História SuperGirl (Minha Versão) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Batman, Justiça Jovem, Liga da Justiça, Novos Titãs (Teen Titans), Supergirl, Superman, The Flash
Personagens Barry Allen (Flash), Bruce Wayne (Batman), Clark Kent (Superman), Damian Wayne, Eliza Danvers, Jeremiah Danvers, J'onn J'onzz "John Jones" (Caçador de Marte), Kara Zor-El (Supergirl), Kon-El (Superboy), Ravena, Wally West (Kid Flash)
Tags Supergirl
Exibições 212
Palavras 3.020
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Super Power, Violência
Avisos: Álcool, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Por favor se não gostarem me avisem, essa e minha primeira fanfic.

Capítulo 1 - Quem é ele?


Fanfic / Fanfiction SuperGirl (Minha Versão) - Capítulo 1 - Quem é ele?

P.O.V Kara        

Oi meu nome é Kara Zor-El ou como sou conhecida aqui na Terra Kara Danvers, tenho 16 anos, é eu vivo na Terra a 5 anos,  eu sou branquinha, meus cabelos loiros natural na altura da cintura, e tenho os olhos azuis céu, não sou muito alta, tenho altura normal para a minha idade. Com certeza vocês conhecem a história do SuperMan ou o Homem de Aço, ele é meu primo, seu nome na Terra é Clark Kent. Mais essa é minha história. Como mais um dia aqui na Terra, acordei fiz minha higiene matinal, para ir pra a escola. A roupa que eu iria usar hoje era bem simples; Uma blusa preta com bolinhas roxa, uma calça jeans, com uma jaqueta de couro preta, e um tênis all star, com o meu cordão preferido de coruja e os meus cabelos soltos. Meus pais adotivos estão viajando á trabalho, fiquei sozinha em casa.

Para ir pra escola irei voando, pois não tenho carro e meus pais deixar eu usar meus poderes sem me expor pra todo mundo. E como tenho os mesmos poderes que o meu primo. Um minuto depois estava num beco deserto, eu fiz um pouso calmo. E vou caminhando o resto do caminho até a escola.

Vou a encontro dos meus amigos Damian e Wally, são meus melhores amigos no mundo todo. Damian é lindo, seus olhos são verdes, seus cabelos são negros como a noite, sua pele é branquinha, ele saber lutar vários tipos de artes marciais, Damian é filho de Bruce Wayne. O Wally é ruivo, dos olhos verdes, também é branquinho, ele é filho do Barry Allen. Wal e o Dan são amigos desde, de crianças, quando me conhecerem gostaram muito de mim, agora somos todos grandes amigos.

- Bom dia meninos. Como foi as férias de vocês? –Hoje era o primeiro dia de aula do ano. –A minha foi incrível, meus pais estão viajando, o primeiro mês de aulas sem pais. Legal né?

- Incrível, aproveita pra ir na festa dessa sexta-feira, na minha casa. –Damian adora dar festas. – Meu pai também ta viajando, eu vou dar festas incríveis esse mês. – Ele disse todo entusiasmando.

- O Damian já me contou que vai ter muitas pessoas, ele já convidou metade da escola. – Falou Wally todo feliz. – Minhas férias foram legais. Passou muito devagar.

- Sério Wally? Tudo pra você passa devagar. –Falou Damian caindo na gargalhada, comigo acompanhando ele. Acho que esqueci de falar que o Wally também tem poderes como eu, mais ele só é rápido com o Flash, ele é o Kid Flash. O Damian é o Robin, mais não tem poderes como a gente. Mais eles pode ser heróis e eu não posso.

- Hahaha vocês são hilários. – Wally falou com o tom sarcástico

– Kara você vai pra festa? –Perguntou Damian parando de rir.

- Vou sim. – De repente eu sinto um formigamento na nuca, olho pra trás e vejo um garoto que eu nunca vi, ele aparentava ter minha idade, um pouco mais alto, cabelos negros, olhos azuis como o mar, sua pele era como a minha branca, mais não muito. Quando ele percebeu que eu estava olhando pra ele, ele deu um sorriso de derrete qualquer um, e começou a andar a ter mim e os meninos.

