História Survival Camp❤👻 - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Amanda, Ámbar Benson, Ana, Cato, Delfina, Gaston, Jazmin, Jim, Luna Valente, Matteo, Miguel, Monica, Nico, Nina, Pedro, Personagens Originais, Ramiro, Rey, Ricardo, Sharon, Simón, Tamara, Tino, Yam
Tags Entre Outros, Gastina, Lutteo, Simbar, Sou Luna
Visualizações 137
Palavras 2.131
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Musical (Songfic), Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


HEEEEY AMORESSS..
PREPAREM SEE
ESSE SERA O CAPÍTULO REVELANDO SEGREDOS!
Leiam com muita atenção para não ficar com dúvida, e se ficarem perguntem nos comentários aqui para a Dudinha ler.. (Dudinha sou eu😂❤)
BOA LEITURA..

Capítulo 28 - Mãe?


Fanfic / Fanfiction Survival Camp❤👻 - Capítulo 28 - Mãe?

          Matteo Balsano

--Luna não faça isso!

Eu disse em um tom alto para ela escutar do outro lado da porta.. As lágrimas escorriam pelo meu rosto e Nina estava soluçando de tanto chorar.. 

Ramiro abriu a porta e puxou Luna fortemente pelo Braço a jogando no chão.. Vi Simon tentando se aproximar, porém também vi Ramiro sacar um revólver de seu bolso quando ele se aproximar.. Ele deixou a porta aberta e olhou com um olhar ameaçador a Luna.. 

Luna fechou os olhos e assentiu deixando as lágrimas caírem.. Ela se aproximou e me desamarrou.. 

--Luna.. 

Ela calou nossos lábios em um celinho longo e soltou Nina.. 

--Não tornem as coisas mais difíceis.. 

Ela fechou os olhos novamente e deixou as lágrimas escorrerem.. 

--Eu vou tirar você daqui.. Eu e todos.. 

Eu disse e Nina a abraçou.. 

--Não se amarram.. Vão de uma vez! 

Eu e Nina caminhamos até a porta e Ramiro pegou Nina pelo Braço e tocou para fora fazendo a mesma cair no chão, Gastón correu até ela e a ajudou.. Eu encarei Luna por um momento e encarei Ramiro.. Caminhei para o lado de fora com as lágrimas nos olhos e ele trancou a porta.. 

--O que faremos?!

Disse Âmbar ao prantos nos braços de Simon.. E no mesmo minuto ouvi gritos... Gritos reconhecidos por qualquer pessoa do acampamento.. 

Luna.. 

Ela gritava de dentro daquela casa e se ouvia choros de desesperos.. Tinha vontade de arrombar aquela porta e mata lo.. Porém quem iria pagar o pato seria ela.. E não perdoaria por nada.. As lágrimas silenciosas escorreram em meu rosto e Tamara disse.. 

--Vamos chamar a polícia.. 

Nina a olhou e disse.. 

--NÃO! Não adianta chamar a polícia.. Ele não vai sair dali tão cedo.. Ele tem cúmplices, e quando ele ouvir ou ver a polícia, ele pode usar Nina de refém.. 

Nina disse em meio aos choros e logo foi acolhida por um abraço de Gastón.. 

--O que Ramiro fará com a Luna?! 

Eu olhei para o chão e disse.. 

--Ele não tem piedade de nada.. Ou seja... Ele pode matá-la.. 

Âmbar e Nina choraram cada vez mais.. 

--NÃO vamos falar sobre isso aqui.. Temos que ir para outro lugar.. 

Com certo receio eu sai da junto com eles, mas os gritos de Luna ecoavam em minha cabeça.. 

--O que vamos fazer? 

Disse Yam enxugando as lágrimas.. 

--Precisamos entrar naquela casa sem o Ramiro ver..

Eu disse tentando raciocinar.. Nina olhou para Tamara e disse... 

--Tamara aquela casa tem alguma porta dos fundos!?

Tamara nos olhou com um olhar triste e disse.. 

--Não..

Gastón fechou o punho e bateu na mesa.. Gastón estava tão nervoso quanto eu.. Ele se contia várias vezes para não deixarem as lágrimas escaparem.. 

