História Tempo | Longfic • Jeon Jungkook - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~MireWalker

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 44
Palavras 932
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Canibalismo, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi amores! 🍒
Aqui está o primeiro capítulo feito com muito amor (curto, mas deu trabalho pra escrever)
Espero que gostem, pois essa estória promete!

Desculpem os erros!
~Boa Leitura! ❤

Capítulo 2 - "A chave do tempo"


               
                     (Jungkook On)

Acordei com um bom humor indescritível, sorrir para todos e cantarolar pela calçada a caminho da faculdade, era o que eu fazia.

A felicidade resolveu pousar em mim nesta manhã, não demorei muito a chegar na faculdade, mas meus amigos já estavam me esperando.

—Demorou em Kookie! —Yoongi diz bravo.

—Não pedi para esperarem à mim. —respondi seco —Mas não importa, hoje eu estou feliz e nenhum de vocês podem estragar isso!

—Ótimo, senhor felicidade em pessoa! Vamos? —Jimin diz e dá um leve tapa em minhs nuca.

•••

Dentro da sala de aula, toda a minha felicidade se transformou em uma chave, que desencadeou uma tristeza e uma angústia sem fim, sentia algo diferente, como se estivesse sendo observado. Mas não por qualquer pessoa, e sim pelo meu pai!

Eu sei, ele está morto. Ou talvez apenas em algum "Tempo" bem distante daqui... Mas a sensação de estar sendo observado não passa.

Saio de meus pensamentos quando o sinal toca, avisando que já era o intervalo, e eu não havia prestado atenção em nenhuma das aulas, no final do bimestre verei as consequências disso.

Durante o intervalo, não quis ficar com meus amigos. Fui em direção à biblioteca para ficar sozinho um pouco, e me aprofundar nas diversas palavras que um livro possui.

Hoje não procurei por livros de ficção científica como costumava fazer, e sim por um livro medonho que me fizesse entender a sensação de ser observado o tempo todo.Certamente o tipo de livro falando sobre isso é de terror, ou talvez sobre espiritos.

Vou em direção à seção "Assombrada" da biblioteca ainda sentindo alguém atrás de mim.

Ao chegar, observo cada livro lentamente, as capas pretas e obscuras denunciavam o objetivo do autor de amedrontar qualquer idiota como eu que queira ler esse tipo de estória.

Porém um livro me chamou à atenção, ele tinha a capa prateada cravada com pequenos rubis, que reluziam a pouca luz do sol que entrava pela janela.

Como um livro desse veio parar aqui?

Caminho até o mesmo no fim da prateleira, ouço passos atrás de mim, me viro rapidamente observando o local, cada canto. Mas não havia ninguém!

Céus! O que está acontecendo comigo?

Olho novamente para onde o livro estava, mas ali ele não se encontrava, corro até o local observando bem, eu tinha certeza que estava ali!

Ouço alguém correndo para fora da biblioteca, olho em volta e percebo que o livro estava... Flutuando?

Sigo o "livro" que voa, correndo feito louco pelo corredor que nos leva à quadra.

—VOLTA AQUI! —gritei para o "livro".

As pessoas me olhavam estranho, querendo de dizer que eu estava correndo atrás do nada.

—PARA COM ISSO JUNGKOOK! —Jin gritou, segurando meu braço para que eu parasse de correr —Ficou louco? Tá correndo atrás do que?

—ME SOLTA! TENHO QUE PEGAR AQUELE LIVRO! —grito ainda mais alto, tentando me soltar dos fortes braços de Jin, que insistiam em me segurar.

—Se acalma Jeon. —Hoseok aparece do nosso lado, tentando me acalmar.

Me acalmo um pouco, passando a mão sobre meus cabelos negros, deixando-o bagunçado.

—Muito bem... Agora nos diga o que aconteceu? —Jin pergunta calmo.

—Eu queria ficar um pouco sozinho, então fui para a biblioteca... —dei uma pausa, suspirando pesado —Lá eu vi um livro que me chamou a atenção, ele era prata e cheio de rubis em sua capa. Mas quando eu fui o pegar, simplesmente sumiu da prateleira. E eu o vi flutuando em direção à quadra, por isso estava correndo atrás.

—Puff! Ficou louco de vez. Não ia ter um livro com rubis, ainda mais aqui! —Jin brincou.

—E é impossível um livro sair voando por aí. —Hoseok caiu na risada.

—Acreditem se quiser! Não tenho como provar. Mas eu vi! EU VI! —digo, e saio dalí bufando de raiva.

Como é possível? Eles acham que estou louco?

Talvez eu esteja... É realmente impossível um livro flutuar por aí.

Não quero assistir as últimas aulas, estou cansado e cheio de dúvidas, peço ao diretor para ir embora e ele autoriza.

Chegando em casa, subo para meu quarto, tomo um banho rápido e me jogo na cama. Já estava quase na hora do almoço mas estou sem fome, só penso no ocorrido do livro que me deixou aterrorizado.

Escuto alguns barulhos vindos do porão onde era o local de experimentos do meu pai, e onde também se encontrava a tal "máquina do tempo" dele.

No começo não dei muita importância pelo cansaço que sentia, mas os barulhos só aumentavam, me deixando curioso para ver o que estava acontecendo lá em cima.

Subi as escadas lentamente, indo em direção ao porão.

Entro de uma vez, vendo que a máquina estava ligada e balançando. Confesso que me assustei um pouco, mas talvez tenha sido o gato do vizinho, ele adora correr aqui dentro de casa.

Desligo a máquina e me viro para voltar ao meu quarto, mas a porta se fecha de uma vez.

—QUEM ESTÁ AÍ? MIN YOONGI SE FOR VOCÊ... PARE DE GRAÇA! —grito com medo, dando passos para trás.

No canto do cômodo vazio, aparece uma luz forte que quase me deixa cego, tampo os olhos com o braço direito tentando diminuir a claridade que chega a arder a pele.

A luz some rapidamente, me dando a visão do livro de mais cedo. Ali... Jogado no chão aberto em uma página qualquer.

Arregalei os olhos, completamente assustado com a cena.

De onde isso veio?

Caminho até o mesmo, tirando-o do chão lentamente, levo para meu quarto e começo a ler na página onde estava aberto.

''Você tem em suas mãos a chave do tempo. Com ele você poderá mudar o passado e tambem o futuro. Mas como não lhe pertence, você tem a missão de voltar e nos devolver a chave.''

—Missão? O que isso quer dizer?


Notas Finais


Eita!
E quem estava perseguindo Jungkook?

Bjin até o próximo! ❤🍒


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...