História Teach Me (AU! Larry Stylinson) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction, Zayn Malik
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Harry Styles, Larry, Larry Stylinson, Louis Tomlinson
Exibições 267
Palavras 1.411
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi pessoal, então, antes de vocês começarem a leitura quero que saibam que essa fanfic NÃO é minha, e sim da @larrystuffs (wattpad). Eu tenho a autorização de postar aqui!

Boa leitura :)x

Capítulo 1 - Green Eyes.


Tommo.

Louis nunca foi uma pessoa que passou despercebido. Talvez por sua mania incomum de usar tiaras cheias de flores ou as vezes com pequenas orelhas de gato, suas pequenas toucas coloridas e de usar suas roupas claras e as vezes um pouco fofas demais, dando um ar de infantilidade. Ou talvez por sua pele incrivelmente macia, seus olhos azuis, seus cabelos castanhos sempre caídos em uma franja lateral lisa no rosto ou até por seu corpo cheio de curvas femininas, que levava tanto homens como mulheres a imaginarem diversos tipos de coisa a fazer com o rapaz.

Não que ele fosse aquele tipo de pessoa que conversava com todo mundo da faculdade, ou que dava festas e tinha um milhão de amigos. Ele tinha seus poucos amigos na verdade, apenas dois. Mas por incrível que pareça ele era popular a sua maneira. Digamos que... todo mundo sabia quem era Louis Tomlinson, apesar de Louis Tomlinson não saber quem é todo mundo.

Hoje era o primeiro dia de aula do segundo semestre de faculdade e Louis estava tomando café em seu pequeno, mas aconchegante, apartamento. Ele esperava Liam e Niall, que passavam para buscar ele toda manhã, desde que começaram a faculdade. Os três estudavam juntos desde o primeiro ano, e se conheciam desde bebês devido a amizade entre suas mães, e esses dois eram basicamente da família de Louis.

Seu celular tocou apenas uma vez, uma coisa que ele e Liam haviam combinado e ele nem precisou aparecer na sacada do terceiro andar para ver se o carro dele estava mesmo lá, apenas abrindo a porta e descendo em direção ao pequeno Hall, não deixando de dar bom dia ao porteiro, educado como sempre.

- Bom dia. – O rapaz disse quanto entrou no carro, ajeitando sua pequena coroa de flores branca na cabeça, e se ajeitando no banco de trás.

- Oi Lou. – Niall disse e Liam acenou com a cabeça, sorrindo e dirigindo em direção a faculdade.

O caminho foi percorrido rapidamente como sempre, alguns faróis, um pouco de transito, mas nada que levasse ao atraso, até porque os rapazes sempre chegavam adiantados para que pudessem se sentar no murinho da entrada principal, conversando um pouco. Eles desceram do carro, esperando que Liam fechasse o mesmo, e saíram do estacionamento, indo para o lugar de sempre.

- Louis Tomlinson como sempre chamando atenção. – Liam brincou, baixinho e Niall riu, fazendo com que Louis corasse furtivamente.

- Não senti saudades desses olhares todos nas férias, estava até começando a me sentir melhor. – Louis disse e Liam riu dessa vez, negando com a cabeça.

- Já te disse, não liga pra isso Lou. – Ele disse e Louis assentiu. – Sua inocência que atrai eles, e você não vai perder isso tão cedo não é? – E pronto, aquele assunto sendo mencionado novamente.

Não era novidade para ninguém que Louis era extremamente inocente, afinal, ele tinha fama naquele local. O maior desejo de todos dali talvez seja corromper a onda de inocência que cercava o rapaz, mas a culpa afinal não era dele. Ele não tinha culpa nenhuma se não entendia piadas de duplo sentido, se só tinha dado um beijo na vida (e foi com uma garota da escola, o que tinha sido péssimo, afinal, Louis é totalmente gay) e se ele era... virgem e intocado ao extremo. Quer dizer, algumas pessoas haviam tentado corromper isso tudo mas o máximo que conseguiam era bochechas rubras e um Tomlinson gaguejando sem medida enquanto tentava se acalmar. Não era culpa dele, ou era?

- Chega desse assunto Liam. – O menor disse, não soando tão irritando como queria. Ele era um pouco doce de mais para dar bronca de verdade em alguém, mas Liam pareceu entender e ele e Niall começaram a conversar sobre outra coisa enquanto Louis se perdia em pensamentos.

Ele foi acordado no entanto ao se sentir incomodado com alguma coisa. Uma sensação de estar sendo observado ou algo assim o tomou e ele olhou em volta, procurando algo ou alguém. Logo seus olhos esbarraram em grandes esmeraldas verdes, o encarando tanto que o rapaz começava a corar novamente. O dono dos olhos verdes passou a língua entre os lábios, sorrindo de lado em seguida e Louis provavelmente já estava vermelho demais a essa altura, desviando os olhos. Ele nunca tinha visto esse rapaz.

