História Superstar - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, V
Tags Bts, Jeon Jungkook, Jeongguk, Jungkook, Kooktae, Romance, Taehyung, Taekook, Vkook
Exibições 401
Palavras 1.530
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


eu to tipo nhanhanahanha que coisa fofa alguem me ajuda (mídia)
tava escrevendo o capitulo e minha mãe achou qe eu tava fazendo meu currículo kshjksjsbs socorrinho
boa leitura ^^

Capítulo 13 - Thirteen


Fanfic / Fanfiction Superstar - Capítulo 13 - Thirteen

 

Jungkook estava animado. 

 

Acordou mais radiante e mais cedo que o normal, motivo: seu melhor amigo iria passar alguns dias em sua casa. 

 

Sorriu animado com a ideia de ter Park Jimin de volta em seu apartamento, já pensou o caos que o mesmo iria ficar por causa da bagunça que ambos fazeriam. 

 

Jimin havia ligado para o moreno na noite passada avisando que iria pasar alguns dias em Busan e aproveitou para perguntar se poderia ficar no apartamento de Jungkook, já que o mesmo era grande e havia mais de um quarto de hóspedes, o moreno como um bom amigo não pode negar. 

 

Jungkook conhece Jimin desde seus dez anos de idade, eles estudaram juntos em um pequeno colégio do centro, que infelizmente dias atrás foi demolido para construir um hospital em seu lugar. 

 

— Levanta essa bunda da cama e vai buscar o meu afilhado. — Seokjin disse animado colocando somente a cabeça para dentro do quarto do mais novo.

 

— Eu vou. — disse sorridente. — Mas antes vou passar na casa de Taehyung. 

 

— E por quê? — questionou agora com seu corpo dentro do quarto. 

 

— Porque eu prometi ir vê-lo hoje. — disse simples enquanto calçava seu par de tênis. — Prometo não demorar. 

 

— Leve uma rosa para ele. 

 

— Ele não é uma garotinha, hyung. — murmurou.

 

— E daí? Só porque ele não é uma garota não quer dizer que não goste de flores, Jungkook. 

 

O moreno suspirou alto se dando por vencido, passaria em uma floricultura antes de ir a casa de Taehyung, será que ele gostaria de receber rosas brancas?

 

-x-

 

— Hani, tem gente na porta! — Jungkook pode ouvir a voz de Taehyung exclamando seguido de alguns murmúrios provavelmente vindos da irmã do mais novo.

 

— Você tem pernas, vá ver quem é! — Heeyeon exclamou de volta. 

 

Demorou alguns segundos mas logo a porta foi aberta por Taehyung que tinha seus cabelos bagunçados e vestia um pijama de azul de dinossauro, aquela entraria para lista de uma das cenas mais fofas vistas por Jungkook. 

 

O moreno sorriu sem jeito estendendo o pequeno buquê de rosas brancas que havia comprado para o mais novo, Taehyung ficou boquiaberto. 

 

— Obrigado. — agradeceu sentindo suas bochechas esquentarem. — V-Você quer entrar?

 

Jungkook assentiu sendo guiado para dentro da casa pelo mais novo. Ambos se sentaram no sofá e um silêncio se instalou na sala, até ouvirem um murmurio vindo de Heeyeon, novamente. 

 

— A comida está pronta caso vocês estejam com fome. — a mesma murmurou logo depois sumindo da vista de ambos. 

 

— Você está uma graça com esse pijama. — Jungkook disse recebendo uma beliscada do mais novo. 

 

— Eu estou parecendo uma criança. — murmurou ajeitando o buquê de flores no pequeno vaso em cima da mesa. 

 

— Meu amigo esta vindo passar alguns dias comigo. — Jungkook disse sentindo Taehyung se remexer um pouco em seus braços, o mesmo estava incomodado. 

 

— Amigo, é? — questionou. O moreno não pode deixar de rir, o mais novo estava com ciúmes. 

 

— Sim, só meu amigo. — certificou. — Eu vou leva-lo para o parque de diversões no centro, e estava pensando se você não quer ir com a gente. 

 

— Não quero atrapalhar o encontro romântico, dispenso. — Taehyung sorriu debochado para Jungkook que revirou os olhos. 

 

— Não é um encontro. — resmungou cruzando os braços. — Vamos Taehyung, eu quero muito te apresenter para o Jimin. 

 

— Tá', eu vou. — murmurou cedendo. 

 

Jungkook sorriu largo passando a distribuir beijinhos pelo rosto do mesmo, Taehyung apenas ria e tentava para-lo. Estavam tão distraídos entre si mesmos que mal perceberam Heeyeon observando a cena com um largo sorriso nos lábios. 

 

-x-

 

— Jimin-hyung! — o moreno exclamou animado assim que viu seu amigo se aproximando. — Omo, você pintou o cabelo!

 

— Eu gostei dessa cor. — sorriu passando as mãos pelos fios platinados. — E você, olha como cresceu e está mais bonito! 

 

— Eu sempre fui bonito, hyung. — se gabou fazendo Jimin jogar uma de suas malas no mesmo. 

 

— Seu ego cresceu bastante também. — sorriu de lado ganhando um revirar de olhos do mais novo. — Vamos? Essas malas estão pesadas. 

 

— Você ficou fraco hyung. — riu e saiu correndo antes que fosse atingido por mais uma mala. 

 

O trajeto de volta para a casa do moreno demorou algumas horas. Mas não que aquilo incomodou o par de amigos, pelo contrário, aproveitaram para colocar conversa em dia e cantarolarem músicas aleatórias que tocava na rádio. 

 

— Minnie! — Seokjin chamou animado assim que viu seu afilhado sair do carro. — Aigoo, como você cresceu! 

