História Sweet Dreams (Jimin Long Story) - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Personagens Originais
Visualizações 125
Palavras 405
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Capítulo 5


Eu fugia, como sempre, mas havia um diferencia, dessa vez Hoseok estava ao meu lado.

-Pare de correr, Jimin. – Hoseok dizia acompanhando meu ritmo sem esforço. – Enfrente seu medo.

Era mais fácil falar do que de fato fazer.

||

-Pare de fugir, Jimin. – Hoseok praticamente gritava.

- EU NÃO CONSIGO. – Gritei.

-O que você teme?! – Exclamou Hoseok.

-Eu só tenho medo. – Digo. – Você não tem noção do quanto é apavorante.

-Mas você já enfrentou a figura sem rosto, que no final acabou sendo uma mulher. – Hoseok fala. – E não foi tão mal assim.

-Mas...

-É só enfrentar, Jimin. – Hoseok continuo – Você já enfrentou uma vez é só enfrentar de novo.

Hoseok estava certo. Não havia nada demais era só enfrentar.

||

Eu andava pelos corredores do Hospital, como sempre tudo parecia calmo. No final do corredor pude ver Jin.

-Puta merda. – Murmuro virando, tentando escapar de Jin.

-Espere. – Jin diz e eu pude ouvir seus passos apressados, mas não diminui o ritmo. – Tipo vindo de você.

Nessa hora paro.

-Você não me conhece, Jin. – Digo me virando e o encarando. – Você não sabe nada sobre mim. Você veio aqui investigar as mortes e por sinal tem feito um trabalho horrível, não achou o culpado ainda.

-Do que você está falando? – Jin indaga.

-Das mortes dos pacientes. – Digo com certa confusão.

-Eu não sei do que você está falando?

||

Cansado daquela mesma floresta, daquela mesma correria, daquele medo, daquela prisão que aquele sonho havia me colocado. Por isso parei. Sentia a escuridão se aproximando, mas não fugi.

-É assim que se faz Jimin. – Pude ouvir a voz de Hoseok.

-Você não vai gostar do que vai descobrir. – Disse a voz da mulher. –Existe um motivo para isso estar oculto.

-A culpa é sua. – Falou Jin.

A escuridão foi se aproximando e se aproximando e tomando forma. A princípio era um monte de trevas, depois foi virando um borrão escuro e quando estava próximo virou alguém. Ainda não era possível ver seu rosto, mas era possível ver sua roupa manchada de sangue e uma arma em sua mão. A escuridão finalmente parou na minha frente e o choque me congelou.

-Não pode ser.... – gaguejo.

-Essa é a verdade, Jimin. A culpa é sua, a culpa sempre foi sua. – Disse a escuridão em sua forma verdadeira. –Eu sou a culpa que você quer esconder, que você tem medo de assumir. Eu sou você e você sou eu.


Notas Finais


Amanhã teremos o ultimo capítulo...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...