História Tá pensando que isso aqui é dorama? - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 19
Palavras 1.279
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá! Essa é minha primeira fic e não tenho muito a declarar. Espero que gostem.

Capítulo 1 - Prólogo


*Havia uma multidão de pessoas vestidas com roupas medievais reunidas...  Numa orla? Não consigo identificar o lugar com clareza, essas pessoas olhavam para um ponto fixo na beira do mar e também tinham algumas pessoas na água, parecem soldados, também de época medieval, observo melhor e vejo entre uns cinco soldados ali presentes, uma família e um... o que é aquilo? Um bebê? Sim, era um bebê e todos olhavam esse bebê com um olhar de curiosidade, como se nunca tivessem visto um bebê na vida*   

Acordo sem entender nada daquele sonho estranho, mas sonhos estranhos já são rotina na minha vida  então apenas deixo para lá. Levanto -Atrasada,  como sempre- e vou correndo tomar banho e me arrumar, visto uma calça jeans escura de cintura alta, uma blusa branca de alça fina, deixo meu cabelo solto e vou para a faculdade de arqueologia,  que não fica muito longe, eu vou andando mesmo. 

 ~Algum tempo depois~ 

 As aulas passam rápido mas eu ainda tenho que passar a tarde ajudando o professor, uma espécie de estágio que se baseia em eu ficar no laboratório ajudando o professor Kim com algumas pesquisas e depois eu tenho que fazer o relatório do estudo, vou  precisar disso para poder me formar.    

 O senhor Kim é uma boa pessoa, principalmente quando conversamos, apesar da diferença de idade nós temos bastante assunto. Não sei muito sobre ele, só sei que nasceu na Coréia do Sul e o pai dele recebeu uma proposta de trabalho, mas a família dele teria que morar aqui, então ele está aqui desde os 15 anos.    

 ~ No laboratório 

 Ao chegar encontro ele com uma calça preta, camisa branca e jaleco sentado em uma das mesas observando algo que estava sobre a mesa. 

 - Boa tarde senhor Kim! 

 - Boa tarde, Ane! Já falei que pode me chamar apenas de Jin, ok? 

- Vou tentar, mas o senhor sabe como sou. 

- Viu? Já me chamou de senhor de novo. 

- Eu falei que ia tentar, não falei nada sobre conseguir. 

- Engraçadinha! Hoje chegaram uns artefatos para a gente analisar, estão achando que tem algo com a lenda do Imperador Wang, você poderia vim para começarmos amanhã mesmo? 

 -  O que? Amanhã é sábado.       - Próxima sexta eu te libero.  Pode ser? 

 - Tudo bem. 

 -  Mas eu não conheço essa len...  

Antes de eu terminar sou interrompida por uma garota loira, cabelos longos e estatura corporal baixa, que entra na sala pedindo ajuda do professor Kim, ela está usando uma calça jeans que marca suas pernas, tênis preto e uma blusa decotada.

 - Professor eu preciso fazer um trabalho sobre as principais lendas da Coréia. Você poderia me ajudar?    

 Ela fala já se insinuando para o professor, que parece não perceber as investidas.

- Claro... -Ele faz uma pausa para ela falar seu nome- 

- Jéssica.

- Alguns alunos já me procuraram para falar sobre isso. Para quando é? 

- Segunda 

- Já? Olha, infelizmente não poderei fazer muito por você, pois estarei ocupado nesse fim de semana, mas eu posso lhe indicar alguns livros que são ótimos e que vão te ajudar muito.  

-  Ah... está bem.      

Ela sorri, mas posso sentir um desapontamento da parte dela. Enquanto o professor anota o nome dos livros em um papel, a menina me olha com uma cara de "Vadia, eu ainda vou pegar ele, você vai ver" eu apenas ignororo e deixo para lá, apesar de não querer nada com o professor, não posso negar que ele é bonito e chama atenção aqui na faculdade, então como eu trabalho com ele, já estou acostumada com esses olhares. 

- Ane, você poderia acompanhá-lá até a bivlioteca e lhes mostrar onde estão  esses livros aqui? 

 - Claro! 

 - Não preciso da sua ajuda, eu sei ler muito bem, posso me virar sozinha.  

