História Sweet Love - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Bia, Castiel, Charlotte, Dajan, Dakota, Debrah, Iris, Kentin, Kim, Leigh, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Nina, Peggy, Priya, Professor Faraize, Professora Delanay, Rosalya, Senhora Shermansky, Viktor Chavalier, Violette
Tags Alexy, Amor Doce, Castiel, Kentin, Lysandre, Megan, Nathaniel, Nathaniel Kentin, Yaoi, Yuri
Exibições 31
Palavras 1.090
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


~Boa Leitura

Capítulo 17 - Festa part1


[...]

-Meg eu tenho um assunto pra resolver agora, você se importa se eu sair rapidinho? - Ken diz antes que eu saísse do carro

-Tudo bem - digo dando um beijo em seu rosto e logo saindo do carro

-Tchau maninha, até mais tarde - Ken diz antes que desse partida no carro

Entrei em casa e fui direto pra cozinha, pois estava morrendo de fome, porque como não comi nada de manhã além de uma maçã e por conta do trabalho que estava fazendo com Nathaniel que eu não via a hora de acabar pra sair de perto dele, acabei também não indo almoçar

Peguei um pedaço de lasanha que tinha sobrado da noite anterior e coloquei pra esquentar no microondas, enquanto não ficava pronto subi para o meu quarto e troquei de roupa, colocando um short largo e uma regata e prendi meu cabelo em um coque. Quando escutei o toque do microondas indicando que já estava pronto, desci até a cozinha pra pegar minha comida e logo retornei ao meu quarto com o prato de lasanha

Quando terminei de comer olhei no meu celular e marcava 14:37, como Ken não estava em casa e não tinha nada pra fazer, resolvi dormir um pouco

[...]

-Meg? - acordo com alguém me chamando

-Ken, deixa eu dormir - digo ainda sonolenta

-Você está insinuando que minha voz é de homem dona Megan?

-Rosa? - digo quando reconheço de quem era a voz

-Não, a mãe Joana - ela fiz revirando os olhos

-Oque você tá fazendo aqui? - digo fazendo o mesmo

-Vim te chamar pra sair, vamos levanta - Rosa diz fazendo sinal para que eu me levantasse

-Mas eu não quero - digo voltando a deitar

-Eu não estou perguntando se você quer ou não, estou falando pra você levantar e se arrumar - ela diz toda autoritária

-Mas eu não tenho roupa - tento arrumar uma desculpa para não ir, coisa que não deu muito certo

-Não seja por isso, eu fiz uma especialmente pra você, agora vai e quando eu voltar eu quero que esteja pronta

-Aonde você vai? - digo antes que ela saísse do quarto

-Pra minha casa me arrumar ou você quer que eu saía assim para uma festa? - ela diz como se fosse óbvio

-Não vejo mal algum você ir de short, uma regata e rasteirinha - digo dando um sorriso no final

-Haha, muito engraçadinha você né - ela diz colocando uma mão na cintura

-Sabe que eu te amo né - digo fazendo coração para ela

-Sei, agora vai tomar banho que depois eu volto aqui - ela diz apontando para o banheiro

-Okay, okay, já estou indo - digo e logo ela sai do quarto

Pego minhas coisas e vou em direção ao banheiro, faço minhas higienes demoro cerca de uma hora no banho, até que escuto a porta do meu quarto abrindo e fechando e deduzo que seja Rosa, termino meu banho e vou me enchugar, coloco meu roupão e saio do banheiro

-Eu já estou toda arrumada e você ainda está assim Megan?

-Estava tomando banho, você quer que eu faça oque?

-Eu também fui tomar banho e mesmo assim já estou toda arrumada - ela diz colocando a mão na cintura

-Tabom mamãe, já entendi - digo colocando as mãos para cima em forma de rendição

-Vai, senta ai que vou te arrumar - Rosa diz me fazendo sentar

Logo ela começou a me maquiar e em meia hora ela já tinha terminado e foi arrumar meu cabelo secando e logo em seguida fazendo alguns cachos e prendendo uma parte em cima

-Já acabou? - digo quando ela para de mecher no meu cabelo

-Uhum - ela diz dando um último retoque na minha maquiagem

-Rosa... - digo quando me olho no espelho - Ficou maravilhoso a maquiagem e o penteado 

-Claro, foi eu que fiz - ela diz jogando os cabelos pro lado

-Convencida nada né - digo revirando os olhos e rindo da sua cara

-Só digo verdades querida - ela diz mostrando a lingua - Agora vai se trocar - ela diz me dando uma caixa com um laço

-Oque é isso? - digo desfazendo o laço

-Abra e veja você mesma - ela diz quando estava terminando de abrir o embrulho - Eai? Você gostou?

-Eu não gostei... eu amei Rosa, é maravilhoso

-Você está dizendo isso porque gostou ou só porque somos amigas? - ela diz cruzando os braços

-Porque ele é simplesmente maravilhoso, todo detalhado até parece que uma estilista famosa que fez - digo indo até o espelho e colocando ele na minha frente pra ver como ele ficaria em mim

-Obrigada amiga, você não sabe como fico feliz ouvir você falando isso - Rosa diz com os olhos brilhando

-Só não chora, vai acabar com a maquiagem - digo indo até ela, e dando um abraço na mesma que retribui

-Claro que não, maquiaguem ta cara querida - ela diz dando risada no final - Agora vai se trocar - ela diz se desfazendo do abraço

Fui me trocar no meu closet e aproveitar pra procurar um salto que combinasse com o vestido, quando achei e ia mostrar pra Rosa notei que ela não se encontrava mais no quarto

-Já está tudo pronto? - escuto Rosa falar do corredor, olho de canto na porta e percebo que ela estava ao telefone - Okay, chegamos ai em cerca de meia hora, tudo bem? - ela diz e logo percebe que eu estava escutando sua conversa no telefone e logo desliga após dizer um okay

-Com quem estava falando?

-Olha Meg, ficou perfeito em você e servir perfeitamente - ela diz me fazendo dar uma volta

-Obrigada, mas você ainda não respondeu minha pergunta - digo voltando ao assunto 

-Ninguém de importante, você já está pronta? - ela diz enquanto pega a maquiagem pra dar alguns retoques na minha maquiagem

-Sim, só preciso ligar pro meu irmão avisando que vou sair - digo quando ela termina de retocar minha maquiagem

-Depois você avisa, vamos - ela diz me puchando pra fora de casa

-Okay, já estou indo - digo pegando minha bolsa e trancando a porta

[...]

Estávamos a caminho da festa que Rosa me chamou e tentando ligar para o meu irmão, oque só era perda de tempo porque ele não estava atendendo

Tentei fazer Rosa me falar mais sobre essa tal festa, mas também foi em vão, porque ela não queria me contar nada

CONTINUA
   


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...