História Teen Wolf – a vingança - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~Camilly_Dallas

Postado
Categorias Pretty Little Liars, Teen Wolf, The Vampire Diaries
Personagens Adrian Harris, Aiden, Alan Deaton, Alaric Saltzman, Allison Argent, Bobby Finstock, Bonnie Bennett, Breaden, Brett Talbot, Claudia Stilinski, Cora Hale, Corey Bryant, Damon Salvatore, Danny Mahealani, Decaulion, Derek Hale, Elena Gilbert, Hayden Romero, Isaac Lahey, Kate Argent, Ken Yukimura, Kira Yukimura, Laura Hale, Liam Dunbar, Lydia Martin, Malia Tate, Mason Hewitt, Melissa McCall, Mieczyslaw “Stiles” Stilinski, Paige, Peter Hale, Rafael McCall, Scott McCall, Talia Hale, Theo Raeken, Victória Argent
Tags Amor, Drama, Morte, Romances, Sangue, Traição
Visualizações 63
Palavras 1.113
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - A descoberta


Fanfic / Fanfiction Teen Wolf – a vingança - Capítulo 1 - A descoberta

P.V.O Narrador

Austrália

00:32hr

A loira acorda com o celular tocando em baixo de seu travesseiro. Quem é o desgraçado que está ligando está hora ela pensou enquanto xingava a pessoa de todos os nomes ruins que conhecia

—alô — eu perguntou com a voz sonolenta

—Hannah? Sou eu Cris, preciso te contar uma coisa— a loira ficou impressionada com a ligação de seu tio que não via a muito tempo

—a que devo a honra titio— disse Hannah com sarcasmo

—sua mãe...Kate ela sofreu um acidente... —Hannah ficou quieta por um minuto pensando oque tinha acontecido até resolver perguntar

—ela bem?— pergunta Hannah já com medo do que pode ter acontecido

—Hannah...ela não sobreviveu... Eu sinto muito– Cris disse mais no fundo Hannah sabia que ele não sentia coisa alguma. Em um surto de raiva a loira jogou o celular na parede o espatifando por inteiro

—aaaaaaah— ela gritou enquanto destruía o quarto de Hotel que estava hospedada —Shawn— ela sussurrou o nome do amigo que estava viajando. Ela foi correndo ate a recepção para pedir o telefone emprestado – eu posso usar o telefone

– claro – a atendente disse enquanto dava o telefone, Hannah discou os números e logo começou a chamar

– você não tem o que fazer não? – o garoto diz sonolento sem saber que era a melhor amiga

–Shawn – ela disse com a voz embargada

–Hannah? Oque aconteceu? alguém te machucou? Você tá bem? – o garoto disse preocupado

– minha mãe...ela ...ela está morta –a garota disse enquanto soluçava 

–Kate? Espera a vadia morreu, e eu pensando que eu morreria primeiro –o garoto acordou de seus pensamentos com um soluço da loira – droga desculpa, eu vou voltar para ir te buscar aí no hotel

– Não, preciso que você investigue  a morte dela– a loira disse desconfiada do que o tio disse

– espera, você acha que a Kate  foi assassinada?  – o garoto disse no outro lado da linha

–nos dois sabemos que motivos não faltam pra alguém querer matar ela – ela disse é a recepcionista olhou estranho pra ela – preciso saber quem a matou, e quando eu souber eu vou acabar com a vida essa pessoa ate o ponto dela querer se matar – a recepcionista olhou com medo pra garota

– eu vou fazer tudo que esteja ao meu alcance - ele disse – tchau, se cuida – ela não o respondeu apenas desligou e olhou diretamente para a recepcionista

– só ficarei essa noite aqui– ela disse é se virou indo embora pro seu quarto

       NO DIA SEGUINTE

14:23

Hannah acorda com mau humor como sempre e foi direto arrumar suas malas, e quando finalmente ela acabou foi até o banheiro fazer suas higienes e colocou uma calça jeans rasgada no joelho um cropped branco é uma jaqueta de couro e acompanhada de uma bota de salto alto. A garota às vezes exagerava nas roupas sua mãe vivia dizendo isso.

