História Suicide Squad-Taehyung BTS - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Esquadrão Suicida
Personagens Harleen Frances Quinzel / Harley Quinn (Arlequina), J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Alessahhh, Arlequina, Bts, Esquadrão Suicida, Hoseok, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Rap Monter, Suga, Taehyung, Yoongi
Exibições 86
Palavras 664
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Hentai, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Aqui está mais um capítulo dessa ideia louca que eu tive espero que gostem

Capítulo 2 - Você?


Fanfic / Fanfiction Suicide Squad-Taehyung BTS - Capítulo 2 - Você?

- O que ainda estava fazendo aqui Harley?- A professora pergunta, uma mulher gentil que adorava cada um dos seus alunos e sua preferida era Harley.

- Esperando meu pudinzinho professora!

- Quem?- A mulher não entende a afirmação da mais nova e a olha como se a mesma fosse doida

- Meu amigo eu chamo ele assim às vezes- Nesse momento um garoto um pouco mais alto que a menina chega gritando “Arlequina” à garota se despede da professora e vai atrás do moreno.

As memorias vinham a atormentando regulamente, logo agora que a garota pensava ter enterrado o passado de vez ele insistia em voltar a atormenta-la e a doutora acorda com lagrimas nos olhos.

Olhou o relógio ao seu lado e constatou que ainda eram quatro horas da manhã não conseguiria mais dormir então ligou para a única pessoa que realmente entenderia.

Ligação On

- Ali preciso de você

- O que foi amiga?

- Eu sei que é besteira, mas encontraram alguma coisa sobre o Tae?- Realmente era besteira Taehyung tinha sumido há quatro anos e até hoje não sabíamos nada dele nem seu corpo foi encontrado

- Bem que eu gostaria- Mesmo já sabendo a resposta lagrimas vem ao rosto de Harley- Por quê?

- Ando tendo sonho com ele memorias na verdade

- Infelizmente nada- Uma pausa e a garota pensa que a outra teria desligado- Você... Sabe que a policia parou de procurar não sabe?

- Sei só que eu sinto que ele esta vivo

- Não é bom ter tanta esperança

Ligação Off

Ela desliga deixando a doutora com suas lagrimas, quando Harley percebi já é hora de se arrumar para se dirigir ao sanatório.

- Bom dia doutora!- Yugyeom pergunta feliz decidira chamar a doutora pra sair, mas quando olha para a mesma percebe as olheiras por trás da maquiagem- Harley você está bem?- Já se sentia próximo da doutora para trata-la pelo seu primeiro nome

- Estou só chame meu paciente- Ele não discuti e a doutora vai para sua sala que já estava bem mais apresentável com fotos suas e dele juntos quando criança colocadas ali no dia anterior

- Olá doutora!- O de cabelos verdes entra na sala escoltado por dois guardas que o deixam em sua cadeira e saem

- Olá senhor Kim- Em suas consultas passadas a garota finalmente tinha conseguido pelo menos uma parte do nome de seu paciente que antes já avia desconfiado ser asiático agora tinha a prova de que ele era coreano- Como está hoje?

- Minha querida eu vivo para nossas consultas!

- Que bom saber que ela são agradáveis para o senhor- O paciente levanta da cadeira e a doutora já entra em estado de alerta- Senhor Kim sente-se

- Venha me pegar- O garoto começa a correr pela sala e a doutora vai atrás quando eles caem o até então chamado de Coringa puxa a doutora para cima de si e fala com uma voz de menina- Vai ser meu amigo para sempre não vai Tae- Ele altera a voz mudando para a de um garoto- Claro que sim, sabe por quê?- A doutora paralisa com aquelas palavras e as lembranças que com elas vinham- Não

- Para- O garoto fica por cima dela- Por favor, PARA!

- Porque eu te amo- Ele a beija as memorias voltam como um soco para Harley que não sabe o que fazer a não ser ficar ali parada ele pede passagem com a língua e ela por algum motivo cede, a garota o empurra por falta de ar e leva a mão aos lábios.

- Você está vivo! Como

- Não sei do que você está falando

- Taehyung

- Não me chame assim- Ele disfere um tapa forte contra o rosto da doutora o que chama a atenção dos guardas que o agarram e vão levando-o de volta a cela

- TAE- Ela tenta ir atrás, mas é impedida pelo assistente que a olhava preocupado.


Notas Finais


Infelizmente ficou menor que o normal, mas foi só para não deixar a fic sem atualização mesmo assim espero que estejam gostando.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...