 

— Para de mentir hyung, ele nunca vai crescer. — Jungkook apontou recebendo um tapa na cabeça vindo do de cabelos platinados. 

 

— Cale a boca, pivete!

 

Seokjin riu encarando os dois e os ajudou a levar as malas de Jimin para dentro da mansão e o hospedarem em um quarto que ficava no final do corredor. Jungkook voltou para a sala e se jogou em seu sofá procurando algo de intressante para assitir acabou parando em algum programa aleatório de comédia.

 

— Amanhã temos uma reunião com a imprensa. — Seokjin se pronunciou adetrando a sala de estar e se sentando ao lado do moreno. — Acorde cedo. 

 

— Reunião? 

 

— Vão falar sobre os boatos das revistas e você vai negar tudo. — disse se encostando no sofá. 

 

— E se eu não quiser negar? — perguntou com um grande bico nos lábios. 

 

— Jungkook...

 

— Eu gosto dele hyung, eu realmente quero que tenhamos algo. — confessou, Seokjin suspirou cansado. — Mas tudo bem, eu nego.

 

— Eu amo você pequeno, não fique chateado, Taehyung irá entender. — sorriu afagando os cabelos negros de Jungkook. — Agora levanta e vai levar Jimin para passear. 

 

Jungkook suspirou se levantando e indo até o quarto do mais velho vendo o mesmo deitado na cama box enquanto mexia em algo no celular, acabou por ir se deitar ao lado do mesmo como faziam antigamente. 

 

— Você quer ir ao parque, hyung? 

 

— Agora?

 

— Não, amanhã. — disse irônico recebendo um peteleco na cabeça. — Aish, vamos ou não?

 

— Vamos, biscoito. — sorriu se levantando na cama e puxando Jungkook consigo. 

 

-x-

 

— Roda-gigante! — Taehyung exclamou puxando Jungkook pelo braço direito. 

 

— Montanha-russa! — Jimin fez o mesmo mas com o braço esquerdo do moreno. 

 

Depois do segundo mais velho ter buscado Taehyung em sua casa, ambos os três caminharam em direção ao parque de diversões. Já estava escuro o que deixava o local mais bonito por conta da decoração iluminada. 

 

Jimin e Taehyung não pararam de brigar o passeio inteiro pois cada um queria ir em um brinquedo difente, Jungkook já estava começando a se irritar com os dois e se arrependendo de ter os convidado. 

 

— Kookie! — Taehyung resmungou abraçando o braço do moreno. 

 

— Vamos na montanha-russa primeiro. — sussurrou no ouvido do loiro. — Por favor Taehy, não brigue com ele. 

 

— Ok. — o loiro murmurou soltando Jungkook e caminhando em direção ao brinquedo, não demorou muito para os dois o seguirem. 

 

O moreno suspirou vendo Jimin se sentar ao seu lado no brinquedo enquanto Taehyung em sua frente estava sentado junto à uma garota. 

 

— Acho que eu estou tonto. — Jimin murmurou assim que sairam da montanha-russa. 

 

— Você já é tonto. — Taehyung sussurrou mas Jungkook conseguiu ouvir, não pode deixar de rir com o comentário. — Vamos na roda-gigante agora!  sorriu grande entrelaçando seus dedos com o do moreno e o puxando, sem ligar se Jimin estava os seguindo ou não. 

 

-x-

 

— Você não percebeu que ele estava dando em cima de você?! — Taehyung resmungou fugindo dos braços do moreno. 

 

Jungkook havia deixado Jimin em seu apartamento e acompanhou Taehyung até sua casa, ambos agora estavam no quarto do loiro. 

 

— Não, não percebi. — sorriu voltando a puxar o loiro pela cintura. — Você fica tão fofo com ciúmes. 

 

— E-Eu não estou com ciúmes. — cruzou os braços. — Não temos nada porque eu ficaria com ciúmes de você? — o loiro perguntou enquanto ligava seu pequeno notebook a procura de algum filme. 

 

— Verdade Taehyung. — sorriu sacana. — Já que não temos nada você não se importaria se eu beijasse o Jimin, não é? — questionou vendo o loiro ficar vermelho de raiva.

 

— Você nem ouse. 

 

Jungkook sorriu olhando o loiro dar inicio ao filme, Taehyung murmurou algo mas não demorou para se deitar em cima do moreno, o mesmo aproveitou para acariciar os cabelos tingidos do loiro. 

 

Em meio ao filme Taehyung levantou o rosto encarando os olhos negros do moreno que estavam atentos a tela do computador, acabou rindo de seu rosto sem expressão e deixou um leve selar em seus lábios vermelhos e carnudos. 

 

Jungkook sorriu mínimo segurando o queixo do loiro selando seu lábios novamente, ele adorava o gosto dos lábios cheinhos de Taehyung, poderia os beijar para sempre. 

 

— Taehyung... — a irmã do mais novo entrou no quarto fazendo ambos se separarem de abrupto. — Eu ia perguntar se vocês estavam afim de irem a pizzaria conosco, mas já vi que não, então voltem a fazer o que estavam fazendo. — Heeyeon sorriu fechando a porta. — Taehyung não me apareça grávido! — exclamou do lado de fora fazendo Jungkook rir baixo.

 

— Como se isso fosse possível. — o loiro murmurou envergonhado. — Minha irmã tem umas idéias estranhas.

 

— Ela disse para voltarmos a fazer o que estávamos fazendo. — Jungkook disse sorridente com um ar convidativo, o mais novo corou mais ainda socando de leve o braço do outro mas não demorou muito para voltar a abraçar o corpo de Jeon e sua visão se concentrar nos personagens do filme. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...