História Sword Art Online---A new story - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais, Sword Art Online
Personagens Personagens Originais
Exibições 19
Palavras 808
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Capítulo novo,espero que gostem!!

Capítulo 6 - Ryo...


Antes que a noite virasse Ryo me deu o endereço do local onde treinaríamos e disse para não me atrasar.

.                    .                      .

No dia seguinte

Assim como eu, o sol já estava saindo. Olhei novamente o local de encontro e acabei percebendo que era em uma floresta ali perto.

–Vamos nessa!–murmurei e juntei minha espada ao corpo

Depois de alguns minutos andando, finalmente consegui chegar à floresta. Agora só restava encontrar Ryo-Kun.

Entrei adentro na floresta e depois de alguns minutos comecei a achar que estava perdida.

Respirei fundo– Porque esse maluco não me esperou na frente da floresta?

Quando eu estava quase desistindo de encontrá-lo avistei um pequeno local com luz. Como ultima tentativa de achá-lo fui até lá.

Quando cheguei fiquei encantada ao ver tal lugar. Havia um lindo campo floral que dava destaque no lugar ,sol refletia as folhas das árvores fazendo que pequenas rajadas de luz ficassem sobre mim,sem contar o lindo riacho que havia um pouco a frente.

–Tão lindo... –sussurrei

Como Ryo não estava por perto acabei indo explorar o local.

Era tudo tão mágico, tudo tão calmo, fava para morar ali fácil, fácil.

Sentei-me a beirada do riacho e esperei.

–Pena que não sei nadar... –falei cabisbaixa

–Porque toda vez que eu vejo você, você sempre está falando sozinha?–Ryo apareceu do nada oque me deu um susto momentâneo. Acho que ele percebeu,pois arqueou a sobrancelha.

–Oque?Assustei-te?

–Mais ou menos. Sabe que está atrasado né?–me levantei

–Eu sei... acabei tendo uns imprevistos e tals.

–Tudo bem. Vamos treinar?

Ele assentiu com a cabeça

–Primeiro hoje é auto defesa não iremos precisar de espadas então a guarde. –falou ele enquanto guardava a sua

–Ok...

Quando estava tudo pronto, começamos.

–Pronta?–perguntou ele enquanto se alongava

Assenti com a cabeça

–Ótimo. Tente copiar meus movimentos ok?

–Ok.

–A primeira coisa a se fazer é manter seus cotovelos para dentro e seus punhos perto do nível dos olhos, longe do seu rosto para bloquear ataques laterais.

–Assim?–perguntei

Ele se aproximou e corrigiu minha posição

–Agora fique com seus pés um pouco mais largos do que a largura dos ombros, o pé mais forte para frente e um pouco para fora, e o pé mais fraco para trás e para fora. –falou afastando meus pés

–Perfeito, agora tente me acertar.

–Não precisa pedir duas vezes.

Fiz uma série de socos em sua direção, porém ele conseguiu desviar de todos.

–Muito lenta, de novo!

.                 .                 .

Ficamos treinando durante algumas horas quando finalmente acabamos.

Para minha tristeza acabei não o acertando

–Amanhã iremos treinar de novo ouviu?–se sentou

Assenti com a cabeça

–Vou dar um mergulho, e você?–perguntou tirando sua blusa

–E-eiii!Não saia tirando suas roupas assim do nada!–falei cobrindo os olhos

–Tanto faz... –mergulhou

Ele ficou alguns minutos emergido, e com o passar do tempo comecei a ficar preocupada.

–RYOO-KUN?Cadê você?–gritei

Não houve resposta.

–Não pode ser... e se ele se afogou??

Aproximei-me da beirada tentando procurá-lo

–(Não pode ser...Ryo,por favor apareça...)

Logo em seguida senti uma mão me empurrando, e assim me fazendo cair no riacho.

–Vamos, se divirta. –tentei observar quem era,porém acabei engolindo muita água.

–R-ryo, soc----

Meus pulmões já estavam sem oxigênio, eu estava afundando...

–(É assim que eu irei morrer...?)

Depois disso eu não me lembro de nada que não fosse dor.

–YUMI...

–(Alguém está me chamando.)

–Yumi, por favor, acorde.

–(Eu não consigo... Meus olhos não abrem.)

–Yumi, por favor...

–(Ryo...?)

Depois de alguns segundos meus olhos foram se abrindo lentamente, tudo estava embaçado então eu não conseguia ver muita coisa.

–Yumi?Yumi está me ouvindo?

–R-ryo... –sussurrei

Minha visão estava voltando ao normal. E finalmente pude ver...Ryo.

Levantei-me imediatamente e comecei a tossir

–Isso Yumi, isso!

–R-ryo?Oque aconteceu?–pus as mãos na garganta

–Yumi, por favor, me desculpe.

–Do que está falando?

–Fui eu quem te empurrei no riacho. Desculpe,eu não sabia que você não nadava.Por favor me desculpe...Por conta disso quase matei você–falou com a voz embargada

Sorri para ele–Tudo bem... Tudo bem.Eu estou viva,eu estou aqui.

–Eu sei, mas... –por favor Yumi,eu sinto muito.

–Eii, olhe para mim!–segurei seu rosto. –Eu estou aqui,então não precisa se preocupar ok?Se continuar se culpando, vou te dar alguns socos ouviu?–falei com a voz firme

Seus olhos se cravaram nos meus e ele apenas assentiu com a cabeça.

–Ótimo... agora me responda uma coisa.

–Diga.

–Como você conseguiu me ressuscitar?

–Ahhh, sobre isso...–Ele virou o rosto para que eu não pudesse ver

Parece que eu o deixei envergonhado, pois dava para ver suas orelhas vermelhas

–R-ryo?Oque foi?Você está todo vermelho!Está passando mal?–us a mão em sua testa

Ele pareceu assustado com a minha ação então se levantou rapidamente.

–E - estou bem, vamos logo embora daqui. –saiu batendo o pé

–Mas oque aconteceu aqui afinal...?

 

Continua...


Notas Finais


Espero que tenham gostado!!
Até o próximo capítulo!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...