História Sword online - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Date a Live
Personagens Personagens Originais
Visualizações 7
Palavras 627
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sci-Fi, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Essa é minha primeira história então tenha piedade

Capítulo 1 - Capitulo 1 no laboratório de teste


Fanfic / Fanfiction Sword online - Capítulo 1 - Capitulo 1 no laboratório de teste

Quanto tempo já tô aqui nessa sala apertada jugando pela aparência ela tá em bom estado com um tipo de almofada nas parede e uma câmera no canto da parede perto da porta de ferro também com almofada, eu começo a ouvir esses gritos ecoando pelo corredor todo até me acostumei com isso então deitei na cama de plástico e fui dormi. Acordei com apito para levantar eles abri a porta e dois comentários com arma que eu não sabia identificar era muito estranha mas já vi ela sendo usada então eu tinha que obedecer as ordens deles então fui até uma sala grande eu acho que cabia umas 80 pessoas mas só tinha 11 crianças entre 12 a 14 anos maioria menina então tinha uma fila para pegar comida já era pra do almoço todo mundo tava com uma roupa branca , então peguei meu prato me servi e sentei em uma mesa lá tinha mamais 4 pessoas yuno,nãnami,opa,eugo.Yuno uma garota tímida de cabelo castanho e olhos azuis,Nãnami uma garota particularmente ativa ela é muito otimista tem cabelos azuis curto que chegava até o pescoço tinha uma personalidade típico de ímã mais velha,eugo um menino astuto e inteligente,com cabelo marrom claro e olhos marrons,opa um menino que está disposto a ajudar mais e muito brincalhão ele tem cabelos loiros com olhos laranja,ele gosta da Nãnami mais ela não quer nada com ele,e eu shido cabelos azuis e olhos marrons não sou feio mais também não só bonito não tenho nenhuma habilidade imprecionante particularmente eu só um menino normal.

Quando fui sentar na mesa uma menina caiu e derrubou a comida o chão vi que ela tinha curativos pelo corpo,então percebi que ontem à noite quem tava gritando era ela ela tentou se levantar mas logo caiu no chão, eu persebi que a perna tava vermelha ela devia tá sentido muita dor eu sabia que isso doía já passai no tratamento, na segunda vez ela já tava na posição de gatinha, quando der repente vi gostas de água caindo no chão ela estava chorando mas não era um choro qualquer ela tava em silêncio como se estivesse tentando conter o choro, eu fiquei irritado vi que ninguém ia ajuda-la como se todo mundo fingisse que aquela cena não aconteceu todos estavam comendo enquanto a garota no chão chorando,então me levantei e fui ajudar nisso eugo agarro pelo braço e disse

-Isso não tem nada a ver com você

-Mas....Eu disse

-Escuta eu não tô falando isso só para te ajudar,mas se for ajudar alguém então não se intrometa,isso só vai arranjar problemas para gente.Eugo disse

Eu vi a aquela menina chorando silenciosamente tentando se levantar e depois olhei para para o resto da turma ele me olharam e disse.

-Eugo se o shido quiser ajudar a menina essa é a decisão dele.Nãnami disse.

-shido sempre ajuda uma dama caida no chao. Opa disse, na moral eu queria socar a cara dele por te dito isso na frente das meninas,mas sabia quais eram as intensões das palavras dele.

Então eu criei coragem e tomei uma decisão.

-Desculpa mas não posso deixar a quela menina no chão chorando.Eu disse para eugo.

-Intendo a escolha é sua mas não diga que eu não te avisei.Eugo disse,eu acho que ele já sabia aonde essa conversa ia dar por isso ele não criticou.

Então comecei a ir em direção a menina no chão enquanto eu ouvia as pessoas criticando a menina tipo como ela é patética,ela deveria morrer ,isso me deixava puto da vida mas não podia fazer nada aliais não conheço a menina mas mesmo assim eu to indo ajuda-la ,eu cheguei perto da garota estendi agachei e estendi minha mão e disse.

  -deixa que eu te ajude a levantar.Eu disse



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...