- Oi. Sou Conner Kent. – Falou Conner sorrindo tímido.

- Oi, sou Damian Wayne. Você é novo aqui né? – Perguntou curioso o Damian

- Sim, meu pai me mandou morar como uma família que e amigo dele. A família Danvers. – Foi ai que eu acordei do meu transe por Conner.

- Desculpe, você vai ficar com quem? – Falei em choque com o que tinha ouvido. Esse super gato vai morar na minha casa.

- Vou morar com a família Danvers. Você os conhece a...

- Kara. Kara Danvers. –Respondi rindo de mim mesma por não ter me apresentado ainda.

-Oh. Muito prazer Kara. Acho que irei morar com você e sua família.

-Oi, meu nome é Wally Allen. – Disse Wally que ainda não tinha ser apresentado.

-Muito prazer. Conner Kent. Kara você poderia me levar na secretaria? – Pediu nervoso.

- Claro. – Já que ele vai morar comigo então é bom ser simpática, e ele é lindo. – Vamos?

- Vamos. Tchau Wally e Damian.

- Ei Kara chamar o Conner pra ir na festa, a gente se ver no intervalo. – Damian falou. Assenti com a cabeça.

-Tchau Conner. – Os meninos disseram juntos, acenando com as mãos.

No caminho para a secretaria, eu pensei no que acabou de acontece Conner era filho de quem?

- Kara, você ta bem? – Conner falou me tirando dos meus pensamentos.

-Sim, me desculpe. Mais qual é o nome do seu pai? - Perguntei sorrindo.

- Clark Kent. Por que Kara? –Ele perguntou curioso.

-Por nada. Então você vai morar comigo e com os meus pais? –Pergunte puxando assunto. Meu Deus meu primo tem um filho. Será que ele tem Super Poderes como eu?

-Sim. – Chegamos na secretaria.

-Vou esperar por você aqui. – Ele assentiu com a cabeça e entrou.

Peguei meu celular para conversa com o Damian sobre a festa de sexta-feira.

Mensagem ON

-Dan, a festa vai ter um tema?

-Sim, vai ser uma festa á fantasia. Eu vou com meu uniforme de Robin e o Wally vai de Kid Flash, é você K vai como?

-Vou fazer uma fantasia como a do Super mais na versão feminina, você vai ver.

-Já sei que vai fica linda. Você sempre arrasa nas festas. Você já chamou o Conner pra festa?

-Ainda não mais vou chamar. Ele já está vindo, nos vemos no intervalo. Tchau.

- Tchau. ;*

Mensagem OOF

-Desculpa a demora. – Conner estava sorrindo.

- Não tem problema. Qual sua primeira aula? – Perguntei curiosa. Ele me mostrou o horário semanal dele.

- Matemática - 50 minutos. - 8: 00 – 8: 50

-Ciências – 50 minutos. – 8: 50 – 9: 40

-Geografia - 50 minutos -9: 40 - 10: 30

-História - 50 minutos -10: 30 – 11: 20

-Intervalo – 30 minutos – 11: 20 – 11: 40

-Informática – 50 minutos – 11: 40 – 12: 30

-Artes – 50 minutos – 12: 30 – 13: 20

-Educação física – 50 minutos – 13: 20 – 14: 10

-Parece que vamos estudar tudo juntos. Poderia me disse as horas Con? – Perguntei preocupa

-São 7: 50. Estamos atrasados, desculpa Kara. – Ele estava sendo sincero, mais tínhamos tempo ainda.

- Ainda temos tempo pra aula começar, mas melhor irmos. Vamos?

-Vamos! Poderia mostrar o caminho? – Ele perguntou sendo fofo.

- Claro. – Fomos, caminhado em silencio, ai o silencio ficou constrangedor. – Então o Damian vai dar uma festa á fantasia sexta-feira, você gostaria de ir? – Perguntei quebrando o silencio.

- Você está me chamando para sair? –Ele perguntou constrangido.

- N-Não. O Damian pediu para mi convidar-lo. Você vai querer ir? – Eu devia estar mais vermelha que uma pimenta.

-Sim, você vai?

