História Switched Lovers - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Amizade, Aventura, Baek, Comedia, Exo, Hentai, Romance, Sehun, Yaoi, Yuri
Exibições 61
Palavras 1.709
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá! Essa fanfic eu fiz especialmente para minha melhor amiga, ela é tecnicamente nossa fanfic <3 Tive essa ideia enquanto estava assistindo um seriado e aconteceu mais ou menos o que vai acontecer com essa fanfic <33 Apesar dela ser hetero, eu sempre coloco alguns traços yaoi (pq eu amo) hahaha <3 Aproveitem!

Ps: Capa temporária até eu ter a vontade de mudar.

Capítulo 1 - We love it


Sexta-Feira, 11 de Março de 2016 - 20:45 da Noite

Eu estava sentada no sofá da sala de jogos, ao meu lado estava a Kim Yerin, uma garota com cabelos negros que vão até sua cintura e um franjinha bem fofa que combina bastante com ela. Estávamos na casa de um Veterano, Era nossa festa de boas-vindas, já que entramos nesse novo colégio e no ensino médio, me falaram que todo ano os Veteranos precisam fazer uma festa para os que chegaram, eu adorei a ideia, mas acho que a Yerin não tanto, ela não gosta muito de festas.

- Será que ele está aqui? - ela perguntou, olhando ao redor. - Eu não o vi hoje. - comentava sobre o garoto que a mesma gostava. Ele se chamava Oh Sehun, desde que chegamos na escola ela está de olho nele. O antigo romance dela não deu tão certo. Já que, ele havia se mudado no meio do ano sem avisar pra ninguém, ela chorou por três dias seguidos. E eu tive que ajudá-la. Claro que eu sempre a ajudo quando é preciso.

- Não sei, também não o vi, mas acho que ele não é desse tipo de pessoa que gosta de festas. - disse, eu não o conhecia, apenas ouvi falar, acredite em mim ele é um dos doze garotos mais populares da escola, se não o mais popular. - Será que o BaekHyun veio? - perguntei, olhando ao redor. 

- Veio sim, olha ele ali. - ela apontou para o garoto menor que estava concentrado em seu notebook, ele parecia estar jogando. - Vai até lá. Aproveita. - ela disse, dando um empurrãozinho em meu ombro.

Eu nunca gostei tanto dos garotos, por eles se acharem superiores ou muito 'machinhos', eu gostava de garotos como o Byun BaekHyun, um tanto delicado e pequeno, indefeso. Ele é perfeito.

- Tá sonhando outra vez? - ela perguntou olhando para o copo de refrigerante dela, que estava vazio. - Oh, acabou.

- Eu pego mais. - falei, pegando o copo e me levantando. 

Caminhei para fora, da sala, claro que... Dando uma espiadinha no BaekHyun, claro. Andei com o copo nas minhas mãos, indo para o local dos refrigerantes, olhei ao redor e observei um garoto com várias garotas ao redor, ele não parecia estar gostando, confesso que era bonito.

- Aqui, senhorita. - falou uma das garçonetes, peguei o copo e agradeci.

Meu olhar voltou para o local que o garoto estava, mas ele não estava mais por lá. Distraída, esbarrei em alguém, derrubando o refrigerante em minha roupa.

- Droga. - comentei. Olhei para a merda que havia feito. 

- Aish... - a pessoal que eu esbarrei reclamou, levantei o olhar e percebi que era o mesmo que estava rodeado de garotas. - Desculpe, eu deveria-

- Não... Foi culpa minha. - disse, limpando minha blusa e assim que olhei para a dele, também estava manchada. - Desculpa. - disse.

Enquanto isso..

- Que demora. - comentei, olhando para ver se ela vinha. - Quanto tempo se demora para pegar um refrigerante? - disse me levantando.

Um garoto - acho que louco -, chegou por trás de mim, me empurrando, acabei de cair por cima de um notebook que se colidiu com o chão, o único que estava com o notebook ali era...

- Não! - ele exclamou, com um olhar surpreso, olhei para o mesmo e ele para mim, senti minhas bochechas ficarem rubras, levantei-me rapidamente pegando o notebook do mesmo.

- Desculpa. - disse, entregando para o mesmo.

- Tudo bem, não se machucou, né? - ele perguntou, deixando o notebook de lado.

- Não...Eu to bem. Você joga LOL? - perguntei, surpresa.

- Sim, você também? - ele parecia animado quando me fez a pergunta.

- Eu? Não... Mas minha amiga joga, sabe, ela se chama Park HyeJung, deveria conversar com ela sobre LOL.. Se ela aparecer.

- Sério? Puxa, é raro encontrar uma menina para jogar, irei adorar conhecê-la! 

- Hey, BaekHyun! Vamos subir. - um garoto que parecia ser chinês o chamou, ele era realmente bastante atraente.

- Luhan! Estou indo. Bom até mais, aproveita a festa. - ele disse, acenando e saindo do local. 

- Preciso encontrar a HyeJung. - falei, saindo dali.

.....

- Eu tenho que voltar. - disse, mas ele segurou em meu braço.

- Precisa trocar de roupa, venha. - ele me puxou.

- N-não. - disse. - Minha amiga ela--

- Vai entender.

- Olha ele ali! - Algumas garotas exclamara, ouvi o mesmo respirar e só senti ele me puxando para a escada. 

Eu estava ficando com medo, o local era completamente estranho... E o jeito que ele segurava mu braço, eu deixei sem querer o copo cair de minhas mãos, mordi meu lábio inferior e respirei fundo, assim que cheguei no quarto vi mais onze pessoas incluindo o BaekHyun.

