História Talvez eu tente ser o melhor, para você. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens D.O
Tags Angst, Baeksoo, Chansoo, Chensoo, Drabble, Krisoo, Laysoo, Lusoo, Sesoo, Slight Angst, Soobaek, Sookai, Sooxing, Susoo, Xiusoo
Visualizações 197
Palavras 439
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabble, Drama (Tragédia), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


algumas repetições são propositais
boa leitura e bom dia :)

Capítulo 1 - Ou talvez não tente nada e simplesmente fuja.


Quando a noite cai e o silêncio da madrugada chega, me pego pensando nas mais diversas bobeiras da vida. Bobeiras para mim, que penso que tudo relacionado a minha pessoa não passa de uma grande porcaria criada apenas para atrapalhar o funcionamento do universo.

Penso principalmente em você, Kyungsoo. Nas tuas palavras bonitas, na tua voz rouca. Pessoalmente, você é assim também? Espero que seja, querido, tenho certeza que é. Também tenho a certeza que sua beleza não é apenas física, ela engloba todo o teu ser e existência, de um jeito que, provavelmente, foi criado apenas para mexer comigo mais e mais, todos os dias.

No entanto, não tenho as mesmas opiniões, sensações e pensamentos sobre mim mesmo. A verdade é que, todos os dias, questiono-me sobre essa escolha que fiz em me jogar nos braços – metaforicamente – de alguém que está afastado demais, lá longe, em outro canto do país. Pergunto-me se um dia serei o suficiente, se só o meu amor será o suficiente para você, Kyungsoo.

Porque você sabe também que, na mesma medida que meu amor por você cresce mais à cada dia, o desgosto que sinto por mim também aumenta. Uma situação deplorável, não acha? Um ser humano se auto desprezar dia após dia, num ciclo vicioso e deprimente.

Talvez, querido, você volte atrás quando me ver pessoalmente. Talvez eu não seja nada do que pensou, talvez você se arrependa, talvez você passe a me odiar. Talvez, Kyungsoo, eu coloque minhas melhores roupas nesse dia, talvez eu venha a passar uma maquiagem, só para parecer um pouco mais agradável aos teus olhos. Talvez eu vista meu melhor calçado, talvez eu tente dar um jeito na bagunça caótica que reina no meu cabelo. Talvez eu passe meu perfume favorito, talvez eu tente pensar melhor nas minhas palavras.

É tudo um plano para que no fim, você não vá embora, arrependido.

É em coisas assim que minha mente trabalha toda madrugada – em como tento não destruir tudo entre nós. Mas mesmo estando totalmente descrente sobre mim, meu amor, eu ainda acho que você talvez seja a escolha certa para mim – mesmo que eu não seja, em nada, o suficiente para ti.

E quando o dia em que as mensagens de texto que trocamos não for nosso principal meio de comunicação, quero que você continue me tratando com esse carinho imenso e espalhafatoso. Que ainda diga que me ama e que sou tão especial quanto diz que sou. Talvez eu chore bastante nesse dia, talvez eu tente fugir de você e de toda a perfeição que te engloba.

Ou talvez eu simplesmente te deixe me amar, do jeito que nunca farei comigo mesmo.


Notas Finais


pois é


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...