-Sim, mais ainda vou fazer uma fantasia. Você já tem uma fantasia?

-Sim. Chegamos na sala? – Ele perguntou, só agora percebi que já estávamos na frente da sala.

-Sim. – Entramos, e Conner foi conversar com o professor. Ele se apresentou para a classe, depois ser sentou do meu lado. Como a aula estava chata comecei a desenhar a minha fantasia para a festa.

P.O.V  Conner

Oi meu nome e Conner Kent, eu tenho 17 anos, minha pele é branca, meus olhos são azuis mar, meus cabelos são negros. Sou alto mais não muito. Bom meu pai me mandou morar com uma família que e amigo dele. Os Danvers. Quando cheguei na casa dos Danvers, não encontrei ninguém, meu pai me avisou que eu só iria encontrar a filha dos Danvers. Qual era mesmo o nome dela Kareh, eu acho que é Kara. Mais como não encontrei ninguém peguei minha mochila é foi pra escola, eu foi voando mesmo. Eu esqueci de conta tenho os mesmo super poderes do SuperMan é ele meu pai. Um minuto e meio eu já estava na escola. Eu não conhecia ninguém, então eu vir ela uma garota linda, diferente das outras, com os cabelos soltos a altura da cintura, sua pele era linda, quando ela se virou pra mim, e seus olhos azuis céu. Eu dei um sorriso para ela. Eu resolvi me apresenta, então caminhei até ela e seus amigos.

- Oi. Sou Conner Kent. – Eu me apresentei em meio a um sorriso para ela e seus amigos.

- Oi. Sou Damian Wayne. Você é novo aqui né? – Ele me parece ser curioso melhor tomar cuidado.

- Sim, meu pai me mandou morar como uma família que e amigo dele. A família Danvers. – Resolvi responder a pergunta dele.

-Desculpe, você vai ficar com quem? –Ela me perguntou meio em estado de choque. Sua voz é linda. Como tudo nela. Ela esqueceu de ser apresenta mais isso vai mudar.

- Vou morar com a família Danvers. Você os conhece a... –Perguntei como quem não quer nada.

-Kara. Kara Danvers. – Meu Deus eu vou ficar na casa dessa gata, eu fiquei um pouco supreso.

-Oh. Muito prazer Kara. Acho que irei morar com você e sua família. – Alguém falou antes que eu ou ela responder-se.

-Oi, meu nome é Wally Allen. – Disse Wally que ainda não tinha ser apresentado.

-Muito prazer. Conner Kent. Kara você poderia me levar na secretaria? – Eu pedir meio nervoso com um sorriso.

- Claro. – Eu pensei que já que vamos morar juntos, não teria problema ser eu pedisse pra ela me levar lá. – Vamos?

- Vamos. Tchau Wally e Damian. – Eu dei um tchau com a mão, indo na frente enquanto Kara se despedia dos amigos dela.

Quando ela estava vindo para minha direção os meninos gritaram pra mim.

-Tchau Conner. – Os meninos disseram juntos, acenando com as mãos.

Enquanto caminhávamos ficamos em silencio, fiquei tentador a falar alguma então, eu perguntei para Kara.

- Kara, você ta bem? – Não pensei em mais nada para pergunta.

-Sim, me desculpe. Mais qual é o nome do seu pai? – Fiquei meio supreso com a pergunta mais respondi assim mesmo.

- Clark Kent. Por que Kara? – Agora era a minha vez de pergunta.

-Por nada. Então você vai morar comigo e com os meus pais?

-Sim. –Então chegamos na secretaria.

-Vou esperar por você aqui. – Eu apenas assentir com a cabeça e entrei.

A secretaria era pequena, com uma sala de esperar com cadeiras dobráveis, um carpete preto, avisos e prêmios pelas paredes, e um relógio muito barulhento que estava começando a me dar dor de cabeça, tinha um balcão que ficava no meio da sala dividindo ela, com cestas de arames com papeis e anúncios, atrás do balcão tinhas umas duas mesas, Sentada em uma das mesas tinha uma senhora com uns 50 ou 60 anos, quando ela me viu ser levantou e foi no balcão e pegou uns papeis.