- Chanyeol, pega uma camisa e entrega para ela. - ele disse, soltando meu braço  e indo até o armário, retirando a sua. Meu rosto pegou fogo e eu apenas virei o olhar. 

- Aqui. - ele comentou, entregando a camisa para mim. - Eu te conheço, você vive ao lado da YeRin, né? Eu e ela nos falamos bastante. Sou o Chanyeol.

- Park HyeJung, prazer.

- Sou o Kim Jong-In, mas todos me chamam de Kai. Prazer.

- Sou o Luhan! - ele disse animado, enquanto empurrava o Sehun. - Você é uma bela moça. 

- A-ah.. Obrigada.

- Sua amiga também deve ser, traga ela aqui! - ele disse.

- Não da, tenho que levar o refrigerante para ela.

- Deixe-a. - O mais alto falou, colocando já uma outra camisa. - Já volto.

E assim saiu da sala, os outros abriram um sorriso para mim e eu apenas retribui.

- Faltou eu me apresentar, também sou chinês, sou o Zhang Yixing. Mas eles me chamam de Lay, e nem me pergunte o motivo.

- Sou Kyung-soo.

- Oi. Para os dois. - falei, acenando.

- Sou o Byun BaekHyun. - Esse nome eu já sabia, mas eu não sabia como reagir naquele momento, eu estava falando com ele. 

- Kim Jong-Dae, é um prazer senhorita. Pode me chamar de Chen, se quiser.

- O prazer é todo meu.

- Sou Kim Jun-myeon, mas todos só me chamam de Suho. 

- Ele é o dono da casa. - respondeu Chanyeol, enquanto estava sentado na cama.

- Sou Kim Minseok, mas eles me chamam de xiumin. - o mesmo abriu um sorriso amigável. 

- Kris. - ele disse. 

- Na verdade o nome dele é Wu Yi-fan, mas todos chamam ele de Kris. - LuHan falou com um baita sorriso no rosto.

- Huang Zitao, mas me chame de Tao, é mais fácil. - realmente, nomes chineses não é muito comigo. 

- Oh Sehun. - a voz de traz veio, mas tecnicamente eu já sabia quem era ele, de tanto a YeRin falar. - Aqui está. - ele entregou um copo maior que o antigo cheio de refrigerante. - Entregue para sua amiga. - essa seria uma ótima hora para eu comentar sobre ela.

- A YeRin... Gostaria de conhecer vocês. Ela gosta muito de vocês, vive falando, comentando... 

- Na escola quem sabe. - BaekHyun disse. - Eu acho que a conheci. Você é a que joga lol! - ele exclamou.

- S-sim... É... - disse, envergonhada. - E-eu preciso ir.

- Espere, troque a blusa. - Sehun disse, me impedindo de sair. - Não pode ficar com ela assim. 

- A-aqui? - perguntei, olhando para os garotos. 

- Meninos, virem-se. - ele disse. Como se isso adiantasse de algo..

- Olha, a hora eu já estou indo, não precisa se preocupar, eu to de boa. Já até secou. 

Ele me olhava com a mesma expressão, ele não muda não? 

- Ta. - ele falou abrindo a porta e puxando a camisa de mim. - Tchau. - disse me expulsando do quarto e fechando a porta.

- Garota! Te encontrei! - Disse a YeRin que estava na escada. Eu olhei para ela e ela notou que havia algo de errado. - O que foi? 

- Aqui seu refrigerante. - disse entregando para ela. 

- Aconteceu algo? - ela perguntou. - Eu esbarrei com o BaekHyun! - ela disse. 

- E eu com o Sehun, e o resto dos garotos. Nunca me senti tão envergonhada na minha vida.

- O que? Conta mais! Mentira, por que não me chamou? - ela fez bico, e eu ri. 

- Eles não me deixavam sair. 

- Não to entendendo, me conta mais de como foi isso.

Ela me arrastou até descermos as escadas e irmos para frente da casa, o carro da mãe da mesma estava ali esperando nós duas, e durante o caminho eu fui contando o que aconteceu, ela pulava de felicidade, acho que ela iria me agarrar a qualquer momento e gritar por que eu não fiz isso e aquilo, mas tenho certeza que ela também não faria.

.....

Assim que cheguei em casa, sentei-me no sofá e cruzei as pernas, meu irmão dormia na poltrona, peguei meu celular e vi um monte de mensagem da YeRin, soltei uma pequena risada com o que ela me mandou. 

" Segunda vamos falar com eles, vamos, vamos! Assim eu aproveito e pego o Sehun logo. " YeRinzinha, enviado às 22:48

" Deixa de ser boba e vai dormir, pra não acordar tarde. " visualizado às 22:49

" Ta, chata. Boa noite, Te amo, beijus. " YeRizinha, enviado às 22:49

" Boa noite, hehe'. " enviada às 22:50

Eu coloquei o celular na cômoda ao meu lado, enquanto passava os canais da Televisão, eu estava feliz por finalmente ter falado com o BaekHyun, mesmo que eu meio que fui 'obrigada' a fazer isso, me sinto mal por não ter falado com os outros garotos e nem ter falado muito sobre a YeRin para o Sehun... Eu deveria ter falado mais nela, vai que ele se interesse. Sehun, hum... Ele é estranho, sempre com a mesma expressão, não podemos adivinhar o que ele pensa, mas o antigo garoto que ela gostava não era lá muito diferente. 

Deitei minha cabeça no sofá, fechando os olhos. Por fim, adormecendo. 

 

 


Notas Finais


Oii gente <333 UHSAUHSA nem sei mais oque falar, enfim, ta ae! <3 Pra minha melhor amigan <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...