História Table Secrets (Hiatus) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jungkook
Tags Jikook, Shortfic
Visualizações 18
Palavras 2.507
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Lemon
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ou seus cuzaum, ele conseguiu me mandar esse capítulo por email, eu nn sei mto sobre fanfic e sobre editar e tals, mas vou tentar editar aq, se sair bosta a culpa nn é minha, mas quando ele voltar, ele ajeita.

Capítulo 3 - Primeiro Capítulo


   O menino de cabelos loiros não conseguirá dormir direito durante à noite. Estava tão animado para chegar logo à escola e descobrir o nome da pessoa que escreve todas aquelas coisas em sua mesa.
    Andava tão animado, que nem percebeu quando chegou à escola. Adentrou o grande portão, caminhou até o pátio onde Hoseok estava conversando com algumas pessoas. Hoseok era meio popular. Mas mesmo Jimin sendo seu melhor amigo, ele não gostava nada de ser o centro das atenções.
    Gostava de sempre sentar em seu cantinho, conversar somente com Hoseok. Sem muitas pessoas o encurralando, fingindo ser seus amigos, só por ''fama''. Se quisesse ser popular, poderia muito bem ser. Pois era melhor amigo do popular da escola. Hoseok junto à Taehyung. Eram os mais populares.
 — Jiminnie! — Hoseok o abraçou apertado — Vem, vamos conversar!  — Tentou puxar o amigo que assentiu negativamente.
— Vou para a sala, você sabe o por quê! — Dirigiu seu olhar ao amigo que entendeu.
    Caminhou em passos lentos até a sala de aula, sempre chegou cedo, faltavam trinta minutos para as aulas começarem. Gostava do silêncio dentro da sala.
   Quando entrou na sala, seu olhar foi direto para sua mesa, olhou que haviam o respondido.
'Oi Jimin, meu nome é Jungkook, eu estudo de manhã. Mesmo se reclamar, eu não vou parar de escrever na mesa.'
    Sorriu com a resposta do tal Jungkook, percebeu que o mesmo não é daqueles que leva fora para casa, muito diferente de si. Sempre procurava ficar longe de confusão. Pegou seu lápis e escreveu.
'Pode ficar tranquilo, eu gosto de quando escreve e desenha. Quantos anos você tem?. Eu tenho dezessete.'
    E mais uma vez Jimin estava ansioso para que o dia seguinte chegasse.

-~x~-

Nunca tinha esbarrado em tantas pessoas em um dia só, sua pressa para chegar na sala de aula era evidente. Quando finalmente conseguiu entrar na sala, sem esperar foi até sua mesa. Olhando a resposta.
'Que bom que gosta, eu tenho dezessete anos também. Onde você mora?'.
    Rapidamente pegou seu lápis e respondeu o menino.
'Nossa, temos a mesma idade. Eu moro à duas ruas da escola.'

