História Teen Titans - Escola - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias Novos Titãs (Teen Titans)
Tags Robrae
Exibições 70
Palavras 1.146
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Hentai, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 33 - Capítulo 33


                                                             Raven [ On ]

Acordei e virei para o lado procurando o Louis e o abracei por trás jogando minha perna por cima da dele e beijei seu pescoço, ele ainda dormia, dava para ouvir sua respiração pesada. Levantei e fui para o banheiro, tomei banho e sai para vestir minha roupa, Louis não estava no quarto quando terminei, deve ter ido tomar banho no banheiro do andar de baixo, desci as escadas, entrei na cozinha e sentei para tomar café, vi Vírus e Azar se beijando e olhei para o Vírus revirando os olhos.

Raven: Agora você mora aqui, Azar? – Perguntei e ele parou o beijo me olhando.

Vírus: Raven, por favor. – Vírus me repreendeu.

Raven: Ué, que eu saiba vocês não se casaram, mais ele está morando aqui pelo visto. – Disse e Vírus me chutou debaixo da mesa. - Ai, porra. Não precisa me chutar vou calar minha boca. – Disse e Azar riu.

Louis: Bom dia. – Louis entrou na cozinha e se sentou ao meu lado.

Raven: Bom dia.

Vírus e Louis trocaram olhares durante o café por algum tempo. Terminei de comer e subi para o quarto e escovei os dentes.

No dia seguinte...

Estava deitada no sofá ouvido a Terra reclamar do Jack o tempo todo, não aguentava mais ela falar. Não suportava a ideia de que meu irmão ainda pensou em se casar com ela. Ouvi barulho da porta e vi Jack entrando e abri o meu melhor sorriso, na esperança de que a Terra parasse de falar e me deixasse em paz.

Jack: O que está acontecendo? – Jack perguntou colocando o molho de chaves em cima da mesinha de centro.

Raven: Não aguento mais a Terra reclamar de você. – Revirei os olhos. – Quanto tempo ela vai ficar aqui mesmo?

Terra: O tempo que precisar para seu irmão voltar para mim.

Jack: E o seu tempo acabou vá embora. – Respondeu ríspido e acompanhou Terra até a porta.

Desliguei a televisão e fui na cozinha peguei um copo de água e bebi enquanto olhava a janela. Meus pensamentos automaticamente se voltaram ao Robin, eu nem deveria ficar pensando nele, mas não consigo, tenho quase certeza que a Kory ainda vai fazer alguma coisa contra mim. Terra não me avisaria se fosse ajudar ela, não é? Coloquei o copo em cima da pia e subi para meu quarto, escovei os dentes e dormi. Acordei com o Louis pulando em cima de mim, levantei mal-humorada e fui para o banheiro tomar banho, coloquei uma blusa preta, short jeans e coloquei meu moletom por cima e coloquei o capuz, peguei meu tênis All Star e o vesti., prendi meu cabelo em um coque frouxo, desci as escadas com a mochila e peguei uma maçã e sai andando para a escola. Encontrei com a Jinx e entramos na escola. O professor Bruno deu aula e fiz dupla com o Victor, depois do intervalo Kory fez umas graças mais não dei muita confiança para ela. Todos da nossa turma estavam indo para o ginásio e acompanhamos a multidão, não iriamos ter as primeiras aulas então ficaríamos no ginásio até depois do intervalo, ficamos vendo os meninos jogarem futebol e o Robin acenou para mim da quadra e eu acenei de volta.

Louis: Você e o Robin estão muitos juntos.

Raven: Está com ciúmes?

Louis: Não, só que você não conversa mais comigo como antes. – Deu de ombros.

Raven: Talvez porque você só vai lá em casa por causa do Vírus?

Louis: Não é verdade! – Ele falou irritado. – Eu vou na sua casa para te ver e não para ver ele.

Raven: Okay, okay acredito.

No treino Robin fez 3 gols e fez um coração apontando para mim, eu ri com isso. Louis e Jinx ficaram rindo e me provocando por causa disso. Quando o treino acabou Louis veio até a arquibancada e tirou a camisa suada jogando no ombro e tocou na mão do Louis e da Jinx que fez cara de novo por ele está suado, ele estendeu a mão para me cumprimentar mais eu estava concentrada em outra coisa. No tanquinho dos Deuses que ele tinha e nem notei que ele falava comigo até Jinx cutucar com o cotovelo minha costela.

Jinx: Raven, o Robin tá falando com você, acorda. – Falou e riu.

Raven: A-ah desculpa. – Sorri e apertei a mão dele. – Gostei das dedicações dos gols, foram para mim? – Brinquei.

Robin: Foram sim. – Sorriu de lado. – Gostou?

Louis: Ela adorou.

Robin: Que bom, fico feliz que tenha gostado. Vou tomar um banho que estou todo suado. – Falou e se virou para ir.

Raven: Não assim está bom. – Murmurei e ele virou me olhando. Senti meu coração bater mais rápido ainda e Louis e Jinx gargalharem perto de mim.

Robin: Não escutei, disse alguma coisa Rae?

Raven: Não, não é bom tomar banho, vai lá. – Olhei para o Louis que chorava de rir.

Ele riu e balançou a cabeça e saiu para o vestiário, olhei para Jinx e para Louis cerrando os olhos enquanto eles não paravam de rir.

                                                                          ??? [ On ]

Entrei na sala e sentei na última carteira a de sempre. Olhei para Raven e ela estava conversando e rindo com o idiota do Robin e o Louis. O professor Bruno entrou na sala e começou a dar sua aula. Fiquei o tempo todo a observar a Raven. Todos seus movimentos e decifrando todos seus sorrisos e olhares que eram para o Robin. “Esse garoto está começando a me irritar” - pensei e fechei os dedos das mãos em um soco e apertei forte para conter minha raiva.

                                                           Raven [ On ]

A aula estava na metade ainda, mas a diretora entrou na sala e começou a dizer coisas desinteressantes então apenas a ignorei, mas logo percebo que ela começa a falar de “ uniformes “

Diretora: Bom, como alguns alunos não sabem se vestir adequadamente em um ambiente escolar. – Olhou diretamente para a Kory. – Eu e outros coordenadores decidimos colocar um uniforme para todos os alunos, todo começaram a murmurar com raiva. – Todos terão que falar para seus responsáveis vierem aqui ainda hoje para compra-los senão não entram dentro da escola.

Raven: E como é a merda desse uniforme? – Falei com raiva.

Diretora: Ah vocês verão, e não é permitido capuz! – Falou olhando diretamente para mim.

Raven: Como disse?

Diretora: Não irei repetir.

Raven: Eu me visto como eu quiser. – Falei cruzando os braços.

Diretora: Mas aqui quem faz as regras sou eu.

Raven: Estou pouco me fodendo para as suas regras. – Revirei os olhos.

Diretora: Ah, claro então não estude mais aqui.

Raven: Ótimo! E quem disse que eu queria estudar aqui?

Diretora: Talvez seu irmão?

Raven: EXATAMENTE! Talvez.

Diretora: Já estão avisados.

Raven: Sobre o que ela veio falar? – Me virei para o Victor e ele riu.

Victor: Não lembro, sobre as provas?

Raven: Ah claro, deve ser. – Bufei.


Notas Finais


EEEEEEEEEEEEEI
SAI DAÍ NÃO MUIÉR
TÁ FFECHANDO ISSO PRA QUE?
Ô NÃO CUSTA NADA NÃO
SÓ COMENTAR O QUE ACHOU EIN EIN


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...