--Tamara aquela casa é de dois pisos certo?! 

Disse Pedro com um tom esperançoso.. 

--Sim, por que Pedro?! 

Eu o olhei e Jazmin completou a frase do namorado.. Sim estão namorando.. 

--Tem alguma janela lá em cima?! 

Eu os olhei e disse junto com Nina.. 

--Tem! 

Tamara nos olhou e Nina completou.. 

--Quando Ramiro nos pegou, ele nos levou la por cima.. Pois ele não tinha a chave da casa, pois a casa está trancada por dentro.. E eu estava meio sonza e vi que a janela que ele subiu, tinha uma escada e é a mesma que da acesso a casa da árvore.. (N/A: Sim tem uma casa na árvore, por que lá era antigamente um condomínio e nesse condomínio havia uma casa na árvore.) 

Todos nos olhamos e uma ideia surgiu em minha mente.. 

            Nina Balsano 

Matteo nos contou todo seu plano, e não é um plano perfeito.. Por que?! Por que apenas ele iria.. SONHO DELE! Luna fez um sacrifício para me tirar de lá.. Lógico que eu vou! 

Desperto de meus pensamentos com um toque intenso em minha mão.. Era Gastón.. O mesmo me puxou para um canto e disse.. 

--Você tá melhor? 

Ele disse se referindo ao meu braço que Ramiro apertou forte.. 

--Sim.. Obrigado por me ajudar.. E.. Gastón, te peço desculpas por ter te tratado mal.. Agora eu sei que foi a Zoe quem te beijou.. 

Ele abaixou a cabeça e se aproximou de mim.. Eu sorri e ele celou nossos lábios em um beijo calmo.. Como sentia falta desse toque.. 

            Luna Valente 

Eu chorava em um canto da casa.. Senti a mesma sensação.. A mesma sensação de estar suja.. Exato.. 

Ramiro me estuprou novamente.. 

Deixei as lágrimas caírem sem medo.. Já tinha tentado esquecer de tudo que acontecer.. Porém aquele maldito surgi das trevas e acaba com a minha auto estima.. 

Ramiro se tornou meu pior pesadelo.. Tudo se tornou meu pior pesadelo.. Sabendo que minha mãe! Minha mãe! Não fez questão de vir para saber o que eu tinha quando Ramiro me estuprou pela primeira vez.. 

Eu estava nua sentada em um chão sujo me sentindo completamente suja.. O que eu queria agora? 

Morrer..

Queria não sentir nada.. NADA! 

Me levantei e caminhei até uma estante e peguei um vaso.. O toquei no chão fazendo o mesmo se quebrar por inteiro.. Peguei um dos cacos grandes e o olhei.. Olhei fixamente e o levei até minha garganta..Cortei o mesmo por um momento sentindo o sangue escorrer, porém Ramiro entrou na sala onde estava e me pegou pelo Braço e me levou até a sala.. 

Ele me jogou no chão e notei outro olhar sobre mim.. Virei para o lado e quem vi foi Zoe.. Ela me olhava e eu não disse absolutamente nada.. Não iria dizer nada.. Lógico que ela sabia disso tudo! Foi ela quem mandou Ramiro me estuprar.. 

--Ramiro! Você quer tratar dos nossos assuntos com ela?! 

Disse Zoe.. Porém ela não estava com o mesmo tom cínico.. Estava com um receio na voz.. 

--NÃO idiota.. Luna não é burra, ela podia fugir se eu a deixasse la em cima não é Luninha?! 

Eu apenas mirava o chão.. E notei o olhar de Zoe em meu pescoço.. Claro.. O sangue continuava a escorrer.. 

--Ramiro qual seu problema?! 

Disse Zoe voltando a encará-lo.. 

-O que?! 

--JA não basta você a estuprar novamente e agora você está a machucando fisicamente?! 

Ela se aproximou de mim e levantou minha cabeça e olhou para o corte em meu pescoço.. Essa é a Zoe que conheço?! 

Ramiro olhou para meu pescoço e disse.. 

--Não se faça de boazinha Zoe.. Essa idiota fez isso de propósito.. 