-~x~-

Duas semanas se passaram, duas semanas de recados na mesa. Uma semana conversando com um estranho. Quer dizer, não era um estranho. Era Jeon Jungkook.
Hoje era uma dia de sábado, hoje finalmente os dois se encontrariam. Marcaram de ir à uma sorveteria.
O menino de madeixas loiras nunca esteve tão nervoso em sua vida. Hoseok estava em sua casa ajudando-o à se arrumar.
— Rouba um beijo dele! — Hoseok disse ao amigo que corou violentamente.
— Você está louco, Hobi? — Exclamou envergonhado.
     Jimin admitiu a si mesmo que seus sentimentos por Jungkook; estavam confusos. E ele recorreu à Hoseok. Péssima ideia, agora o menino de madeixas pretas; só vivia dizendo para ele roubar um beijo do Jungkook. Ou coisas do tipo.
— Hobi, eu estou bonito? — Perguntou ao amigo que fingiu pensar.
 — Você é lindo Jimin, você está maravilhoso! — Disse ao amigo que agradeceu com um abraço.
— Agora vamos! — Hoseok o puxou para fora do quarto.
   Entraram no carro de Hoseok, Jimin foi no banco carona e seu amigo dirigindo. O caminho até a sorveteria, foi o Hoseok dizendo ao amigo à como se comportar.
— Nada de ficar tímido! — Disse ao amigo que concordou — Chegamos, arrasa o coração dele Jiminnie!
— Tchau, Hobi hyung — Jimin despediu-se, logo caminhando em direção à sorveteria.
   Adentrou o local, atraindo a atenção de algumas pessoas, incluindo a dele.
   Caminhou até o balcão e perguntou para a atendente, onde estava um menino chamado Jungkook. Ela apontou para o menino que estava sentado na mesa olhando o cardápio e vestia uma calça Jeans, um coturno preto e um Moletom azul. Jimin virou-se e o encarou, ele era tão lindo. Era mais lindo do que ele terá imaginado. Agradeceu a atendente e caminhou até a mesa onde Jungkook estará sentado.
— J-Jungkook? — Disse atraindo a atenção do menino que logo se levantou e de surpresa o abraçou.
— Oi, Jimin! — Disse durante o abraço.
    O abraço se desfez, Jimin sentou-se de frente para Jungkook que o encarava com um sorriso no rosto. Ficaram assim por breves segundos.
   Logo a atendente veio e anotou seus pedidos.
— Então, o que mais gosta de fazer? — Jungkook perguntou ao loiro que sorriu.
— Eu gosto de escrever poesias, tocar violino... Mas o quê? — Ele pensa
— Toca algum dia para mim? — Jeon perguntou insistindo mentalmente para que Jimin aceitasse.
— Ah, não sei... — Ele respondeu, ainda estaria cogitando a ideia de tocar violino para Jungkook. Nunca tocou para ninguém, só sua professora e seus pais já ouviram o tocar.
— Por favor! — Jeon pediu com um biquinho nos lábios.
— Okay, um dia eu toco para você! — Respondeu e o amorenado comemorou com um soco no ar.
     Logo a atendente trouxe os dois sorvetes, deixando-os sobre a mesa e voltando para seu local de trabalho.
— E você? — Perguntou ao maior que agora comia seu sorvete de chocolate.
— Eu? Eu gosto de desenhar, cantar e dançar! — Respondeu o amorenado e o loiro sorriu.
— Já que eu vou tocar violino para você, eu quero que cante e dance para mim também! — Se ele tinha se aproveitado da situação? Imagina...
— Tudo bem! — Respondeu sorrindo.
— Sério? — Jimin perguntou, ainda não acreditava que o maior cantaria e dançaria para si.
— Sim, porque? — O maior perguntou enquanto chupava seu sorvete de chocolate
— Nada... — O menor voltou a comer seu sorvete de Baunilha.
    Então o silêncio se fez entre os dois, aliás eles estavam comendo seus sorvetes, claro que uma hora teria silêncio!. Jimin pegou-se observando o maior, ambos já tinham se falado por vídeo-chamada, praticamente todos os dias. Mas Jimin não achava que ele era tão lindo assim, pessoalmente.
— Observando minha beleza? — Jimin saiu de seu transe quando escutou a voz de Jungkook, logo quando se deu conta que estava encarando o maior à minutos, desviou o olhar para a mesa e corou repentinamente.
— E-Eu?, não... — Tentou disfarçar seu rosto corado, mas sabia que o maior terá visto.
— Pode olhar, eu sei que sou bonito — O moreno disse e logo após deu uma gargalhada.
— Eu sei que você é bonito, seu desgraçado perfeito! — Jimin pensou, nunca diria isso em voz alta, só em sua mente. — É... Vamos dar uma volta?
    Disse assim que viu o moreno acabar seu sorvete, o mesmo assentiu levantando-se da cadeira e indo até o caixa pagar o sorvete, logo voltou até Jimin e os dois andaram lado a lado até ao lado de fora da sorveteria.
— Kookie-ah, eu quero ver você dançando e cantando, você prometeu! — Jimin disse ao moreno que concordou sorrindo.
— Jiminnie-ah, a gente mal saiu da sorveteria e você quer que eu dance e cante? — O maior perguntou ao menor que assentiu sorrindo de ponta à ponta.
— Eu quero, agora! — Disse manhoso com um bico nos lábios
— Olha que abusado!, okay vamos.
— Eba! — Jimin gritou e deu alguns pulinhos animado.

-~X~-

— Chegamos! — Jungkook disse ao menor assim que adentraram sua casa — Pode ficar à vontade, meus pais não estão em casa.
— Okay, Kookie-ah — Jimin respondeu olhando em volta, a casa de Jungkook era realmente bonita.
— Vamos subir pro meu quarto, daí la eu canto e danço — O maior pegou o menor pelo braço e subiu as escadas logo entrando em seu quarto — Fica a vontade.
    Jimin se sentou na cama de Jungkook em forma de ''Indio''. Observou o maior andar até uma caixinha de som que terá ali e conectar seu celular na caixa por Bluetooth, logo uma música que Jimin deduziu ser 'Sorry Not Sorry' da Demi Lovato, começou a tocar.

