História Summertime. - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Califórnia, Diversão, Jungkook, Namjoom, Park Jimin, Romance, Suga
Exibições 21
Palavras 1.509
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Obrigada por lerem, pessoinhas :3

Capítulo 23 - Brigas.


Fanfic / Fanfiction Summertime. - Capítulo 23 - Brigas.

- Luna On. -

​Estávamos próximos o bastante para dar um beijo. Eu sentia sua respiração cada vez mais ofegante e podia sentir seu cheiro forte de baunilha. Seus olhos são lindos. Pareciam horas, mas foram apenas alguns segundos que ficamos nos entreolhando. Tentei me levantar e ele me ajudou, que vergonha.

Eu: ​Me desculpe. ​- passei a mão no cabelo e me endireitei. -

​Ele se levantou e também se ajeitou. Yoongi ficou totalmente sem jeito.

Eu: ​Bom, eu tenho que ir para casa... Mia já deve estar à caminho. - disse tentando sorrir. -

​Yoongi não falou nada, apenas guardou as coisas e entrou no carro. Não entendi o motivo mas ele não estava agindo normalmente. Fiquei o caminho todo em silencio. Quando chegamos em casa, pensei em falar algo.

Eu: ​Yoongi, obrigada pela tarde. O lanche, estava tudo muito bom. Deveríamos marcar outro dia assim... ​- tentando sorrir. -

Yoongi: Deveríamos? ​- disse com uma expressão seria. -

​Ele realmente não estava bem. Por que aquilo? Falei em um tom mais alto para dar um ênfase maior.

Eu: Yoongi, dá para falar o que aconteceu? Por que não falou nada o caminho todo? - falando alto. -

Yoongi: ​Pelo simples fato de que programei esse dia para que rolasse um clima a mais com nos dois, para que eu pudesse responder sua pergunta. Xau, Luna.

Fiquei congelada. Ele queria alguma coisa comigo? Como assim? Desci do carro e olhei para ele, que saiu arrancando o pneu no chão. Deu a entender que ele apenas queria transar comigo. Não consigo entender Yoongi!

- Mia On. -

​Estou sentada em uma cadeira de rodas ainda, Jin está sentado ao meu lado no sofá e Beatrice também, Danyella está na cozinha e Julie descendo as escadas. Luna abriu a porta e vidramos os olhos nela.

Danyella: ​Luna? Onde você estava? A ultima vez que vimos você foi no hospital de madrugada, todas nós.

Julie virou o rosto e olhou fixamente para Luna, que falou tranquilamente.

Luna: ​Todas vocês? Acho que me viram sim essa manhã. Muitas surpresas...

Danyella: ​Bom, não importa. Agora está aqui e estamos todas em casa. Jin irá jantar conosco essa noite, Luna.

Jin fez um sinal de "oi" com sua mão e eu tentei esconder o riso, mas ele logo percebeu.

​Luna: ​Ah, apenas ele ou mais algum garoto que não conhecemos? Que tal chamar um desconhecido?

Eu não estava entendendo, mas Julie parou de frente para a mesa e pareceu não gostar do que Luna falava. Luna jogou a bolsa encima da mesa e ficou cara a cara  com Julie, eu senti a tensão entre elas.

Luna: ​Oi Julie. Como foi sua manhã hoje? Acordou bem? ​- falando alto. -

Julie: ​Eu não consegui dormir. Mia estava no hospital, esqueceu?

Não estava entendendo por que estavam assim, o que podia ter acontecido entre elas?

Eu: ​Está tudo bem entre vocês? Aconteceu algo? - disse estranhando. -

Luna: ​Claro que está tudo bem. Não está, Julie? Ficamos de manhã conversando sobre uma pessoa, ah como era o nome dela mesmo? Jiman? Jimon? Jimin?

Julie bateu a mão na mesa e todos pararam para olhar. O que estava acontecendo?!

Julie: ​Quer saber, Luna? Conta para eles! Mas que droga! Todos sabem que eu estou com Jimin, estamos ficando tá! E daí? - falando gritando. -

Luna: ​Ah não, não tem problema nenhum estarem ficando, claro que não. O problema maior é vocês estarem transando nessa casa com nossa amiga no hospital!

​Danyella: ​Julie! Você fez isso? Aqui?

Beatrice: ​Ah meninas, qual é? Deve ter sido só uma transa, estamos de férias! - se levantando do sofá. -

Luna: ​Ah claro, apenas uma transa. Se conheceram não faz nem uma semana! Isso é amor?!

Julie: ​Caramba eu gosto dele! Vocês não deviam se meter entre nos dois, estamos bem e não precisamos de ninguém se intrometendo! - disse gritando. -

Luna: ​Nossa Julie, isso não muda o fato de que enquanto você gozava com o Jimin, Mia estava no hospital em estado grave. Julie, você me enoja... - disse rindo. -

​No mesmo instante, Julie saltou sobre a mesa e começou a puxar os cabelos de Luna. Começaram a gritar alto e virou uma discussão que não parecia nunca acabar. Jin tentou separar, mas apenas conseguiu uma mãozada no rosto de Julie.

