História Take Care of Me - Junhao - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Hong Jisoo "Joshua", Jeon Wonwoo, Junghan "Jeonghan", Kim Mingyu, Lee Jihun "Woozi", Seungcheol "S.Coups", Soonyoung "Hoshi", Wen Junhui "JUN", Xu Ming Hao "THE8"
Tags Fanfic, Jeongcheol, Jihancheol, Junhao, Meanie, Seventeen, Wooshi, Yaoi
Visualizações 203
Palavras 1.157
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 9 - Capitulo Nove


Minghao pov's

- Não acredito que a galinha que eu mandei pra lua botou ovo.- Escuto Mingyu me despertanto dos meus pensamentos.

- Galinha? - Perguntei sem entender.

- Eu estou a um bom tempo perguntando o que aconteceu para você estar assim tão desligado e você não me responde.- Mingyu disse.

Não vejo o Jun faz alguns dias, ele não esta indo para a escola e muito menos responde minhas mensagens e ligações, fui até a casa dele ontem mas a mãe dele disse que ele não estava então resolvi não insistir já que vi o pai dele me olhando com uma cara de poucos amigos.

- Eu vou pegar alguma coisa para comermos.- Mingyu disse mas a porta do quarto dele se abriu e o Wonwoo apareceu com 3 copos de café nas mãos.

- Oi meus amores, eu passei na cafeteria e comprei café para vocês.- Wonwoo disse todo animado.

- Oi!! Você podia passar um pouco dessa animação pro Minghao porque não ta mais dando para lidar, ele nem me responde.- Mingyu disse e depois deu um beijo no namorado.

- O que aconteceu? - Wonwoo disse me entregando o café.

- Nada... Eu só to preocupado com as provas do colegio.- Menti.

- Não deveria, nos sabemos que você é o mais inteligente da sala.- Wonwoo disse.

- É você esta certo.- Falei forçando um sorriso.

- Minghao... eu esqueci de pegar alguns livros lá na sala pode pegar pra mim? - Wonwoo disse.

Aasenti e fui na sala buscar os tais livros que procurei por uns 2 minutos e não estavam lá então voltei para o quarto para avisá-los mas dei meia volta quando eu vi que os dois estavam se pegando... ótimo jeito de expulsar alguém de casa.

Fui andando até a casa do Jun para ver se ele estava lá, eu não aguento mais ficar sem ver ele, não sei o que aconteceu entre ele e o pai depois que eu sai mas espero que não seja o motivo dele estar me evitando.

Talvez seja uma coincidência do destino mas Jun estava lá sentado ao lado de uma arvore e olhando para o nada, fui até ele o mais rápido possivel porque isso podia ser somente o meu cérebro brincando comigo mas felizmente era ele.

- Jun? - Perguntei e ele olhou para mim.

Seu rosto tinha um semblante triste, sempre quando via o Jun ele estava com aquela cara de quem vai aprontar mas ele não estava assim.

- Por que você sumiu? Eu estou te ligando desde aquele dia!! Você não tem noção do quanto fiquei preocupado com você.- Falei.

- Me desculpe...- Jun respondeu muito baixo.

- Jun...- Deixei minhas reclamações de lado e resolvi fazer as perguntas que realmente importam. - Você está bem?

- Eu estou bem.- Ele respondeu mesmo eu sabendo que ele não estava.

- O que aconteceu depois que eu fui embora? - Perguntei.

- O de sempre...- Ele disse.- Obrigado por se preocupar mas não precisava.

Jun está agindo de uma maneira muito estranha, após a nossa curta conversa ele disse que queria ir para algum outro lugar. Lembrei que tinha marcado de ir a casa do Seungcheol para ficarmos vendo filmes e comendo pizza e como eu não queria deixar o Jun aqui eu pedi para ele vir comigo e o mesmo aceitou quando eu falei que ia ter pizza.

///////////

- Gente, esse aqui é o Jun e eu chamei ele para ver o filme com a gente tudo bem? - Perguntei para os meninos que olhavam para mim com um olhar malicioso ao me ver com um garoto.

- Tanto faz.- Wonwoo disse.

Eu acho que Wonwoo não gostou muito da ideia pois aquele dia na cafeteria o Jun ignorou ele, mas os outros agiram super bem com ele.

Estavamos todos sentados na sala do Seungcheol assistindo We need to talk about Kevin que é um dos meus filmes favoritos, Jun estava com a cabeça deitado em meu ombro e com os olhos estavam fechados... não acredito que ele esta dormindo no meio do meu filme favorito, porém não acordei ele porque ver ele dormindo é a mesma coisa que ver gatos filhotes dormindo.

Quando o filme acabou nos ficamos conversando um pouco e resolvemos fazer o jogo de verdade ou consequência... Que tipo de pessoa em pleno 2017 joga isso?

Algumas verdades foram ditas e algumas consequências realizadas, muitas foram realmente engraçadas, até ser a vez dos meninos me perguntarem e eu tive que responder a verdade em todas, Jeonghan me perguntou se eu estava gostando de alguém, olhei para o Jun e ele sorriu para mim me fazendo ficar com uma cara de bobo apaixonado então eu disse que estava gostando do Jun e os meninos começaram a gritar...

Mingyu me perguntou o porque eu estava tão preocupado antes e eu menti, não podia dizer para eles o que aconteceu com Jun até porque quando Mingyu fez essa pergunta Jun engasgou então eu disse que era realmente por causa da escola e por último me desafiaram a beijar o Jun.

A única vez que eu o beijei intencionalmente eu estava bêbado, eu e o Jun começamos a nos beijar e esquecemos que tinha uma platéia nos até escutar alguém falar.

- Nossa vão pro quarto!!! - Wonwoo disse rindo.

Nos separamos e eu senti meu rosto esquentar e eu provavelmente estou vermelho. Terminamos o jogo, ficamos conversando um pouco e vi que Jun estava tão animado, pensei que eles não se dariam bem mas foi totalmente o contrário.

Tive que interromper a felicidade do Jun e dos meus amigos para avisar que precisávamos ir, ou que eu simplesmente queria ir embora para ficar sozinho com o Jun.

Quando saímos estava muito escuro e não havia mais ninguém nas ruas já que se passavam das 22h.

Ficou um silêncio constrangedor que eu não gostaria que ficasse mas antes que eu falasse alguma coisa Jun parou na minha frente e disse:

- Eu também gosto de você.

Eu não sabia muito como reagir sabia que deveria beijar ele ali mesmo mas eu simplesmente fiquei paralisado... Jun chegou perto de mim, selou nossos lábios e me deu uma de suas mãos que eu logo segurei e fomos andando pelas ruas.

Inicialmente estávamos sem um rumo definido mas depois eu lembrei que tenho que ir para casa pois no outro dia haveria aulas e minha mãe já deve estar ligando para a Polícia nesse momento na tentativa de me encontrar.

Passei primeiro na casa do Jun para deixá-lo em casa pois não queria deixar ele sozinho por nem um segundo e minha casa não é tão longe da dele. A porta da casa dele estava trancada então ele teve que entrar pela janela que não é nada baixa fazendo meu coração acelerar quando ele quase caiu.

Quando ele finalmente conseguiu entrar eu fui para minha casa e recebi inúmeras reclamações da minha mãe me perguntando o que estava acontecendo comigo para chegar tão tarde em casa, perguntou até se eu estava usando drogas e eu respondi que estava com os amigos o que é verdade mesmo ela não tendo acreditado muito.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...