O professor entrega o papel a ela, que sai logo em seguida. 

 - Nossa! Pra que tudo isso?

- Talvez porque ela estava esperando passar uma linda manhã "estudando" com o professor gato e depois vocês sairiam para tomar uma sorvete ou algo do tipo e você de declararia para ela e depois vocês iriam transar na casa dela? 

 - Uau! Como você sabe disso? Andou fantasiando comigo...? 

 - Ah, mas é claro! Eu e metade da faculdade.- Ironia passando- 

- A maioria dessa faculdade é afim de você, como eu fui "a escolhida" para ser sua assistente, muitas dessas pessoas me odeiam, então elas dizem que tem algo entre a gente, e vivem fantasiando sobre o que fazemos quando estamos juntos. Por que você acha que o diretor está sempre por perto? Inspeção rotineira? 

 -... 

 -  Como você pode ser tão inocente? 

 - Eu não sou inocente, percebo os comentários, o diretor e também percebi aquela menina dando em cima de mim, você sabe que relacionamento entre aluno e professor é proibido, não posso fazer nada com essas garotas que gostam de mim e nem com você. 

 -  Primeiro: eu não gosto do senhor dessa maneira. Segundo: então quer dizer que se fosse liberado o senhor faria? 

 - Ane! Chega desse assunto, foco no trabalho. Ou você não quer mais se formar?  

 Sorrio pelo desconforto do professor e sento em uma outra mesa onde estava o computador que eu faço meus relatórios, começo a trabalhar e perco a noção de tempo, quando percebo já é hora de eu ir para casa. 

 - Senhor Kim, já está na minha hora. Estou ind... 

   Levanto meu olhar do computador e vejo o senhor Kim mechendo nos artefatos que chegaram hoje, ele parece realmente interessado nisso. Ele está tão lindo assim, distraído com o trabalho. ~ O que é isso Ane? Deu pra gostar do professor agora? 

 - Senhor Kim? 

 - Ah! Oi, Ane, o que quer? 

 - Já estou indo para casa. Tchau! 

 - Já está na hora?  

 - Já, professor. 

 - Então tá. Tchau, Ane! Até amanhã! 

 - Até.

  ~Fim de tarde~ 

 Comecei a pensar naquele sonho estranho... Parecia tão real. Vou me perdendo em meus pensamentos enquanto volto para casa, ao chegar encontro minha amiga esparramada no sofá. 

 - Boa noite! Como foi seu dia?   

Digo educadamente- Sou muito educada, até quando não quero- enquanto fecho a porta e me sento no sofá colocando as pernas dela em cima das minhas e jogando a bolsa em qualquer canto da sala e ela me responde com um ar de "Quero descanso"

- O de sempre... Fotos e mais fotos. 

 - Que excitante    

Falo usando ironia. Ela é modelo desde os 14, somos amigas desde os 12, então quando precisei do apê ela aceitou dividir o dela comigo e eu ajudo nas despesas com o dinheiro que minha mãe manda.   

- Tive um sonho estranho essa noite...   

- Novidade! 

 - Agora vai me escutar, só porque fez gracinha. *Contei o sonho para ela*   

- E o que esse tem de diferente dos outros? 

 - Sei lá...  É como se eu realmente estivesse lá e mesmo sonhando eu lembro da vida real. Odeio essas merdas! 

 - Pois vá se acostumando, porque parece que "essas merdas" estão te perseguindo. 

 - Obrigada pelo conselho, querida Cléo, me ajudou bastante-ironia passando- 

- Você queria que eu dissesse o que?  Ah, não importa, eu vou é dormir. Boa noite! 

 -Boa noite!  Eu acho que vou assistir um pouco e depois eu vou, tenho que levantar cedo amanhã. 

 - Mas amanhã é sábado. 

 -  Eu tô fazendo estágio e o professor perguntou se eu poderia trabalhar esse sábado porque chegaram umas coisas aí e ele estava ancioso para ver, então na próxima sexta eu volto pra casa no horário normal. 

 - Ah...   Algum tempo depois eu desligo a TV e vou dormir.


Notas Finais


Foi isso meu povo, espero que tenham gostado. Se tem algo que queiram melhorar na fic, é só deixar nos comentários. Beijos e Tchau Tchau!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...