História Super Filhos - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Batman
Personagens Damian Wayne
Tags Gay, Robin, Romance, Super Sons, Superboy
Visualizações 33
Palavras 674
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Universo Alternativo
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - A Conversa


Fanfic / Fanfiction Super Filhos - Capítulo 4 - A Conversa

Chegando na caverna , Damian foi sorrateiramente guardar a moto , ao se aproximar da garagem ele encontrou Alfred em seus pijamas , que , para seu alivio , fingiu não te-lo visto . Com a moto guardada , ele foi para seu quarto , passado antes pelo estábulo para ver a sua vaca de estimação ; nos seus aposentos , ele começou a organizar as novas informações que ele adquiriu naquela noite , tentando achar uma conexão entre elas e o resto da sua investigação ; depois de duas horas se obter resultados , ele decidiu dormir .

No dia seguinte , logo após o café da manhã , ele iniciou seu treinamento diário ,  começando com seu treino de espada , depois lançamento de boomerangues , finalizando com o treino de luta corpo à corpo , com o auxilio de seu pai . Após  tudo isso ele foi para as suas aulas com Alfred , que tentava ensinar as matérias que um garoto da idade dele deveria aprender na escola , porém Damian já havia aprendido os conteúdos que um universitário estaria aprendendo , ele sempre dizia que já poderia ter um PHD em geografia , se não fosse pelo fato de sua mãe ter assassinado o seu antigo professor , mas Alfred continuava a ensina-lo sem aceitar desculpas .

Durante a noite , Bruce havia saído em uma missão com a Liga , então Dick ficou encarregado de fazer a patrulha naquela noite ; ao passar pela caverna antes de sair ele chamou Damian para acompanha-lo , o garoto obviamente aceitou o convite , depois de se equiparem , eles saíram em duas motos , dessa vez Damian estava usando uma antiga do Dick , da época em que ele era Robin , ao perguntar o por quê dele não ter sua própria moto , o Robin original , em tom de brincadeira , falou que ele era muito novo para possuir uma  ; enraivecido com a resposta , eles saíram noite adentro .

A patrulha em si não foi tão emocionante , nada de mais aconteceu , só um roubo ao um banco , um pouco de trafico e alguns assaltos a mão armada , uma noite relativamente calma Gotham ; em um dos vários momentos de tranquilidade em que tentavam localizar crimes , Robin falou :

- Dick ... você pode me ajudar numa coisa ?

- Claro irmãozinho ! Com o que você quer que eu te ajude ? - Disse Asa Noturna surpreso pela pergunta.

- É que ... bem ... eu queria saber ... já que você é um cara sentimental e coisa do tipo...

- Desembucha logo ! - Falou o rapaz 

- Ok ok tá bom ... eu queria saber o que significa quando você sente uma estranha sensação raiva quando alguém que você é próximo se machuca ... e quando você não quer sair de perto dessa mesma pessoa - Desabafou o garoto que corou levemente ao dizer a ultima frase .

- Em todos esses meus anos de experiência com sentimentos , eu diria que isso é paixão .

- Paixão tipo de amor ?

- Exatamente ! Mas por que você queria me perguntar isso hein ? Por quem é que o pequeno Damian está apaixonado ?- Disse Dick rindo. 

- Sai fora Grayson ! Eu não estou apaixonado por ninguém , eu perguntei porque eu vi num livro e não entendi o que o autor queria dizer  ! Só isso ! - Mentiu o menino prodígio .

- Sei sei ... mas mudando de assunto , acabei de avistar um assalto a dois quarteirões daqui , quer fazer as honras ?

Mas antes de acabar a pergunta , Damian já estava a caminho do crime , sendo puxado pelo seu grappling hook , Dick foi logo atrás  , com um mortal , caiu no prédio da frente e foi correndo a encontro do seu irmão caçula , que não sabia ao certo como estava se sentindo depois dessa conversa .



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...