - Bryan perguntou

-Estamos no 96-Ryan falou. Subimos as escadas e começamos a procurar.

-Parem - um segurança falou em nossa frente. Khalifa sacou a arma de sua cintura atirou no cara e nos saimos correndo.

Depois de uma longa corrida finalmente chegamos ao quarto 205,tentei abri a porta mais estava trancada. Encostei a cabeça na porta e ouvi gemidos masculinos. A filho da puta, so eu posso foder essa mulher. Arrombei a porta e nos 5 entramos armados

-Brow,Ja ouviu falar que não se mexe com um West? - Perguntei e atirei no cara que havia se levantado rapidamente assim que entramos fazendo Kylie soltar um grito rouco pra porra

Corri ate a garota que estava encolhida na cama nua, cheia de machucados e a abracei forte

-Passou, passou- falei e acariciei seus cabelos

-Vamo Bieber,ta vindo um exército aqui caralho- ryan falou os quatros começaram a atirar. Tirei minha jaqueta vesti na morena a peguei no colo e saimos correndo

Depois de atirar em varios seguranças conseguimos sair sem algum ferimento.

-Leva ela Bieber, depois a gente passa lá. Vamo avisa o patrão - Cris falou entrando em seu carro

-Não! Nao conta pro meu pai. Justin, não deixa meu pai descobrir por favor - a garota falou desesperada e colocou a mão com ferimentos em meu rosto

-Não vamos contar. - falei e a coloquei no carro- Mano, depois a gente conta pro Kanye, por enquanto fica so entre nos- eles assentiram e entraram em seu carro.  Suspirei e entrei no meu

-Eu não quero ir pra casa Justin! Não me leva de volta pra lá por favor! - Falou desesperda e com lágrimas nos olhos

-Você vai ficar comigo, ate você melhorar- falei dei um beijo em sua testa liguei o carro e sai cantando peneu

Fomos em silêncio a viagem toda, Kylie se aconchegou em meu colo e me abraçou forte. Durante o caminho fui dando beijos em seu ombro e em seu rosto. Mano ela ta acabada. Depois de uma longa viagem,chegamos em casa, estacionei o carro no quintal desci e peguei a garota que agarrou meu pescoço

  -Vanessa prepara uma comida bem carregada pra gente por favor - falei subindo as escadas

-Sim senhor- a senhora respondeu distraída

Entrei em meu quarto e coloquei a garota na cama, mais ela não soltou meu pescoço me fazendo perder o equilibro e cair em cima dela.

-Pode soltar- Falei e tirei suas mãos de minha nuca- Você ta segura agora. Vou cuidar de você

-Não me deixa por favor - falou rouca e me abraçou super forte. Me sentei na cama e a coloquei em meu colo

-O que aconteceu? Me conta tudo. Tudo mesmo- Falei e segurei sua mão com varios cortes

-Mi-minha mãe. Eu acordei e fui pra sala e tinha dois homens de branco,ai eu briguei com eles,e eles me apagaram. Eu acordei em um quarto, aquele quarto, quarto em que eu passei essa semana inteira trancada. Era de lá pro.. Pro quarto do castigo. Eles fizeram coisas horríveis comigo Justin. Eles me estruparam, eles me amordaçaram, eles injetaram drogas horriveis em mim, eles me prenderam feito animal, eles me fizeram dormir amarrada eles.. Eles - antes de terminar a garota caiu no choro. A abracei forte e acariciei suas costas

-Ja passou, ja passou. Eu vou cuidar de você meu amor. Você não vai mais voltar pra sua casa. Você não vai mais chegar perto da sua mãe. Você vai morar comigo por enquanto OK!? - Perguntei e sequei suas lagrimas- não chora, isso acaba comigo

-Eu não quero atrapalhar - falou manhosa

-Tudo que eu mais quero é você aqui comigo. Vamos cuidar desses machucados. - falei a coloquei na cama beijei seus labios rapidamente, levantei e fui no banheiro. Quando voltei Kylie estava com uma arma na mão e a olhava fixamente, corri ate a mesma e peguei o objeto de sua mão - Ta carregada

-Eu sei- Falou

Suspirei me sentei de seu lado fui tirar sua blusa mais ela recuou um pouco

-Hey,eu não vou te fazer nem um mau. Confia em mim, so quero cuidar de você - falei calmo e acariciei seu rosto

-Desculpa- falou baixinho

-Tudo bem- Falei dei um beijo em sua testa e tirei sua blusa. Fiz uma cara de dor ao ver todos seus machucados. Caralho mano.

Seus seios estavam machucados, suas costelas tinham hematomas sua barriga tinha cortes e hematomas suas pernas estavam cheias de roxos gigantes e cortes, sua e sua virilha esta estava com cortes

-Não acha melhor ir pro hospital? - Perguntei examinando seu corpo com os olhos

-Não quero que ninguém toque em mim- falou fraca

-Ok.. Eu mesmo cuido disso- Falei peguei um comprimido e lhe dei

-O que é isso? - Perguntou com medo

-Alivia a dor. Eu sempre tomo- falei e coloquei o comprimido em sua boca

-Aqui esta.. Ai meu deus- Vanessa falou ao entrar no quarto e quase derrubou a bandeija no chão

-Justin- Kylie sussurrou. A cubri e fui ate a senhora

-Ta dispensada- falei e voltei pra cama

-Perdão. Boa noite- a senhora falou em choque e saiu

-Eu to tão ruim assim? - A garota perguntou

-Claro que não - falei peguei um pano e comecei a passar delicadamente em suas pernas a fazendo solta um grito

-Quero me olhar no espelho - Falou baixinho

-Kylie e melhor na..