Ramiro se agachou até a mim e pegou meu queixo o fazendo o mirar.. Ele me machucou fortemente e depositou um tapa em minha cara.. 

Abaixei a cabeça para o chão e deixei as lágrimas silenciosas caírem.. Me estremeci e Zoe saiu a pedido de Ramiro para buscar tal coisa fora do acampamento.. 

Ramiro estava pegou seu taco de beisebol e se aproximou de mim.. 

--Agora vamos no resolver Luninha.. 

Ao dizer isso ele se aproximou mais.. Porém barulhos do segundo piso foram ouvidos.. E Ramiro me puxou para perto dele me enrolou em um lençol e pegou seu revólver.. Ele me segurou em sua frente apontando a arma para a minha cabeça.. 

Ouvi passos descendo a escada e algumas respirações.. Vi Matteo, Nina, Gastón, Âmbar e Gastón.. 

--Olha.. Parece que a festa chegou! 

Disse Ramiro com um sorriso cínico no rosto.. 

--Ramiro vamos resolver as coisas! Solta a Luna! 

Disss Simon tentando se acalmar.. E notei que Matteo percorreu meu corpo notando todas as marcas que Ramiro deixou em meu corpo.. 

--VOCÊ ESTUPROU ELA DE NOVO SEU DESGRAÇADO! 

Disse Matteo tentando se aproximar, porém Simon o impediu e logo Simon impediu Gastón que também tentou se aproximar.. 

--Opaa.. Acertou! 

Disse Ramiro cínico.. 

Matteo não aguentou e empurrou Simon e foi em direção a Ramiro, os dói tentaram o máximo pegar a arma e a arma caiu.. Ramiro tentou pega lá, porém Matteo a chutou.. E deu um soco em Ramiro.. E ai começa uma briga.. 

--Matteo! 

Eu disse e Gastón disse.. 

--Vamos Luna! Precisamos tirar você daqui! Matteo da conta de Ramiro.. 

Eu corri até Gastón e logo vi Matteo vindo atrás de nós.. Ramiro estava atirado no chão.. Matteo estava perto de nós porém.. 

Um tiro.. 

Ramiro acertou um tiro na barriga de Nina, fazendo a mesma cair no chão.. Ele estava prestes a atirar em Matteo.. Porém, a polícia arrombou a porta e entrou.. Apontará a arma para Ramiro e disseram.. 

--Ramiro! Você está preso! 

Eu abracei Matteo e chorei em seu abraço.. Aquele inferno acabou, chorei por terem se sacrificado por mim e eu disse.. 

--Por que chamou a polícia?! 

Ele me olhou nos olhos e disse.. 

--Eu não chamei! 

Eu olhei para os polícias e vi uma figura entrar pela porta.. 

Zoe.. 

Eu paralisei por um momento e tentei entender o que estava acontece.. A Zoe chamou a polícia..? Matteo estava se aproximando dela porém eu o impedi.. Passei em sua frente e parei em sua frente.. Nos encaramos por um momento e eu disse.. 

--Por que Zoe?

Ela abaixou o olhar e me olhou com os olhos cheio de lágrimas.. 

--Por que você não merece isso.. 

Ela disse isso e eu paralisei novamente, quem é essa?! Não é a Zoe.. 

--O que?! 

--Como você mesma disse eu tenho problemas psicológicos.. Eu fui traída pelo meu primeiro namorado que  eu era completamente apaixonada.. Ele me humilhou na frente da escola inteira e fez transmissão ao vivo pro canal dele.. A partir dai eu não acreditei mais no amor.. Queria que todos me amassem e eu não teria cada um para mim.. E depois eu humilha los e dizer que eu não amava nenhum.. E pensei que você estava no meu caminho.. Queria te dar uma lição, mas não queria que chegasse a esse tempo.. Quando Ramiro voltou eu estava tomando meus remédios diariamente, porem depois fiquei doida e roubei o Gastón  da Nina causando uma confusão.. De verdade te peço desculpas por tudo.. 

