História Temporariamente Sua - Capítulo 52


Escrita por: ~

Postado
Categorias Shawn Mendes
Personagens Shawn Mendes
Tags Harry Styles, Larry, Louis, My Chemical Romance, One Direction, Romance, Shawn Mendes, Songfinc
Exibições 166
Palavras 1.343
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oiii , gente
Como estão ?
Bem... vou postar mais um hoje, porquê eu sou legal <3
Capitulo pequeno mas carregado de sentimentos
(quando eu crescer vou ser filosofa) ^^
Amo vocês

Capítulo 52 - I Love You


Fanfic / Fanfiction Temporariamente Sua - Capítulo 52 - I Love You

Ana Narrando

Eu estava na final.
Tinha conseguido e agora precisa vencer Cristina e assim conseguiria o contrato com a gravadora, para poder gravar meu Cd e fazer música. Cris se apresentava agora e eu esperava ansiosa no camarim conversando com Josh,

-Apenas fique calma, ok ? -Eu respirei fundo-Você chegou até aqui, Frank, Gerard, Ray e Mike te amam. Você vai conquistar todo mundo. 

-Eu não sei não, Josh. -Disse relutante

-Pare de ser negativa, acredite em sí mesma, você é talentosa, suba naquele palco e mostre o melhor de voce

-Eu não sou mais a mesma...-Eu não terminei me encarando no espelho. Josh sabia do que eu falava, minha aparência não havia mudado, eu tinha emagrecido um pouco e meus cabelos estavam mais longos, mas não era isso que estava diferente. a mudança era interna.

-Eu sei, eu percebo pela maneira que você canta-Ele segurou as minhas mãos.-Shawn te magoou mas ele não está aqui, não está mais aqui com a gente, ele foi embora e você tem que seguir a sua vida. -Shawn não tinha morrido, mas desde que ele foi embora ninguém tocava no nome dele, era como se ele nunca tivesse existido e talvez, seja melhor assim.

Só que pra mim ele ainda estava muito vivo, ele me queimava por dentro , meu coração sentia constantemente sua falta. 

-Você tem que se apresentar com duas músicas, você sabe não é ?-Eu assenti-Qual você escolheu pra ser a primeira?

-Love Myself. -Cris apareceu descendo e ja se trocando para a próxima apresentação eu abracei rapidamente Josh e subi para o palco. Tinha muita gente ali,mas eu já havia me acostumado. O palco não me assustava mais, eu cantei pulei e me diverti  lá em cima, e quando voltei, Josh me abraçou e sorriu, vem você tem que se trocar. 

Eu sabia que a próxima música que eu iria cantar iria mexer muito comigo, porquê eu tinha escrito para Shawn , e querendo ou não , aquilo nunca deixaria de ser verdade. 

Na apresentação anterior eu estava usando um vestido preto curto, para essa eu resolvi deixar a simplicidade de lado, e coloquei um vermelho longo com uma calça da mesma cor e uma jaqueta preta.

-Uau, você está incrível. 

-Eu sei, Josh.-Sorri pra ele.-Eu sempre estou incrível.

Shawn Narrando

Era domingo e eu sabia que não deveria ter deixado o louco do Cameron entrar no meu quarto quando abri a porta, mas eu deixei. 

Eu estava saindo muito com os meninos ao longo da semana e eles eram divertidos, e me ajudaram a me adaptar melhor a cidade. Já conhecia bastante lugares e Jacob estava até me ajudando a achar um apartamento. 

Ele ligou a televisão e se jogou na minha cama. 

Eu me sentei ao lado dele, desistindo de qualquer dialogo.

Começou um programa de música qualquer e só parei para prestar atenção quando reparei em quem estava no palco. Eu não conseguia me mexer, fiquei paralisado e só conseguia encarar a televisão, só conseguia ver ela. 

Ela sorria, Vestia um vestido vermelho deslumbrante assim como ela estava totalmente. 

E quando ela começou a falar eu aumentei a tevê, e só de ouvir a voz dela, meu coração acelerou e eu não conseguia tirar um sorriso do rosto.

Ana estava ali na minha frente ao mesmo tempo longe. E ela parecia bem. 

-Eu estou muito feliz de ter chegado até aqui.-Ela começou dizendo.-Estive nesse palco tantas vezes e saber que essa pode ser a última vez é muito triste pra mim. 

-Vamos a música, Ana!-um dos jurados disse, ele era baixinho e tatuado e estava sentado no colo de Gerard presumi que fosse Frank Iero.