-Eu quero me olhar me espelho Justin! - Falou em um tom mais alto me interrompendo

-Ok - Falei me rendendo levantei a peguei no colo fui pro banheiro e a coloquei na frente do espelho - pronto

-Meu deus- Falou assutada

-Eu falei que era melhor não - falei a peguei no colo e fui pra dentro do boxer. Liguei o chuveiro e deixei a agua cair por seu corpo a fazendo soltar um grito fraco e segurar forte em meu braço.

Lhe dei um beijo rapido e depois a ajudei a tomar banho, de roupa mesmo. Quando terminamos, a peguei no colo e fui pro closet. Procurei alguma roupa dela achei uma calcinha e um shorts moleton curtinho que ela provavelmente esqueceu aqui ano passado, então pra minha sorte vai ficar mais curto ainda, e peguei uma blusa minha. A ajudei a se secar com cuidado e a ajudei a se vestir. Ia pegá-la no colo mais ela me parou a olhei sem entender

-Que foi? - Perguntei

-Eu vou sozinha - falou rouca,provavelmente de tanto gritar e tentou dar um paso mais logo suas pernas falharam ela caiu de joelhos no chão e soltou um grito rouco. A peguei rapidamente no colo fui pro quarto e a coloquei na cama

-Enquanto você não estiver totalmente recuperada, eu vou cuidar de você. Deixa eu fazer isso? Deixa eu cuidar de você? - Perguntei coloquei a mão em sua nuca me aproximei deixando nossas testas coladas e acariciei o canto de seu rosto com o dedão. Ela apenas assentiu e me beijou ferozmente - Hey, vai com calma, não quero ficar excitado - Falei e ela riu pelo nariz e me beijou novamente

A coloquei em meu colo com cuidado e deixei minhas mão de meu lado, ja que seu corpo esta inteiramente machucado. Manoo, eu preciso comer ela

-Você ta de pau duro- Falou entre o beijo

-Dificil não ficar. Vamo comer? -Perguntei e beijei de leve seu pescoço

-Uhun- Falou e se deitou com cuidado

-Vou esquentar a comida - Falei me levantei peguei a arma e coloquei a mesma em meu quadril. Não vou bobiar né. Peguei a bandeja desci pra cozinha e fui de encontro com a Kim que so pelo olhar quase me matou - sai daqui

-Me devolve ela! - Sussurou e veio ate mim

-Nunca! Cara você é um monstro!  Você sabe o que sua filha passou lá!? Ela ta traumatizada mano! Ela ta com medo de tudo e de todos! Você praticamente acabou com a vida de uma menina de 18 anos! -sussurrei e senti meu sangue ferver. Minhas vontade e acabar com essa vadia lazarenta, mais ela é esposa do meu patrão

-Ela tem 19!- Me corrigiu

-Ele tem 18!- Falei - sai daqui agora! Minha casa não é puteiro!

Recebi um tapa forte no rosto e revidei com outro mais forte ainda a fazendo cair no chão

-Não mexe comigo vadia! - Falei fui pra cozinha, e coloquei o prato da Kylie no microondas

-JUSTIN! -Ouvi os gritos de Kylie e percebi que a vadia não estava mais aqui.

-Cadela- sussurrei e subi correndo para meu quarto.

Chegando lá, vi a vadia puxando a menina com força da cama, fui ate a mesma e a empurrei com força no chão me sentei do lado da Kylie e ela rapidamente me abraçou tremendo

-Calma,ja passou. Ela te machucou? - perguntei e coloquei um mexa de seu cabelo atras da orelha

-Tudo bem- falou baixinho e me abraçou novamente escondendo seu rosto em meu peito

-Você quebrou meu pé seu vagabudo- Kim falou brava no chão
-Você que caiu- falei sorri debochado e pisquei pra ela

-Você não passa de um viado de merda- falou e se levantou

-Viado? Eu? Kim, se eu faço sua filha gritar so da minha musica tocar na playlist dela imagina na cama - Falei me levantei Cruzei os braços e sorri vitorioso. A mulher revirou os olhos e saiu mancando furiosa

-Gente.. Gostei- Kylie falou e riu baixinho

-Mulher insuportável. Vou pegar sua comida, e falar pra não deixarem mais ela entrar- Falei beijei seus labios e fui em direção a porta

-Justin - Chamou por meu nome. Me virei a olhei- você bateu nela?

-Bom.. Tecnicamente sim- Falei meio sem jeito

-Como assim? - perguntou e me olhou confusa

-Eu revidei. Ela me deu um tapa e eu revidei.. Mais forte- falei passei a mão no cabelo e mordi meus lábios - Desculpa

-Tudo bem, você fez o que e os leitores queriam- Falou e sorriu lindamente pra mim

-Besta- Falei ri pelo nariz e desci em direção a cozinha.

Peguei a comida da Kylie e subi. A ajudei a comer e depois a deixei assistindo filme enquanto tomava um banho pra tirar aquele cheiro nojento de hospital. Passamos a noite conversando e assistindo filme. Algumas vezes eu sem querer, SEM QUERER, acabava perdendo o controle e a beijava, sem querer gente eu juro. Kylie adormeceu agarrada em mim e me apertava como se eu fosse fugir em qualquer momento. A bichinha e forte ate dormindo. Tenho certeza que em um mês e pouquinho todos esse machucados ja terão sumidos e ea voltará a ser linda e perfeita como sempre.


   


Notas Finais


Awn gente, eles são tão fofineos.

So por eu ser muito legal, e por causa de uma leitora que eu asmei postei agora. Próximos capítulos e so putaria.. E cadeia. Hahaha


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...