Payback is a bad bitch
                 And baby, I'm the baddest

A música enfim começou e Jimin mal teve tempo de acompanhar os passos de dança do maior, ele dançava tão bem, que Jimin deixou seu queixo cair e se não estivesse tão concentrado em Jungkook, diria que sentiu algo molhado escorrer por sua boca.
       Acompanhava os passos do maior, não perderá nenhum passo se quer, seu olhar estava focado no corpo de Jungkook se movendo conforme a música, não deixou de reparar o abdômen marcado em sua blusa, por causa do suor. Teve que admitir a si mesmo que o moreno à sua frente era um pedaço de mau caminho...
       Parou de observar o garoto fixamente quando percebeu a música acabar e o moreno se jogar na cama ao lado do Park.
— Nossa, cansei... — Jungkook estava respirando fundo várias vezes, ele estava todo suado, agora mesmo que Jimin; podia ver o abdômen dele marcado na blusa, ele estará ao seu lado na cama, deitado ao seu lado e Jimin estava sentado em frente à ele agora.
— Porque não tenta dançar?, eu te ajudo! — Propôs Jeon, ao menor.
— Dançar?, desse jeito?. Nem vem, que não tem. — Jimin negou na mesma hora, causando uma risada por parte de Jungkook.
— Ah, é fácil, Jimin. Eu te ensino, vamos? — O moreno se levantou e estendeu a mão para Jimin, que recusou nos primeiros segundos, mas cedeu e pegou na mão de Jungkook.
— Olha, Kookie-ah. Eu não sei dançar direito, estou avisando! — Disse Jimin e o maior apenas revirou os olhos e sorriu.
       O maior foi até seu celular que estará plugado no aparelho de som, e colocou alguma música no aleatório, logo Where Are U Now, começou a tocar. Jungkook conhecendo a musica, logo pegou na cintura do Park que se assustou no momento, logo Jungkook movimentou-se para a esquerda, levando Jimin juntamente-a si.
     No refrão, Jungkook fez os passos de música e o Park o imitou, no fundo Jimin sabia que não estava sendo nada fácil acompanhar Jungkook, mas continuou. Nunca iria desistir de ficar ''colado'', com Jungkook. Poderia parecer um pouco aproveitador da parte de Jimin, mas poxa. Quem iria descartar uma chance de dançar com Jeon Jungkook?, esse gostoso que Jimin somente admitiu em sua mente.
   Logo a música acabou e sinceramente, Jimin estava desejando mais. Ambos se jogaram na cama respirando com dificuldade, se olharam por segundos e começaram a rir. Doidos.
— Que... foi? — Jimin ainda respirava com dificuldade
— Você foi super bem dançando, Jimin! — Jeon disse e Jimin apenas sorriu em concordância.
— Nem fui tão bom assim, Kookie-ah. — O moreno riu na mesma hora e o encarou como se falasse 'Sério isso?'.
— Jimin, para alguém que nunca pratica, eu acho. Você foi mais que perfeito! — Jeon-lhe lançou uma piscadela e logo o seu famoso ''Sorriso coelho''.
— Aish, Kookie-ah. Não exagere! — Jimin disse ao maior que apenas riu de canto
— Então a verdade é exagerada agora? — Jeon perguntou ao menor que o encarou e desferiu um tapa fraco em seu braço-Bem forte por sinal. E depois deu uma risada fraca.
— Quer tomar um banho, Jiminnie? — Jimin sorriu que nem bobo pelo apelido e encarou o maior.
— Não seria incômodo? — O menor perguntou ao moreno que negou na mesma hora.
— Claro que não, Jiminnie. É a porta em frente à porta do meu quarto, vai lá que eu te empresto uma roupa. — Jimin apenas concordou e saiu da cama, indo em direção ao banheiro.