Ela sai do quarto com apenas uma mala, a empregada teria uma surpresa quando fosse arrumar o quarto.  Hannah sabia que teria que ir fazer uma visitinha no hospital, afinal seu estoque de sangue tinha acabado. E ela não iria ariscar matar alguém por calda de seu lado vampiro.

  O elevador se a abre e Hannah da de cara com um moreno com olhos castanhos e logo vê que é o Shawn.

  

  –Olá Hannah sentiu saudades?–diz Shawn com o sorriso no rosto indo diretamente abraçar Hannah.

  – você não imagina o quanto– e o garoto jurou ter ouvido uma pequena malícia naquela frase– oque você descobriu?– Hannah pergunta

  – estou bem, que bom que perguntou Hannah– o garoto disse soltando Hannah

  – tá olhando oque criatura, vai trabalhar  – Hannah disse assim que viu a recepcionista babando em Shawn, a garota logo volto ao trabalho

– oque eu posso fazer se sou tão gostoso – ele disse é a garota revirou os olhos

– cala a boca Collins –ela disse dando uma cotovelada nele – oque você descobriu ?

– você estava certa ela foi asassinada, rasgaram o pescoço dela, tudo indica que foi um lobisomem –  ele disse é viu os olhos da menina ficarem cor amarelo escuro

– preciso da sua ajuda – ela disse

–não posso você​ sabe o que vai acontecer se eu usar meu nogitsune , eu vou perder o controle – ele disse a levando para a BMW preta

– Shawn você é a minha única esperança – ela disse já dentro do carro– eu ouvi história sobre Beacon Hills, uma cidade infestada de seres sobrenaturais lobisomens, banshee, quimeras, darach, Wendigo, Kitsune, Kanima E Hellhound eu não posso fazer isso sozinha. sou apenas uma híbrida treinada como caçadora eu preciso levar comigo um pouco do caos , eu preciso levar um nogitsune.

– você sabe que se eu perder o controle...– ele foi interrompida pela loira que segurou em sua mão

– você não vai, eu vou cuidar pra que isso não aconteça. – ela disse e soltou a mão dele o deixando colocar suas duas mãos no volante – a escolha é sua, eu te amo e vou respeitar a sua escolha

– eu vou com você– ele disse e logo Hannah olhou pra ele aqueles olhos azul brilhavam - vamos acabar com a raça de que matou sua mãe

– Beacon Hills que se cuide– ela disse sorrindo – uma nogitsune com uma Híbrida treinada por uma caçadora o que poderia dar errado? – a loira disse ligando o rádio e começando a cantar

BEACON HILLS




– graças a Deus não aguentava mais esse carro – ela disse saindo da BMW e indo em direção a porta da casa de seu tio Cris – você não vem? – ela perguntou ao garoto

– e perder a chance de ver a cara de choque deles ao saber o que você e tão ruim quanto sua mãe era, jamais– ele disse saindo do carro – vai bater ?

– não– ela disse e abriu a porta dando de cara com seu tio e dois adolescentes que aparentava ter a mesma idade que ela é duas meninas, uma ela sabia que era sua prima – olá adivinha quem voltou

– Hannah – Chris sussurrou baixinho pasmo ao ver sua sobrinha bem na sua frente

– você mentiu pra mim, ela foi assassinada por um lobisomem. E adivinha só? eu vou matar todos dessa cidade até descobrir quem foi– ela disse com um olhar terrivelmente assustador

– você não pode fazer isso– Chris disse

– olhe e verá – ela disse e andou até a porta – se eu fosse você diria quem a matou – ela disse e saiu da casa batendo a porta com força

– achei que diria o que você e fiquei decepcionado –Shawn disse voltando pro carro assim como a garota

– e perder o elemento principal, nem pensar- ela disse– eles acham que eu só sou uma caçadora, vamos deixa assim. isso só é o começo Shawn, vamos trazer o caos para Beacon Hills.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...