História Telefone - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Hentai, Naruto, Romance
Exibições 13
Palavras 621
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Cá estou eu, um dia antes de prestar vestibular e para tirar minha ansiedade surgiu uma ideia enquanto eu via tv. Ainda não tenho ideia de quantos capítulos vão ser mas estou animada com essa minha ideia e eu espero que gostem!

Boa leitura e ate as notas finais! 🌼

Capítulo 1 - Prólogo


 

Telefone

 

- Você tem mesmo que ir? - Disse com a voz chorosa enquanto Sasuke me olhava aflito. - Não vá!  Você prometeu, Sasuke! - gritei e coloquei-me a chorar, toda tristeza que segurei naqueles 3 dias de angústia e brigas que suportei para ficar com Sasuke.

 

Ele estava indo embora, conhecer o mundo, algo assim, queria colocar a cabeça no lugar, disse que precisava de tempo mas que não me levaria com ele. Achava que me faria esquece-lo.


- Sakura... Eu... Preciso ir, isso, essa coisa toda, essas responsabilidades, esses sentimentos. Não quero mais brigar, não sou o que você precisa, não posso ser o que você quer. - Me encarou firme desviando o olhar quando eu soluçava de chorar. Encostei-me na parede fria do quarto para apoiar minhas costas e Sasuke se aproximou, aquele cheiro amadeirado entrou em minhas narinas, me deixou a mercê daquele homem que amava e amo com todas as forças do meu ser. Seu dedo tocou meu rosto e tremi e tudo que pude fazer foi fechar meu olhos aproveitando o contato que talvez fosse o último.





Já fazia 10 anos que Sasuke havia ido para sua viagem pelo mundo, fez-me prometer que eu continuaria minha vida e continuei, por mim e muito mais por ele, eu sabia disso. Hoje sou uma renomada médica de Tokyo, mesmo trocando cartas com Sasuke perdermos contato, aos poucos, as cartas diminuíram. Talvez ele tenha seguido em frente demais, talvez ele tenha parado em algum país e feito sua vida, construiu uma família, talvez...
Nutri tudo isso para seguir em frente, sempre em frente mas no fundo eu sofria com essa ausência. O tempo, o famoso tempo, ele não me fez esquecer Sasuke por mais que tentasse com outros rostos. Tenho esperança que ele volte, me dê um sinal, quem sabe...


- Sakura? Testuda! - Ino me gritou tirando-me dos meus profundos momentos de reflexão. - Finalmente! Não ouviu eu bater na porta?
- Hã... Desculpe, Ino, estou um pouco... Bom... Acumulada de serviços... - suspirei olhando os papéis na mesa. - pisquei algumas vezes cansada. - Diga, o que quer? - olhei para ela

 


- Não faça essa cara, sei que estava pensando no seu Sasuke-kun, você não me engana! - riu mais para si.


- Não enche! Fala logo!


- Não grite! Não seja ruim com sua amiga, principalmente porque tenho um presente para você, não posso segurar esse achado que vai te deixar mais feliz em anos. - arqueei a sobrancelha a olhando de canto. - Bem... Aqui está! - Ino me entregou um pedaço de papel com um número de telefone.


- O que é isso, Porca? - olhei confusa


- Ora! É o número do Sasuke, burra! Consegui contato com ele, ele voltou para Tokyo! O vi num bar e então conversamos e tocamos no seu nome. - Congelei em minha cadeira, tremi segurando aquele papel. Ele voltou depois de tantos anos. Como será que ele estava? - Então... - Fitei-a. - Ele pediu que lhe entregasse isso, já que perderam o contato.





Estava largada no meu sofá encarando o papel com o número de Sasuke, meu estomago embrulhou, sorria feito uma menina. Não tenho coragem de ligar para ele, mas queria tanto encontra-lo, a faculdade sugou toda a minha energia e tempo para procura-lo. Encarei o papel novamente.


- Preciso disso... Preciso saber se ele ainda está só. - suspirei derrotada. Eram sete da noite. Peguei o celular e antes de começar a discar o celular tocou, um número desconhecido. - Alô? - disse receosa.


- É a Sakura? - Um voz firme e grossa ecoou no meu ouvido, uma voz conhecida. - Sakura, sou eu, Sasuke!


Notas Finais


Pequeno só pra deixar vocês na vontade! Muwahaha essa história vai ter mto amor. Hentai. Talvez tretas, mas isso vai depender da minha imaginação e com o tempo o número de personagens pode aumentar. Quem sabeeee!

Obrigada por chegar ate aqui e por ler! ❤ ate o próximo capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...