História Tente não se apaixonar... - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Amizade, Amor, Amor Não Correspondido, Apaixonar, Desejo, Não, Paixão, Romance, Tente
Exibições 54
Palavras 457
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Escolar, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Essa é uma história apaixonante, onde tudo pode mudar...
Espero, verdadeiramente, que vocês se identifiquem, que gostem e que se sintam nessa história.
Tenham uma boa leitura, espero que gostem!!

Capítulo 1 - Prólogo


  Uma história onde uma garota apaixonada encontra o seu príncipe encantado e eles são felizes para sempre.

  Não, esse é o século XXI. Na verdade, essa é uma historia onde uma garota apaixonada sonha em conquistar alguém que sequer a enxerga com outros olhos. Esse alguém em questão é educado, simpático e atende por Daniel Doyle. Doce, linda e gentil isso não seria um problema para Anabelly Meyer, a não ser por sua extrema timidez, e claro, um inesperado visitante. Um intruso que tem confiança, charme e um par de olhos azuis capazes de derrubar com apenas uma piscadela. Seu nome? Ah, ele é Thomas Crawford. E nessa história todos terão que tomar muito cuidado, vai ser muito difícil não se apaixonar...

“– Será que um dia ele vai me enxergar? Vai perceber que sempre estive aqui?” – Anabelly Meyer.

    Até que ponto um coração partido pode recorrer?

    Seria possível ensinar uma pessoa a amar? Ou mais ainda, seria possível ensinar a tão famosa e necessária arte da conquista?

     Ela imaginava que sim, ou talvez, só quisesse acreditar...

“– Então vamos começar, bem vinda a sua primeira aula!” – Thomas Crawford.

“– Eu sabia que ela estaria lá. Ela sempre está!”- Daniel Doyle.

     Nunca subestime nenhum sentimento...

 “– E às vezes eu queria ser ela, só pra se o motivo desses seus sorrisos!” – Anabelly Meyer.

     A gente não cansa de amar. Cansa de não ser amado!

“– Tudo bem, eu ajudo você! Não há perigo, eu sou vacinado contra o amor” – Thomas Crawford.

     Seria possível fazer um coração quebrado voltar a se sentir inteiro?

“Nós somos apenas amigos” – Anabelly Meyer.

    Até onde eles poderiam levar esse sentimento sem que ambos desconfiassem?

    Como ensinar alguém a conquistar outro se você acabou se apaixonando?

 “Ele não era bom pra ela, não o bastante. Mas, infelizmente, eu também não era!” – Thomas Crawford.

    Até onde é possível levar uma amizade sem que esse sentimento mude?

“– Ela está com ele? Mas por que ela está com ele?” – Daniel Doyle.

    Tudo pode mudar.

“Eu sinceramente não sei o que você tem, só sei que gosto muito. E que agora, sou incapaz de viver sem!” – Thomas Crawford.

    E se aquele abraço virasse beijo? Se aquele carinho virasse desejo? Se aquele afago virasse paixão? Ah, aí não teria mais jeito, esse sentimento ainda começaria com A, mas agora seria Amor!

"Olhar naqueles olhos é como pedir pra se entregar ao pecado!" – Anabelly Meyer.

   Tantas perguntas, tantos sentimentos, tantas escolhas... Tantas indecisões.

     Você seria capaz de não se deixar levar?

   Embarque você também nessa história arrebatadora e apaixonante. Anabelly Meyer, Thomas Crawford, Daniel Doyle e eu, estamos te esperando.

     Seja muito bem vindo, mas tenha cuidado! Ah, e o mais importante, tente não se apaixonar...

 

                                                                                  Sua autora.


Notas Finais


Elogios e criticas contrativas são sempre bem vindos...
(Informações sobre a história nas notas adicionais).
Espero que tenham gostado, não esqueçam de dizer o que acharam. É muito importante pra mim.
Um enorme beijo, até a próxima...
~Meri♥♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...