História Summer 2016 (interativa) - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Interativa, Verão
Exibições 27
Palavras 557
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Self Inserction, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Oioi gentt
{adivinha quem finalmente está conseguindo postar? Eu mesma bella linda maddox argent}
— espero que gostem desse capítulo, não sei se está muito pequeno e..
[ 100% livre de gorduras, calorias e revisão ]
- desculpem os erros.

Capítulo 4 - :: começo ::


1 de Julho de 2016

Los Angeles – Califórnia

 

pov Brooke

"As melhores coisas são as que passam mais rápido", uma vez alguém me disse, não me lembro ao certo quem mas provavelmente não irei lembrar também, não posso negar que essa foi uma das maiores verdades de minha vida, Terceiro ano, quem diria? Parece que o ano mal começou, e já estamos em seu meio? Parece que sim. Mas isso não importa agora, vamos a minha história dramática "Século 21, não é de se esperar que todos saiam de casa toda manhã para fazer algo da vida, não mesmo. Acredito ser o caso de muitos, além do meu, ou posso simplesmente estar errada, afinal eu cometo erros. Continuando, meus pais meio que me "obrigaram" a estar aqui agora, com aqui, quero dizer em um carro grande e preto indo pegar um ônibus para um acampamento que eu nem sequer conheço, esse é o fim de minha grande história dramática."

— Qual sentido e necessidade disso? – pergunto me virando no banco

— Simples, achamos que deveria sair mais, ou ter algum contato com natureza. – meu pai respondeu em tom forte

— Contato com natureza? Não é melhor plantar uma rosa em algum vaso e deixar ao meu lado? – esperei uma resposta por alguns minutos, mas logo após percebi que estava apenas um completo silêncio no carro

°°°

Alguns minutos, aproximadamente uns 40 minutos após, chegamos em sua estação para pegar o ônibus, definitivamente não estava cheio, mas vazio obviamente também não. Havia algumas pessoas, não muitas, mas dava para o caso. 

Me acomodei em um mesa ali perto observando o carro de meu pai partir lentamente, literalmente lentamente. Dei mais uma observada no local, haviam meninos e meninas conversando, e alguns outros encostados em paredes isolados do mundo. Não acho que eu estava isolada de alguém ou algo, só acho que eu sou boa demais para todos até que me provem o contrário.

•••

pov Holland

Ja havia chegado nesse ponto faz alguns minutos, acho que uns 10 minutos, apenas acho. Era um lugar, como descrever? Meio que chato de certo modo, claro, tinham algumas pessoas animadas, muitas na verdade. Mas quanto ao lugar em si, apenas mesas, cadeiras e alguns papéis jogados na grama extremamente verde do local o componham. Seja como for, não tem volta atrás, os que decidiram ou mesmo foram obrigados não podem simplesmente voltar para suas casas como se nunca estivessem mesmo por um segundo pisado na grama desse lugar. Não acho que existiria alguma chance de coisas como essas acontecerem. 

Olhei em volta, haviam algumas pessoas que pareciam ser legais aqui, talvez não,mas quanto custa apenas uma tentativa? Andei pelo lugar procurando apenas um rosto para falar um só "Olá" ou algo mais, enfim, missão concluída.

— Olá – disse alegremente 

— Olá, qual seu nome? – era um garoto, deveria medir uns 1,80, olhos azuis e cabelos castanhos, sua pele era clara támbem. Realmente, era lindo.

— Ryan e o seu garota loira? – dei uma pequena risada, e respondi

— Holland – peguei uma cadeira e sentei ao seu lado

— Então, tudo bem "Holland"? – me perguntou 

— Está tudo – parei por alguns segundos para pensar em minha resposta, primeira impressão é tudo. — tudo ótimo – completei com um grande tom em "ótimo" 

— E com você garoto moreno? – completei minha resposta, com uma pergunta 

— Comigo? Estatuído ótimo também – ele respondeu, assim começou nossa conversa

 

 


Notas Finais


{ Sei que está B E M pequeno, mas prometo postar outro com — provavelmente — mais duas apresentações }
- espero que tenham gostado. Não sou nenhum escritora então...
– Críticas construtivas e opiniões são bem vindas!
— qualquer opinião ou desejo que tenham pelos seus devidos pares, alguma sugestão ou alguém que tenha gostado, é só me avisar que tentarei fazer assim.

🌺 Até o próximo, 🌺


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...