Eu: ​Ei! Meninas! Parem! - disse gritando. -

​Ninguém me ouviu. O bate boca era alto demais para ouvir a garota sentada na cadeira de rodas. Tentei me levantar, mas minha cabeça doía. Se eu não me levantasse, alguém ali iria sair muito machucado. Consegui me levantar e parei perto deles.

Jin: ​Mia, não por favor, sente-se... - disse vindo em minha direção. -

​Eu: ​Não! Eu não vou sentar! Mas que droga! - disse gritando. -

​As meninas pararam de gritar e eu vi Danyella segurando Julie e Beatrice segurando Luna, que tinha um corte na boca que sangrava.

Eu: ​Chega disso! Dá para pararem?! Julie, devia ter tido um pouco mais de consideração comigo, eu estava mal e você estava fazendo sexo no meu quarto! E Luna, fala tanto nisso porque ainda é virgem! Não adianta esconder, todas nós já sabemos! Mas você só é porque quer, tem oportunidades mas você deixa que fujam! - disse falando alto. - ​Espero que não gritem mais!

Eu subi as escadas pisando forte no chão e bati a porta de meu quarto. Jin veio atrás correndo e também entrou no quarto. Elas se soltaram e foram cada uma para seus lugares. Não ouvi ninguém falar nada naquela casa até amanhecer o dia.

- Beatrice On. -

​Era meia noite e meia e eu não aguentava aquele silencio chato. Eu mudava de canal, aumentava e abaixava o volume, mexia nas configurações da televisão, mas estava tudo chato. Jin desceu do quarto de Mia e pediu para que eu abrisse a porta para ele.

Eu: ​Ela vai ficar bem?

​Jin: ​Vai, só estava com a cabeça doendo, mas vai passar. Pegou no sono faz uns quarenta minutos. ​- sorrindo. -

Eu: Muito obrigada, Seokjin. Desculpa por toda essa vergonha de hoje... - apontei para o arranhão no rosto dele. -

Jin: Ah, tudo bem, sem problemas! ​- rindo e colocando a mão sobre a ferida no rosto. -

​Ele era realmente muito simpático. Entrei e ainda fiquei alguns minutos mexendo na televisão. Subi para o meu quarto e finalmente cheguei a uma conclusão: Essa noite, cada uma dormiu em seu quarto pela primeira vez nas férias. Foi horrível, fiquei horas no celular e quando vim dormir era mais de cinco horas da manhã.

De manhã, também foi estranho. Fui a primeira a sair do quarto e fui na cozinha, depois me joguei no sofá olhando para o teto do tédio. Depois saiu Luna com a cara mais amarrada do mundo, ela com certeza não dormiu bem. Depois saiu Danyella, que ficou encostada na porta da cozinha observando descaradamente Luna. Depois Mia e Julie ao mesmo tempo, que ficaram respectivamente na mesa com Luna e sentada no sofá. Aquele clima tenso nunca iria acabar. Então, me pronunciei.

Eu: ​Então... Quem vai sair hoje?

Ninguém me respondeu. Apenas encararam umas às outras de forma que até eu senti a raiva. Não aguento isso.

Eu: ​Quando vão para com essa idiotice? Até você, Danyella, pensei que fosse madura o suficiente! Estamos de férias, dá para entender? E daí, eu posso aparecer com um cara diferente a cada dia que passo aqui, qual vai ser o problema e de quem vai ser? Apenas e totalmente meu. Não existe o porquê de milhares de pessoas estarem atrapalhando, se eu estou feliz, não deve existir motivos que me abalem! E outra coisa, qual é, estamos de férias! È tão difícil entender? Deveríamos passar esses tempos juntas curtindo, bebendo, passando dias na praia, mas o que estamos fazendo? Desperdiçando nosso tempo brigando, ficando com garotos que sabemos que não é amor de verdade e sim, um sentimento de verão, nos machucando e indo parar no hospital e sentadas na frente dessa televisão enorme! - falando alto. -

​Todas olharam para mim e me encararam.

Eu: ​Olha, não sei vocês mas eu vou na praia pegar um bronze. Desde que chegamos aqui nunca tivemos tempo para nossa amizade! Pensem um pouco. Temos pouco tempo e vocês desperdiçam com bobagem de briga. Estarei na praia.

Me levantei e fui direto abrindo a porta, sem bolsa nem nada.

Danyella: ​Não está levando bolsa e nem está de biquíni.

Eu: Entro no mar pelada! - disse gritando e fechando a porta. -

​Não sei o que aconteceu mas fiquei na praia observando aquele lindo mar azul. Pensei no meu futuro. Pensei no meu pai e meus irmãos. Pensei no Namjoon e em como ele era bom para mim. Pensei nas meninas. Pensei que não iam vim. Aos poucos, vi elas surgindo com bolsas de praia e vestidas de roupas de banho. Vinham todas juntas.

Eu: ​Espero que tenha um biquíni ai dentro dessa bolsa para mim! ​- sorrindo. -


Notas Finais


Obrigada por lerem! Voltem sempre e espero que tenham gostado, comentem o que acharam :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...