História Surpresa do destino - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Aventura, Romance
Visualizações 5
Palavras 373
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Ficção, Mistério, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


" Vinicius... "

Capítulo 6 - Capítulo 6


Fanfic / Fanfiction Surpresa do destino - Capítulo 6 - Capítulo 6

Chego em casa e entro. Meus avós devem ter saido, pois não encontro ninguém. Meu pai quase não o vejo, passa a maior parte do tempo trabalhando, pelo menos e oque minha avó diz. Subo para meu quarto pego minhas coisas e vou em direção ao banheiro, tomo um banho bem demorado, termino e vou para meu quarto, deito e fico pensando no dia de hoje. Daniel, parece algo difícil de mais para ser alcançado, e perto de mais para ser ignorado. Com esse pensamento adormeço.

Sonho
Estou sentada em um lugar macio, mas não consigo desifrar oque é, algo branco quase transparente. Em meu corpo está um vestido coberto de luz prata com pequenos pontos brancos. Olho em volta e percebo que a várias meninas como eu, perto o suficiente para vê las e longe o bastante para não poder tocar. Um lugar belo e sintilante, calmo que passa uma sensação de paz e tranquilidade. Mas de repente um estrondo alto, e me vejo caindo, olho para as garotas que estavam ao meu lado e estão chorando.
(Annye)- Vou ficar bem.
Digo sorrindo.
A queda é longa, e encontro o chão com um baque, a dor é como se todos os ossos do meu corpo estivessem sido triturados, abro os olhos e me vejo em meio a um pequeno campo rodeadas com pequenas flores amarela e um lago com águas transparentes, um tempo depois desmaio com a dor que não me abandona.

Acordo suada e ofegante. Olho o relógio 3:45 da manhã, não tinha amanhecido ainda. Vou ao banheiro e lavo o rosto, vou a cozinha e tomo um copo de água, quando entro em meu quarto algo me chama a atenção, alguém está encostado em uma árvore do outro lado da rua olhando em direção a minha janela. Chego perto da janela e olho diretamente para ele. Vinicius, pisco algumas vezes e sua imagem desaparece do meu campo de visão, agora sua posição está totalmente vazia. Não devo estar bem, não eu realmente não estou bem, primeiro os sonhos agora estou alucinando. Penso enquanto caminho em direção a cama, entro debaixo do edredon e me forço a não pensar em mais nada, depois de um tempo adormeço, um sono sem sonhos.


Notas Finais


Obrigada por lerem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...