História Suddenly It Becomes​ All 2 - Capítulo 45


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Visualizações 13
Palavras 657
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ficção

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 45 - 45


Harry: O que acha de testar se seu biquíni novo é forte?

Ó olhei.

-O que?

Harry: Me parece tão fraquinho, deixa eu puxar. Se rasgar é do bom, se não rasgar precisa troca.

-Ta querendo dizer que é feio?

Harry: Tô querendo transar, serve?

-Serve...

Ele abriu minhas pernas aos poucos e acariciou minha intimidade ainda coberta pela parte debaixo do biquíni.

-Espero que as crianças não resolvam aparecer... Ow...

Nesse momento ele enfiava dois dedos enquanto gemia abafado.

Harry: Se isso acontecer, nós afogamos eles.. E fazemos outros dois.

Ri e ele me acompanhou. Até que ele puxa a parte debaixo do biquíni e encosta a boca, passando levemente sua língua nas partes sensíveis, em seguida chupava profundo, me fazendo gemer alto e manhosa.

Harry: Mais baixo, se mamãe aparece, eu me fodo em todos os sentidos.

Passou a língua em seus lábios.

Harry: Você e sua mania de me deixar duro só por usar biquíni.

-Você e sua mania de me deixar molhada só por tirar a camisa.

Me beijou.

Harry: Você merecia apanhar agora por me endurecer na frente da minha irmã.

-Quem sabe amanhã, quando sua mãe sair, você pode me bater a vontade...

Sua mão vai até minhas coxas e me dá uma tapa.

Harry: Eloisa, Eloisa... É bom não provocar, tô avisando..

Sinto sua mão na minha intimidade e enfia dois dedos, em movimentos entrando e saindo. Logo ele tira, passa o dedo na boca, volta aos afazeres. Enfim, desci da borda ficando a frente com ele, assim minhas pernas vão em volta a sua cintura e minhas mãos em seus ombros, vejo sua mão ir até a sunga preta e abaixa a mesma, segurando seu membro em minha direção e sinto ele pincelar a entrada e depois enfia quase parando, nós fazendo gemer baixo e quase acompanhando seus movimentos. Cada vez à água ficava mais quente, assim como nossos corpos.

Enfim, ele saí de mim, me encostando na parede fria da piscina e me beija, com suas mãos em minha cintura e sinto seu membro tocar minha intimidade por estar duro e para fora da sunga.

Harry: Te amo.

-Te amo.

Sorri e beijei ele. Novamente a água vai ficando fria e meu corpo não se acostuma com isso, socorro.

-A água esfriou.

Harry: Nunca deixou de ser fria, okay? Nossos corpos que estão em chamas. E você é safada.

-Eu sei, agora continua.

Puxei ele para mas perto, ele massageia meus seios, ainda cobertos, deposita beijinhos, mas logo os liberta e chupa o esquerdo com total vontade e passa a língua molhada e quente em meu mamilo. Até que enjoa deste e vai para o direito fazendo a mesma coisa, mas para rápido e volta a me beijar.

Harry: Amanhã, minha mãe provavelmente vai chamar umas tias, primas e primos meus, no almoço pra te ver.

-Okay.

Harry: De noite vou num pub com uns primos.

Sentei novamente na borda, ajeitando o biquíni e ele me ajudava.

-Está muito solto em Londres..

Harry: Ciúme?

-Óbvio, já ouviu falar em putas que andam soltas com shortinho no útero, olhando os caras que tem mulher? É, essas mesmo, se te pegar com uma, arranco o cabelo duro dela.

Harry: Credo, é só ir num pub com meus primos, beber umas três e voltar.

-Três... Mil?

Harry: Muito engraçada...

-Conheço quando diz que vai beber duas ou três e volta pra casa..

Harry: Volto sóbrio, prometo.

Beijou meu pescoço.

-Espero que lembre disso..

Harry: Vou lembrar..

Sua mão que estava em minha cintura, sobe aos poucos até minha nuca e me puxa para um beijo quente. Que é separado por um grito vindo de dentro.. De bronca.

Anne: HARRY E ELOISA, ENTREM AGORA, ANTES QUE PEGUEM UMA DOENÇA!

Harry: ESTAMOS INDO!

-É melhor irmos, antes que ela venha nós buscar brava.

Harry: Tem razão, mas antes quero um beijo.

Meus braços foram em volta de seu pescoço e suas mãos em minha cintura e quando menos espero, sua boca está mais colada possível na minha e sua língua quente me invade, e vice-versa.

Anne: EU NÃO VOU FALAR PELA SEGUNDA VEZ!!!

Harry: Fodeu Isa, corre!

____________



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...