-~x~-

    Ambos estavam sentados no sofá da sala de Jungkook, assistindo Doramas. Sim, não tinha nada para fazer e foram assistir Doramas, era um dos preferidos de Jimin. Jeon não gostava muito de Doramas, mas até que achou interessante esse Dorama, tão bem falado pelo Jimin.
— Olha lá, Jungkook!. Agora que eles vão se beijar! — Jimin disse ao moreno que apenas revirou os olhos pela enrolação para duas pessoas se beijarem. Por que não se beijam logo?, é tão difícil assim? - Pensava Jeon.
— Por que demoram tanto a se beijar? — Jungkook perguntou ao loiro que riu e deu de ombros.
— Talvez por que, quando duas pessoas se apaixonam, elas demoram mesmo. As vezes, elas tenham medo de fazer algo errado. — Jimin disse e deu de ombros, logo os dois meninos se beijaram, Jimin deu um pulo do sofá e deu um gritinho fino seguido de várias palmas.
       Jeon sorriu ao ver o menino assim, tão animado e bobo por um simples beijo - será que ele ficaria assim se eu beijasse ele?. Mas como assim Jeon Jungkook, vocês nem namoram e nem tem algo, Jimin nunca iria querer ter algo comigo também, Ele deve ser hétero, bem nem tão hétero por seu Dorama preferido, ser um Dorama gay... Mas mesmo assim, deixe de ser rídiculo Jungkook. -, Pensou Jeon.
   Assim que os dois personagens se beijaram, acabou e os créditos finais apareceram e a bendita frase ''Até o próximo capítulo''. Jimin amava esse Dorama, era seu preferido. Tratava-se de dois meninos em meio a um Apocalipse Zumbi, isso mesmo. Um dos meninos perdeu os pais e foi atrás deles que supostamente, estavam em um abrigo. [Eu acho que ele relacionou com Ended, nn sei, só perguntando].
— Até que é legal — Jeon disse se levantando do sofá e levando os dois copos que até a algumas horas atrás, estavam cheios de refrigerante. E levou até a cozinha, deixando-os sobre a pia, voltou e se encostou no sofá observando o Park.
— Você não achou estranho, nem nada? — Jimin perguntou receoso.
— Estranho porque? — Jeon perguntou
— Por ser um dorama, que dois meninos se apaixonam — Jimin disse e o Jeon riu, Jimin ficou confuso.
— Dois meninos, e o que tem? — Jungkook se sentou ao lado do Park que estará mais confuso que antes.
— Por que, você sabe. Não está no padrão da sociedade.
— Foda-se os padrões da sociedade, não ligo. Até por que eu sou Gay. — Jimin arregalou os olhos e encarou o moreno à sua frente, pensava se isso realmente era verdade, Jeon era gay?. Essa frase estava rondando sua cabeça; Jeon Jungkook era gay.
— Sério, Kookie-ah? — Perguntou ao moreno que sorriu e concordou com a cabeça — Fico feliz por você.
     O moreno apenas sorriu ainda mais, para si ter a aprovação de seu melhor amigo, era como se tivesse ganhado um troféu. Mas ainda teria muitas complicações pela frente, como contar à seus pais. Eles eram totalmente religiosos e homofóbicos, se soubessem que Jungkook era gay, pode-se ter a ideia de que eles expulsassem ele de casa. E Jeon estava apenas esperando completar dezoito anos para trabalhar e comprar sua própria casa, onde sim poderia contar à seus pais; e não correr o risco de ser expulso, e morar na rua.
— Jungkook, já esta tarde. Acho melhor eu ir embora, e seus pais já devem estar chegando. — Jimin disse se levantando do sofá e pegando seu celular da mesinha de centro.
— Tudo bem, eu vou te acompanhar até em casa — Disse ao menor que negou.
— Não precisa, eu irei sozinho.
— Precisa sim, Jimin. — Jungkook disse por final, e Jimin aceitou.
     Ambos saíram da casa de Jungkook, que trancou a porta e deixou a chave de baixo do tapete. Caminharam lado à lado na calçada, até chegar na casa de Jimin.
— Bem, obrigado pelo dia Jungkook. — Disse ao moreno que respondeu com um ''Disponha'', e sorriu. Abraçou forte o maior e respirou seu cheiro por alguns segundos.
— Tchau, Jiminnie!
— Tchau, Kookie-ah!
     Então Jimin entrou em casa e Jungkook seguiu seu caminho até sua casa. Foi um belo dia, por sinal!.


Notas Finais


Bem, foi esse capítulo que ele me mandou por email, ele disse que já tinha escrito esse e mandou eu postar, ta ai.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...