História Survivors - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Arlequina (Harley Quinn), Batman, Capitão América, Esquadrão Suicida, Liga da Justiça, Os Vingadores (The Avengers), Viúva-Negra (Black Widow)
Personagens Anthony "Tony" Stark, Clint Barton, Coringa (Jack Napier), Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff), Harleen Frances Quinzel / Harley Quinn (Arlequina), Natasha Romanoff, Nick Fury, Personagens Originais, Steve Rogers
Tags Arlequina, Coringa, Esquadrão Suicida, Natasha Romanoff, Romanogers, Steve Rogers, Vingadores
Visualizações 26
Palavras 826
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 10 - CAPÍTULO 10


Fanfic / Fanfiction Survivors - Capítulo 10 - CAPÍTULO 10

-Eles estão aqui? Todos eles?-Perguntei
-Quase todos-Loki sorriu-Meu irmão está em Asgard brincando de casinha com a namoradinha mortal, Banner não apareceu mais depois de Sokovia, o soldado invernal está escondido, acham que ele tem algo haver com o atentado que matou o rei de Wakanda, o time dos vingadores está divido entre os que querem o registro e os que não querem.
-Vamos apimentar um pouco esse congresso-Meu palhacito sorriu
-Prontos?-Loki perguntou
-Eu nasci pronto-Coringa gargalhou carregando sua metralhadora.
Logo que o governador subiu para falar eu usei a arma de alto alcance e com um tiro certeiro na testa ele caiu no chão morto.
Coringa fixou uma tirolesa no prédio onde estava acontecendo a reunião e segurou em minha cintura nos levando para dentro.
Todos nos olharam, ainda estávamos juntos, ele com uma mão em minha cintura e eu com os braços em volta da sua cintura.
-Adivinha quem vem pro jantar?-Coringa sorriu e eu gargalhei
Loki chegou logo em seguida por outra tirolesa.
-Amanda Waller-Eu me soltei do peu Puddin pegando o taco de baseball que estava preso em minhas costas
A mulher me olhou superior.
-Arlequina-Ela disse calma
-Sentiu saudades Amiguinha?-Sorri
-Eu realmente devia ter estourado seus miolos quando tive a chance-Amanda retrucou
Coloquei a mão no coração me fingindo de ofendida.
-Depois de tudo que eu fiz por você-Me segurei para não rir-Eu salvei a sua bunda dos monstrinhos da Magia e é assim que me retribui?
-Fizemos um acordo-Amanda me corrigiu-Você e aqueles outros desajustados acabavam com a ameaça e eu redizia as suas penas foi só isso.
-Você esqueceu da parte em que obrigou eles a te ajudar colocando um explosivo em seus pescoços-Coringa deu um passo a frente-E também esqueceu a parte em que os torturou na cadeia, Amandinha... Amandinha você sabe o que eu faço quando alguém se mete com o que é meu não é? Principalmente com a minha rainha.
-Acha que eu tenho medo de você?-Ela o desafiou
Percebi então o movimento de alguns governantes e logo saquei que não havia reunião nenhuma quando todos eles retiraram armas.
-Puddinzinho-Sorri caminhando em direção a alguns dos homens-É uma armadilha.
-Era para Loki, vocês são um bônus-Amanda disse antes de fugir como uma covarde.
Cinco homens vieram em minha direção, com o taco acertei dois os deixando inconscientes, um tentou me pegar por trás e dei um salto retirando minha arma e estourando sua cabeça. Segurei com o taco em seu pescoço e tombei para trás atirando em outro logo quebrando o pescoço do que eu estava segurando.
Assim que acabamos com todos lá estavam os Vingadores, ainda parados.
-Alguém chame o ibama temos uma pantera negra aqui-Comentei sorrindo-Amorzinho o ibama captura aranhas? Porque também temos duas aqui.
-Haha muito engraçado-O garoto aranha usou sua teia puxando meu taco de minhas mãos, ele veio em minha direção e lhe dei uma rasteira, sorri mandando um beijinho para ele enquanto caminhava em direção ao segundo vingador que resolveu agir, o pantera veio correndo e com suas garras tentou me acertar, me desviei a tempo de suas garras em minha barriga mas ele acabou rasgando um pouco minha blusa.
-Nos chama de animais mas é você quem usa coleira-Ele disse
Isso me deixou zangada, perdi o foco por um segundo e rapidamente senti meu rosto ser cortado por suas garras.
-NINGUÉM TOCA NELA!-Meu docinho descarregou a metralhadora no pantera, não funcionou mas o fez recuar um pouco.
Loki cuidou do pantera enquanto Coringa analisou meu rosto segurando meu queixo.
-Você está bem coelhinha-Perguntou
-Não vão ser uns arranhões que irão me matar-Sorri lhe dando um selinho
Nos separamos quando mais dois vingadores quiseram tentar a sorte.
Olhei para a mulher a minha frente, ela estava séria e inexpressiva.
Acenei com meus dedos.
-Oi mamãe, a quanto tempo.
-Você não é minha filha-Ela disse-Minha filha se chamava Harley e era uma pessoa decente, você é só uma assassina que gosta de apanhar do namorado.
-Nunca viu cinquenta tons de cinza? Está super na moda, você e o papai deviam tentar... apesar de eu achar que você é quem seria a dominadora-Sorri maliciosa
Ela veio pra cima de mim desviei do primeiro golpe e chutei sua perna a fazendo cair de joelhos.
-Devia treinar mais-Comentei rindo
-Tem certeza?-Ela respondeu e percebi teias envolvendo minha perna, olhei para o lado e o Homem aranha havia atirado suas teias em mim, o pantera se aproximou segurando a teia e senti a corrente elétrica passar por meu corpo, cai no chão.
Ao longe vi quando meu pai derrubou Coringa com seu escudo e Loki fugindo como um covarde.
Vi que Amanda havia voltado e os vingadores foram coversar com ela.
Me arrastei até meu Puddin.
-Amor, você está bem?-Perguntei preocupada
-Vai embora-Ele falou-Foge.
-Não vou sem você-Respondi
-Amanda vai te matar... Você tem que ir...
-Não-Neguei abraçando sua cintura e deitando minha cabeça em seu peito.
-Se esse é o nosso fim então morreremos juntos.
Amanda passou pelos vingadores e veio até nós apontando a arma para mim.
-Quem está rindo agora?-Amanda engatilhou a arma
-Vai em frente Amanda eu sei que você quer fazer isso-Eu disse
-Eu quero muito-Ela rosnou-Mas estou reativando o esquadrão suicida e preciso de vocês, ela aplicou algo em mim e logo apaguei.


Notas Finais


E ai? Gostaram?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...