Louis voltou a olhar o rapaz que agora andava em direção a um dos prédios de tijolo da instituição, ele tinha muitas tatuagens e um piercing no canto dos labos, não parecia exatamente um punk por deixar os olhos sem pintar e não usar roupas esquisitas, mas definitivamente era algo fora dos padrões de Louis, até porque, aquele rapaz não parece ter muito o estilo de moletons de lã rosa claro, calças pretas e uma coroa de flores branca na cabeça, e, bom, era o que Louis usava no momento.

O menor observou o rapaz entrando no prédio, e voltou a vida real, sendo chamado por Liam que dizia que estavam atrasados e perguntava o porquê ele encarava tão fixamente o prédio 3. Louis deu de ombros, dizendo que estava apenas perdido em pensamentos, o que não era mentira. Ele seguiu até seu prédio, número 4, deixando Liam e Niall seguirem, já que seus prédios não eram os mesmos.

Louis fazia faculdade de fotografia, o que é uma constante paixão do rapaz, desde que ele se conhece por gente. Ele entrou no prédio, pegando alguns materiais no armário e colocando em sua mochila branca que estava apoiada num dos ombros, seguindo em direção ao terceiro andar onde sua primeira aula iria começar.

 

 

***

 

 

O professor falava algo sobre a linguagem fotográfica enquanto Louis, como o bom aluno que era anotava os pontos principais em seu caderno, sem deixar perder nenhuma informação importante. A tão estranha sensação de ser observado o tomou novamente, e o garoto olhou em volta, vendo se algum dos colegas de sala o observava, mas todos prestavam atenção no professor, focados em seu próprio estudo.

Ele então se virou, olhando para a janela, encontrando o mesmo par de olhos verdes e dessa vez o encarando também. O rapaz, sentado em sua carteira, em outro prédio que dava de cara para a janela de Louis, sorriu, deixando à mostra suas covinhas e não parecia minimamente constrangido por ter sido novamente pego encarando a Louis. O menor mordeu os lábios, constrangido, e o sorriso do maior aumentou e Louis desviou os olhos, estremecendo assustado ao ouvir a gargalhada da classe sobre alguma piada do professor.

Ele desviou sua atenção da janela, voltando a focar na aula e deixando de lado a vontade de observar os misteriosos olhos verdes.

Mais tarde, naquele mesmo dia, Louis saiu do prédio para ir almoçar com Liam e Niall na praça de alimentação da universidade. Ele iria encontra-los lá como sempre, portanto resolveu dar uma passada no banheiro mais próximo antes que de fato chegasse ali. Ao terminar de lavar as mãos no entanto, a porta se abriu revelando suas vozes grossas e o mesmo rapaz dos olhos verdes e de diversas tatuagens espalhadas pelo corpo.

O rapaz sorriu de lado ao encontrar o, definitivamente, menor ali. Seu acompanhante, um mestiço meio moreno, também lotado de tatuagens e com uma aparência tão bonita quanto a do primeiro rapaz, revirou os olhos, soltando um riso baixo e indo fazer suas necessidades.

- Oi, eu sou o Harry. – O rapaz disse, revelando que, sim, sua voz era extremamente grossa, causando um arrepio desconhecido em Louis. E ele assentiu, corando e desviando seu olhar.

- E-Eu sou Louis. – Ele disse, mais baixo e ainda encarando suas mãos.

- É, ouvi falar. – Harry disse e Louis mordeu a parte interna de sua bochecha, respirando fundo. – Você tem uma faminha aqui, sabe, muita gente quer... – Harry foi interrompido pela porta abrindo de novo.

- Louis você está ai! – Liam disse e o rapaz não sabia se se sentia aliviado ou triste pela conversa com o rapaz de, sim, cabelos cacheados, ter terminado. O outro rapaz, acompanhante de Harry, chegou mais perto, lavando as mãos e encarando Liam que ainda estava focado em Louis. – Vamos, Niall está te procurando também. – Liam disse, não dando tempo para que Louis pensasse e o arrastando pra fora dali.

- O amigo dele é meu. – Ele ouviu o outro rapaz falando para o cacheado enquanto saia e se arrepiou com a resposta que o outro recebeu.

- Tanto faz, só quero o baixinho.

 

 

 


Notas Finais


Espero que gostem!

https://www.wattpad.com/story/30714702-teach-me-au-larry-stylinson - link da fanfic original

Não se esqueçam de favoritar e comentar o que acharam. xoxo♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...