As lágrimas escorriam por seu rosto e suas palavras realmente eram sinceras.. Eu acreditava em cada palavra que ela disse.. Sentia que estava dizendo a verdade.. Me aproximei da mesma e a abracei.. No início ela estranhou mais se entregou ao abraço..

--Filha! 

Eu a soltei e vi a Carolina na porta da casa com as lágrimas escorrendo nos olhos..Zoe viu a mesma e correu até ela dando um abraço amoroso..espera.. 

Zoe é filha dela? 

Gente que mundo pequeno.. Sorri ao ver as duas abraçadas e me afastei.. Porém Zoe pegou meu braço e me puxou para o abraço.. Eu sorri novamente e aceitei o abraço..

--Luna!

Uma voz conhecida me fez sair do Abraço dando um grande puxão em mim.. 

--Ai mãe me solta! 

Minha mãe me puxava fortemente.. 

--NÃO LUNA! VOCÊ NÃO FICA NEM UM MINUTO A MAIS AQUI! 

 Eu a empurrei e gritei Ps: Todos estavam olhando para nós! 

--O QUE VOCÊ QUER?! ONDE VOCÊ ESTAVA QUANDO SUA FILHA ESTAVA PRECISANDO DO APOIO DA MÃE E ESTAVA AOS PRANTOS QUANDO DESCOBRE QUE NÃO VAI TER FILHOS?! 

Ela ficou quieta e eu continuei gritando 

--NÃO VAI RESPONDER?! OK! EU RESPONDO! ESTAVA DANDO PARA QUALQUER CARINHA POR AI! ESTAVA SE VENDENDO POR DINHEIRO! VENDENDO SEU PRÓPRIO CORPO E SABE PRA QUE? PRA COMPRAR BEBIDA, CIGARRO E AS PORCARIA DE CARRO QUE VOCÊ NÃO USA! AGORA ME EXPLIQUE! POR QUE ME TEVE?! SE SABIA QUE NÃO IRIA CUIDAR DE MIM E NEM DO MEU IRMÃO SUA VADIA!

Ela se aproximou de mim ficando cara a cara e disse.. 

--Sabe o que é Luna?! Você não é minha filha! SABE O QUE EU FIZ?! Eu roubei você na maternidade! Seu suposto pai queria uma menina! E nasceu Gastón! Um menino! E então?! Eu era tão apaixonada por ele que roubei a primeira filha da minha melhor amiga! QUANDO MINHA MELHOR AMIGA DESCOBRU QUE FUI EU QUE SEQUESTREI A FILHA DELA ELA ENTROU EM PÂNICO! Sua melhor amiga ainda por cima rouba sua filha e ela descobre depois de três anos! E meu marido quando três dias depois de você supostamente nascer de mim, sabe aconteceu?! ELE MORREU! E eu pensava que você era a culpada de tudo! Por isso te trato assim! Por que pra mim você não é minha filha! E NUNCA SERA! E su mãe?! Sabe o que eu fiz com ela?! EU A AMEACEI A CONTAR ALGO PARA VOCÊ OU PARA A POLÍCIA POR QUE ELA ESTAVA GRÁVIDA DA SUA IRMAZINHA! E EU AMEACEI MATAR A CRIANÇA! DE QUALQUER MANEIRA! SÓ QUERIA VER MEU MARIDO FELIZ! 

A cada palavra que ela dizia as lágrimas escorriam.. Eu estava em um transe e acredito que todos também.. Como?! As lágrimas escorriam cada vez mais e ela completou.. 

--E SUA MÃE SABE ONDE ELA ESTÁ HOJE EM DIA?! 

Eu a encarei e ouvi a voz doce dos meus sonhos..

--Ela está aqui Luna.. 

Eu me virei e encarei Carolina que estava com lágrimas nos olhos.. Eu e Zoe dissemos em coro.. 

--Mãe? 



Notas Finais


Gente de verdade, to em choque junto com vocês! Haha!
Eu não tenho o que dizer por que quero que vocês me digam o que acharam ok?!
Comentem muito mesmo quero saber todas as opiniões de vocês sobre os segredos desse capítulo!
Los quiero muchisimo e nos vemos en nel próximo capítulo
Bye❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...