História Te levo comigo - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Supernatural
Personagens Dean Winchester, Sam Winchester
Tags Dean Winchester, Padackles, Sam Winchester, Wincest
Visualizações 76
Palavras 742
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade, Incesto
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Essa fic e totalmente inspirada na musica Brother da banda Kodaline inclusive as partes citada são dela, quem não conhece a musica recomendo escultar e linda.

Capítulo 1 - Brother


Dean sentia como se tivesse carregando o peso de todo o mundo em cima dos seus ombros tinha passado a vida toda fugindo desse momento se escondendo, tentado enganar a Morte mais foi impossível o momento tinha chegado. Um dos seus medos mais profundos e que a hora dele chegasse antes da sua, se Dean tivesse como parar o tempo ele faria isso mas não tinha como, tinha tentado de tudo mais já não podia fazer nada.

Dean entrou naquela casa como se tivesse sendo levado para uma inquisição, todos que estavam ali olharam para ele muitos tentaram o cumprimentar mais Dean não queria que ninguém falasse com ele, não queria que ninguém estivesse ali.

"Quando éramos jovens

Nós fomos os únicos

Os reis e rainhas

Oh sim, governamos o mundo

Nos fumamos cigarros

Cara, sem arrependimento

Desejo poder viver cada palavra"

Dean conseguia lembrar perfeitamente do sorriso dele, consegue lembra dele pequeno correndo na casa do Bobby enquanto eles eram crianças, consegue lembra da inocência dele menino. Queria viver cada momento desses com ele de novo, queria segurar sua mão e dizer que ficaria tudo bem como fazia quando eram crianças.

Andou até chegar nos fundos da casa, estava montado as pilhas de madeira e um corpo em volto em panos. Dean não podia ver o rosto da pessoa que estava ali, mas seu coração estava sendo esmagado no peito ele sabia que ele estava ali, a única pessoa que ele amou na vida estava ali, e que em algum minutos ele ia deixar de existir para sempre.

"Nós tomamos caminhos diferentes

E viajamos por estradas diferentes

Eu sei que sempre vamos acabar com o mesmo fim"

Estradas diferentes e o que estava acontecendo com eles agora, a vida vivia levando eles para caminhos diferentes mas o amor que tinham entre eles sempre foi mais forte que qualquer coisa e juntava eles de novo, e Dean tinha certeza que ia acontecer isso de novo eles teriam o mesmo fim e estariam juntos de novo.

Dean lembrava de ter ficado mais de ano sem ver ele é sempre foi uma tortura a cada dia. Mas quando se encontravam era como se o mundo voltasse a ter cor outra vez, seus braços sempre foi o seu lugar no mundo e seus beijos o seu motivo para viver.

- Dean você quer falar alguma coisa? - Judy colocou a mão no seu ombro tentando chamar sua atenção, porque ele estava parado em frente ao corpo sem falar nada, só olhando para a pessoa deitada e submerso em um mundo de lembranças.

Ele levantou os olhos para ela e voltou a olhar para ele de novo, viu uma pessoa acender um fosso e jogar na madeira e viu ela queimando.

"Se eu estivesse morrendo de joelhos

Você seria o único para me salvar

E se você estivesse afogando no mar

Eu lhe daria meus pulmões para que você pudesse respirar"

Dean queria ter chegado antes, queria ter impedido aquele momento, queria estar no lugar da pessoa deitada, queria que aquele fogo que consumia o corpo dele fizesse o mesmo com o seu.

Virou de costa e todos lhe olhavam uns pensavam que a dor era grande demais para ser sentida, outros não entendiam. Dean saiu dali pegou o Impala e foi para mais longe que conseguia foi para um lugar onde ele teria Sam de volta. Dirigiu até uma montanha alta onde ele consegui ver toda a cidade e fechou os olhos.

"Oh irmão, vamos mais fundo do que a tinta

Sob a pele de nossas tatuagens

Não, nós não compartilhamos o mesmo sangue

Você é meu irmão e eu te amo, essa é a verdade"

- Eu te amo Sam. - Sentiu as lágrimas descendo por seu rosto.

- Eu também te amo Dean. - Abriu os olhos e ele estava sentado do seu lado. - Achei que não gostava de momentos piegas.

O moreno sorriu para Dean saiu do carro, Dean saiu do carro rápido atrás dele, quando chegou perto de Sam o moreno puxou seu corpo e abraçou podia sentir o calor daquele abraço podia sentir o conforto de seus braços. Levantou os olhos e olhou para ele.

- Sammy você... – O moreno colocou o dedo em cima de seus lábios.

- Eu estou com você. - Apontou para o coração de Dean. - Onde você for.

“Eu estou com você, irmão

Eu estou com você, irmão

Eu estou com você, irmão”


Notas Finais


A morte não e o fim, apenas uma passagem...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...