História Sugar daddy - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Boo Seungkwan, Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", Jeon Wonwoo, Junghan "Jeonghan", Kim Mingyu, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Personagens Originais, Seungcheol "S.Coups", Soonyoung "Hoshi", Wen Junhui "JUN", Xu Ming Hao "THE8"
Visualizações 22
Palavras 1.065
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Um


Eu estava numa festa que Mingyu fez, como um tipo de desculpa para poder pegar Wonwoo, o típico gótico que não dá atenção para ele, dentro deste lugar o que mais sinto é cheiro de álcool, só de falar o nome disso já me enjoa. Não sei nem o que eu estou fazendo neste lugar, eu poderia estar em casa assistindo alguma série na televisão, mas não, estou aqui neste lugar que você mal consegue respirar, nunca mais eu confio no Mingyu. "Vai ser legal Honnie!" Ele disse, se servir de enfeite é legal, eu estou me divertindo para caramba, se existisse um prêmio para maior segurador de vela, claramente eu ganharia esse prêmio. Eu realmente não deveria estar aqui, amanhã tenho que trabalhar, se eu acordar tarde ou me atrasar para o trabalho e o Sr. Kwon me demitir, eu vou matar o Mingyu fazendo ele engolir um violão.

Minha cabeça já estava quase explodindo por conta do som alto, Mingyu já havia sumido de minha vista a muito tempo me deixando sozinho com alguns casais se pegando na minha frente ou ao meu lado. Inacreditável como Mingyu conseguiu me convencer de vir aqui, ele ainda usou uma desculpa de: "Ah, mais se você for, você pode finalmente desencalhar. Já estava na hora de você conseguir um namorado" Nessa última parte talvez ele tenha tenha realmente razão, eu já tenho 19 anos e ainda não perdi o BV. Triste. Cansei de ficar aqui, vou embora para casa, dormir.

- Ei Jihoon! - Mingyu finalmente apareceu. - Para onde você vai?

- Eu vou embora daqui. - Falei simplista. - Cansei de segurar vela de tanta gente..

- Espera! - Me segurou. - Não vai brincar?

- Brincar? De que criatura? - Coloquei as mãos na cintura.

- Verdade ou desafio.

- Verdade ou desafio? - Repeti em tom de pergunta. - É melhor não.

- Por que? Medo dos desafios?

- Óbvio que não!

- Então joga, ué?

- Aish, tá bom!

Ele me arrastou para uma rodinha que continha nela: SeungKwan, Wonwoo, Vernon e Seungcheol. Fiquei do lado de Wonwoo e de SeungKwan, ninguém disse nada apenas Mingyu rodou a garrafa.

Já fazia alguns minutos que estávamos jogando, e a garrafa ainda não tinha parado em mim, não que eu esteja reclamando. Até que por azar a maldita cai em mim e Mingyu.

- Verdade ou desafio Jihonnie?

- Ver... desafio.

- Hm... Deixa eu pensar. - O que será que se passa na cabeça desse ser? - Ah, já sei. - Sorriu malicioso. - Eu te desafio a baixar um aplicativo chamado Sugar Baby se vestir com roupas femininas e conseguir um Daddy.

- O que? - Ele só podia estar brincando. - Você ficou louco? - Senti minhas bochechas corarem.

- Vai desistir? Que peninha. - Fez bico. - Agora eu sei que você tem medo dos meus desafios.

- Ok, eu faço isso. - Suspirei sabendo que iria me arrepender mais tarde.

- Ótimo. Amanhã SeungKwan e Jeonghan vão comprar as roupas com você. - Sorriu. Maldito!

- Eu te odeio!

- Também te amo.

x-X-x

Já era a tarde do outro dia, eu estava no meu trabalho na empresa do Sr. Kwon, eu era o ajudante do mesmo. Kwon Soonyoung, ele é para quem eu trabalho, um homem de 23 anos, solteiro. Sim, solteiro. Não sei como, por que aquilo não é um ser humano, aquilo é um Deus grego, como vocês perceberam, eu tenho uma quedinha - melhor dizer penhasco - por ele, mas ele nem liga para mim, também quem ligaria para um simples ajudante? Triste. Já eram 16:58, faltavam apenas dois minutos para meu expediente acabar e eu ir para casa, infelizmente, Jeonghan e SeungKwan iriam vir me buscar para fazer "compras" para cumprir o desafio feito por Kim desgraçado Mingyu.

- Jihoon?

- Sim Sr.Kwon?

- Seu expediente acabou a uns cinco minutos. Não vai embora?

- Ah, sim. Até amanhã Sr.Kwon. - Sai do escritório.

Fui para fora já vendo o carro de Jeonghan na frente da entrada, sem falar nenhuma palavra entrei no carro.

- Como foi no trabalho hoje, Honnie? - O mais velho perguntou.

- Normal.

- Está pronto para fazer compras? - SeungKwan perguntou.

- Porque eu aceitei esse desafio? - Me lamentei.

x-X-x

- Olha Jihoon, que saia bonita. - Me mostrou uma saia curta preta.

- Hm... Já está bom de roupas, não acham?

- E verdade... Agora é só pagar e começar a tirar as fotos.

E lá foram eles pagar aquela tonelada de roupas que eles haviam comprado para mim. Mereço. Jeonghan e SeungKwan dividem um apartamento comigo, dividendos isso teria que aguentar eles falando bobagens a noite toda hoje, haja paciência.

- Vamos, já pagamos. - Voltaram.

- Eu tenho mesmo que fazer isso? - Fiz bico.

- Pense pelo lado bom, você pode desencalhar e perderJihoonu - SeungKwan falou.

- Aigoo, isso é vergonhoso.

- Aceitou o desafio por que quis. - Saímos da loja indo para o carro.

Já tínhamos chegado em casa e eu estava jogado no sofá tomando coragem para abrir o aplicativo recém instalado, Jeonghan falava algumas coisas que eu não prestava atenção.

- Vamos logo Jihoon! - Falou - Abre logo isso!

- Calma! - Ele pegou o celular da minha mão abrindo o aplicativo. - Me dá para eu fazer a conta. -...Pronto. Que nome de usuários eu coloco?

- Baby Boy. - SeungKwan sugeriu.

- Que clichê. - Fiz careta.

- Coloca logo Jihoon!

- Tá, tá!

- Vamos lá para cima para escolher uma roupa para você. - Me puxou para o quarto.

Observei as coisas vendo diversas saias, moletons e até mesmo calcinhas. Corei levemente.

- Veste esse. - Ele me deu mias calças pretas e um moletom também preto.

Coloquei a peça sentindo minhas bochechas corarem.

- Ai que fofo! - Abaixei a cabeça.

- Saiam daqui, eu consigo tirar as fotos sozinho.

- Tá bom, mas depois queremos ver. - Deixaram o quarto.

Depois de tirar milhares de fotos escolhi uma e postei, largando o celular na cama e estampando os olhos.

- Já? - Jeonghan apareceu na porta depois de uns trinta minutos.

- Já. - Continuava na mesma posição.

Ele pegou o celular jogado na cama e viu a foto que Jihoon postou.

- Olha, se eu não namorasse o SeungCheol eu te pegaria.

- Hyung! - Cobriu os olhos.

- Olha já está popularzinho. - Mostrou o celular aberto no aplicativo vendo que conseguirá muitos seguidores e muitas curtidas e comentários na foto.

- Aigoo.

- Olha só... - SeungKwan falou pegando o celular da mão de Jeonghan. - Uma mensagem.

- Cadê? - Puxou o aparelho da mão do outro vendo a seguinte mensagem:

DaddySoon: Olá Baby



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...