-Já vou, topeira.-Ela riu.-Bem essa música é muito especial, ela me faz sentir coisas que nunca pensei sentir, me faz querer amar e amar e ao mesmo tempo me faz sentir dor. -Ela olhou pra baixo sorrindo.-Vocês todos aqui já tiveram ou vão ter um coração quebrado, isso é inevitável. E eu juro pra vocês, que vai doer até você pensar que tudo está acabado, mas não é o fim, como dizem o que não nos mata, fortalece, eu só quero dizer a uma pessoa, que caso ela estiver vendo isso aqui, saiba que essa música foi composta antes de você destroçar o meu coração. Mas parece perfeita para o momento.

A música começou a tocar, era uma pegada leve e quando Ana soltou a sua voz eu entendi o que ela quis dizer. 

Ana narrando

Dizer aquelas palavras foram as coisas mais dificies que eu ja fiz na vida. 

Eu sentia tudo, cada lembrança boa e ruim voltando em borrões , mas eu não podia parar, porquê eu precisa expressar o que não expressava a meses. Meu amor e minha decepção para com Shawn. E se ele estivesse assistindo eu saberia que ele compreenderia que aquilo era pra ele, a música, as palavras, os sentimentos. Tudo. 

Comecei a cantar encarando Ju e Gaby que estavam agarradas me olhando e sorrindo levemente , elas me entendiam , me deram força, elas sabiam exatamente como eu me sentia com tudo aquilo. Mas no fundo eu me sentia Feliz, por elas e por Louis e meu Irmão. Eles estavam felizes e eu só queria a felicidade de quem eu amava já que a minha estava a milhas de mim, desaparecido em algum lugar no mundo. 

 

"Uh oh, uh oh

Aqui vou eu de novo, querido, querido

Eu ouço seu nome e me sinto quebrada, dolorida

Você ainda tem poder sobre mim

Está sempre acabando, mas ainda está acontecendo

Uh oh, uh oh

Aqui vou eu de novo, querido, querido"

Eu fechei meus olhos com força, as palavras seguintes, saindo por meus lábios junto com uma lágrimas fez com que eu subisse um tom, e por incrível que pareça , isso não me fez desafinar pelo contrário, fez minha voz parecer mais forte , mas equilibrada. 

"Eu só quero gritar até a minha voz acabar

Mesmo se as lágrimas caírem e meu coração me odiar

Querido, eu te amo"

E eu abri os olhos encarando todos os rostos que eu podia, conhecido e desconhecido, cantando para eles, para mim, para ele.

"Uh oh, uh oh

Eu não sei como eu ainda estou respirando, respirando

Eu tenho esse buraco em meu coração, querido, querido

E não importa o que as pessoas dizem

Mesmo que esteja quebrado, eu te amo assim mesmo

Uh oh, uh oh

Aqui vou eu de novo, querido, querido"

E de novo eu me peguei pensando na noite em que eu fui dele pela primeira e única vez, na noite que ele foi sincero em relação aos seus sentimentos, em relação a tudo, porque eu podia sentir, ele não mentiu pra mim em nenhum momento enquanto me tinha com ele. E era nisso que eu me prendia para cantar as seguintes linhas :

"Eu só quero gritar até a minha voz acabar

Mesmo se as lágrimas caírem e meu coração me odiar

Eu só quero saber como eu posso me salvar

Mesmo se essas três palavras me sufocarem e me levarem

Querido, eu te amo"

E eu me lembro de todas as noites que passamos juntos, ainda como amigos, da forma que aos poucos ele me conquistou, ele me ganhou, confiança, carinho e amor.

"Eu sinto seu toque a noite quando estou sozinha

Mas sou apenas eu me abraçando apertado

E essa vida não é como você

Não me sobrou nada além desse amor por você

Eu quero gritar até a minha voz acabar

Mesmo se as lágrimas caírem e meu coração me odiar

Eu só quero saber como eu posso me salvar

Mesmo se essas três palavras me sufocarem e me levarem

Querido, eu te amo"

Eu ajoelhei no chão, coloquei a mão em meu peito e olhei para a camera, meus olhos estavam cheiio de lágrimas e meu sorriso saiu fraco e nos últimos versos , consegui passar mais sentimentos do que em toda a minha vida.

"Eu te amo, querido

Querido, eu te amo

Eu te amo

Querido, eu te amo"


Notas Finais


E ai, gostaram ??
Bem as músicas do capitulo são : -Little Mix-I Love You e Love Myself da Hailee steinfeld
Escutem são bem legais, acho que esse capitulo foi um dos meus preferidos de escrever porquê mostra que o Shawn está recomeçando mas ainda está tão ligado a ela e a Ana, ela não sofre mais, não dramatiza tanto os seus sentimentos, ela está, amadurecendo em relação ao amor, na verdade, os dois estão.
COMENTEM!!!
Até o próximo, beijos ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...