-Bom dia. Sou a secretaria Senhora Nancy Dodds. Qual seu nome meu rapaz? –Ela parecia gentil.

-Bom Dia, senhora Dodds. Meu nome é Conner Kent vim buscar meu horário. –Falei respondendo sua pergunta.

-Conner Kent, sim, está aqui seu horário e o papel pro seus professores assinarem, não ser esqueça, de me trazer as assinaturas dos professores no final das suas aulas.

- Obrigado senhora Dodds. Tchau.  –Eu tinha que ir Kara estava me esperando.

Antes de sair vir ela no celular. Devia estar falando com alguém por mensagem. Eu sai, e ela guardou o celular.

-Desculpa a demora. – Falei sorrindo.

- Não tem problema. Qual sua primeira aula? –Mostrei o meu horário semanal para ela.

- Matemática - 50 minutos. - 8: 00 – 8: 50

-Ciências – 50 minutos. – 8: 50 – 9: 40

-Geografia - 50 minutos -9: 40 - 10: 30

-História - 50 minutos -10: 30 – 11: 20

-Intervalo – 30 minutos – 11: 20 – 11: 40

-Informática – 50 minutos – 11: 40 – 12: 30

-Artes – 50 minutos – 12: 30 – 13: 20

-Educação física – 50 minutos – 13: 20 – 14: 10

Acho que foi impressão minha mais ela deu um sorriso acho que era de alegria.

-Parece que vamos estudar tudo juntos. Poderia me disse as horas Con? – Acho que era por isso que ela ficou feliz, não puder deixar um sorriso saiu em meu rosto. Olhei o relógio no meu pulso esquerdo.

-São 7: 50. Estamos atrasados, desculpa Kara. – Me desculpei. Como o tempo tinha passando rápido.

- Ainda temos tempo pra aula começar, mas melhor irmos. Vamos?

-Vamos! Poderia mostrar o caminho? –Perguntei sendo fofo.

- Claro. – Fomos caminhado em silencio, ele começou a ficar constrangedor, quando eu ir falar alguma coisa Kara fala primeiro. – Então o Damian vai dar uma festa á fantasia sexta-feira, você gostaria de ir? –Eu fiquei constrangido, então perguntei para ela.

- Você está me chamando para sair? – Perguntei tenho certeza que eu devia estar vermelho.

- N-Não. O Damian pediu para mi convidar-lo. Você vai querer ir? – Agora foi á vez dela de ficar vermelha. Não tive tempo de pensar quando percebi já estava falando.

-Sim, você vai? –Ser ela não force, eu não iria.

-Sim, mais ainda vou fazer uma fantasia. Você já tem uma fantasia? – E agora, já sei vou de super herói, mais vou com o meu uniforme. Mais vou ver isso depois, pois chegamos na sala.

-Sim. Chegamos na sala?

-Sim. – Ela foi ser sentar, e para a minha sorte não tinha ninguém do lado dela, vou me sentar lá, alem do mais era o único lugar vazio e ela é a única pessoa que eu conheço.

Já estava todo mundo na sala, o professor estava na frente da mesa dele. Ele se apresentou.

- Senhor Kent? –Ele me perguntou.

-Sim. Senhor. – Ele ainda não tinha dito o nome dele.

-Senhor Fonseca, Marcelo Fonseca.

-Muito prazer Sr. Fonseca. Conner Kent. O Sr poderia assinar?

-Claro. Pronto pode ser sentar. Ali com a senhorita Danvers. – Era isso mesmo que eu ia fazer.

- Obrigado Senhor. – Eu dei um sorriso para ele como agradecimento.

-De nada Conner.

Aula estava muito chata, muito chata, então escrevi um bilhete para Kara.

Bilhete ON

Oi Kara. Você poderia me levar para conhecer a cidade depois da escola? -Passei o bilhete para ela. Não demorou muito ela me devolveu com a resposta.

Claro. O que você gostaria de conhecer primeiro? – Pensei um pouco. E escrevi e dei para ela de novo.

Que tal o Shopping?

Ótimo. Vou chamar os meninos para ir com a gente. Tudo bem por você?

Claro.

