História T3ddy - Apaixonado pela empregada - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lucas "T3ddy" Olioti
Personagens Lucas Olioti
Tags T3ddy Romance Violência
Exibições 136
Palavras 677
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


BOOOOM DIA LINDOS 💜✨

Mesmo negócio ontem tá ✨💜

Capítulo 36 - 0.36: Você ia se matar?


— Eu vim falar com a..... — ouvi Lucas dizer desajeitado — Ah não acredito que você veio se humilhar de novo — Christian gritou.

— Oque tá acontecendo aqui? — eu perguntei indo a porta.

— Lívia — Lucas disse vindo até mim.

— não — o parei — Se afasta de mim por favor — eu disse dando passos pra trás, me doia tanto fazer isso, oque eu queria mesmo era correr e abraçar ele tão forte ao ponto de sufocar.

— Vamos conversar por favor — ele disse e Chris revirou os olhos.

— Lucas não, porque você não segue sua vida e me deixa em paz? — eu explodi e fechei a porta na cara dele.

— Agora a gente pode ir pra balada? — Mauro disse.

— Eu vou te esquecer garota! E depois você vai correr atrás de mim e sabe oque eu vou dizer? FODA - SE.

— Eu fui muito trouxa mesmo de vir querer resolver as coisas.

— QUER SABER DE UMA COISA LÍVIA? VAI SE FODER — nunca vi Lucas daquela forma, uma mistura de ódio com tristeza, por que eu ouvia sua voz de choro no meio de cada frase.

Ele já não estava mas na porta, mas eu ouvi tudo que ele disse, talvez eu estivesse sendo dura com ele mas, Agora eu vou ser bem pior, tudo que ele me disse vai ficar guardado aqui na mente pra sempre.

— Não liga pra oque ele disse — luba me aconselhou.

— Não, foi bom ele ter dito,agora eu sei oque ele realmente pensa. — eu disse limpando meu olho, uma maldita lágrima caiu.

Lívia como você mesmo disse você não vai chorar, você vai seguir em frente,eu agora precisava descansar pôr que minha cabeça ia explodir a qual quer momento se eu não desse uma pausa.

P.V.O T3ddy

Chega, acabou pra mim desisto de ser trouxa, agora quem não quer sou eu, você se acha inesquecível Lívia? Mas não é! Quando eu tiver com outra e você vir atrás de mim de novo eu não vou responder por mim.

Peguei uma caixa e começei a juntar tudo dela que estava expalhando pela casa, eu iria devolver lógico, mas eu poderia tacar fogo talvez? Meu sangue estava fervendo de raiva, por aquele playboy por oque ela tinha me dito a alguns minutos atrás, Isso se juntou e virou um grande ódio, um sentimento horrível que vocês não devem consumir

P.V.O Lívia

Acordei com o barulho da campainha tocando, parece que o mundo estava acabando, porque seja lá quem for ficava apertando repetidamente fazendo um barulho irritante

— JA VAI CARALHO — Eu Gritei enquanto procurava as chaves, quando finalmente achei me deparei com o desagradável do Lucas

— Toma suas coisas garota — ele empurrou a caixa conta mim.

— Garota não que eu tenho nome — eu repreendi.

— Foda-se não estou afim de lembrar

— Olha — acabei perdendo o controle e marquei minha mão no seu rosto.

— Eu odeio você — ouvi ele sussurrar de cabeça baixa antes de sair.

Sabe aquela ideia de não chorar? Ela foi por água abaixo, agora eu já estava fazendo um rio no chão da sala, palavras machucam, ainda mas quando se recebe um "eu te odeio" da pessoa que você já amou por tanto tempo.

Eu não sei que caralhos passou na minha cabeça por fazer isso mas aquilo era demais pra mim, eu me rastejei até a cozinha é minhas mãos se encontravam com uma faca

( Ah Lívia você vai se matar por causa de homem?)

Eu não pensei isso na hora, a única coisa que eu tava pensando era na voz do Lucas falando repetidamente " eu te odeio " Onde eu enfio para matar mesmo? Perguntei para mim mesma e me respondi acho que no coração que por sinal já estava ferido demais. Eu já estava com a faca apontada só faltava um impulso pra eu cair morta ali

— Não não não — luba correu até mim e jogou a faca longe

— Lívia qual é seu problema? — ele perguntou

— Você ia se matar?

— Ele me odeia

— A pessoa que eu mas amei me odeia...


Notas Finais


EITAAAAAAAAA

LUCAS PEGOU PESADO

Fui✨💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...