Bilhete Off

Depois da nossa conversa pelo bilhete, ela pareceu aprestar atenção, como eu já tinha estudado esse conteúdo. Acabei dormindo. Acordei com uma voz doce.

-Conner acorda. Está na hora do intervalo. Conner.

-Acordei. –Dei um pulo da cadeira, com aquela voz doce, mais brava.

- Finalmente né. Vamos?

-Vamos aonde exatamente? –Ainda estava meio sonolento, mais conseguir arrumar minha mochila.

-Pro refeitório. Os meninos me enviaram uma mensagem eles estão esperando a gente. Podemos ir ou você quer dormir mais?

-Podemos ir. Eu perdi todas as primeiras aulas? – Estava supreso por nenhum professor me acordar.

-Sim. –Ela me respondeu, depois deu um sorriso.

-Por que eles não me acordaram? – Serão que aconteceu alguma coisa.

-Não sei, vai ver que não vale-se a pena acorda você. Chegamos. O que você vai querer comer?

-Um salgado e uma coca, é você?

-O mesmo. Vamos lá compra então.

Kara comprou um pastel e uma coca, e eu comprei uma coxinha de frango e também uma coca. Depois Kara me levou até uma mesa, e lá ser encontrava Damian e Wally.

-Oi meninos, Conner já chamei os meninos para ir com a gente pro shopping. – Ela disse antes de morde o pastel dela. Os meninos concordaram com a cabeça. – O Damian vai levar a gente no carro dele, tudo bem por você Con?

-Não, claro que não. – Comecei a comer, todos já estavam terminado quando o Damian disse alguma coisa para Kara, que só depois de um tempo fui entender.

-Kara, você poderia vir comigo no meu armário? –Fiquei um pouco curioso com esse pedido dele. Mais continuei comendo.

-Claro. Wally você faria companhia para Conner? Conner tudo bem pra você?

-Claro Kara. –Wally respondeu antes de mim, então eu só assentir com a cabeça. Eles saíram do refeitório. Fiquei tentado ai atrás deles, mais tinha o Wally do meu lado, só me observando. Me concentrei em Kara, fiquei tentando me concentrar mais Wally tirou minha concentração.

-Conner a Kara nos contou que você vai a festa de sexta-feira. Então que fantasia você vai usar? – Que perguntar legal essa em Wally.

-Vou de super herói, e você? – Já que ele quer saber da minha fantasia melhor perguntar a dele.

-Também vou de super herói. Eu vou de Kid Flash. É você vai de quem?

-Eu ainda não sei. –Eu vi uma garota se aproximar da gente. Ela para e senta na cadeira onde a Kara estava antes de sair com Damian. Ela se vira para Wally e  fala.

- Ooi Wally.

-Oi Helen.

- Quem é seu amigo Wally?

-Conner, muito prazer.

-Helen, o prazer é meu. Bom eu vou indo Wally, Conner. Wally se você vir a Kara avisar ela que eu vou dar uma festa do pijama hoje.

-Como se a Kara gostasse da suas festas, ou até mesmo de você. –Ele disse essa ultima parte bem baixinho mais como eu tenho super audição, ouvir sem problemas. Não consegui segurar e dei um meio sorriso. –Mais eu aviso sim, pode deixar Helen.

-Obrigada Wally. Tchau.

-Tchau. - Dissemos em únisso.

Quando ela já não podia mais nos ouvir, eu perguntei.

-Quem é ela?

-A garota mais metida da escola e uma chata.

-Por que a Kara não gostar dela?

- No primeiro dia de aula da Kara aqui na escola, a Helen “ tropeçou” e jogou um tipo de gelatina na Kara na frente de todos da escola. – Ele enfatizou a palavra tropeçou.

-Nossa. Então elas não se dão bem?

- Sim. Vamos atrás da Kara e do Damian?

-Vamos. – Saimos  atrás deles, enquanto procurávamos eles, íamos conversado assuntos banais. Até vermos Kara conversando com Damian ele estava encostado em um dos armários e ela estava olhando para ele enquanto conversavam, ela nos viu e aceno para gente.


Notas Finais


Obrigada por ler. Proximo capitulo só semana que vem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...