História Terra dos Sonhos - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Visualizações 8
Palavras 217
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drabble, Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - Microcontos 2


Ironia

 Vivia tentando se matar. Quando iam assassiná-lo, ele impediu.


Cardiologista

 Sabia tudo de corações, mas ainda sim feriu o dela.


Farsante

 Passou a vida inteira imitando os outros. Não era ninguém.


Nonsense

 Jogou a moeda no poço. Pediu que ela voltasse.


Doce

 Ela era tão doce que tive enjôo.


Ladrão gentil

 Pediu a carteira por obséquio.


Boca suja

 Um verdadeiro boca suja. Tinha os dentes podres.


Amor

 O Amor é cego. Eu mesmo perfurei os olhos do canalha.


Aniversário

 Enviaram um presente para a depressiva mulher. Um revólver.


Viagem no tempo

 Quando finalmente terminou a máquina, voltou para o passado. Impediu que desperdiçasse a vida construindo ela.


Cavalheiro

 Se jogou na lama e deixou que ela pisasse nele.


Papel

 Fez um aviãozinho de papel. Tentou voar nele.


Igualidade

 Se perguntou a diferença entre o maldito miojo e o lâmen.


Casa de bonecas

 Colocou mais uma boneca na casa. Tinha sido difícil carregar ela do necrotério até ali.


Elegância

 Agora falava com elegância, mas ainda era o cretino de sempre.


Edgar Allan Poe

 Um corvo entrou em sua casa. Ele não perguntou quem estava em seus umbrais, deu um tiro na ave.


Culpa

 Foi declarado inocente. O criminoso fora o dinheiro nos bolsos do juíz.

 

Garanhão

 Era o maior comedor de garotinhas da região. Acharam uma pilha de ossos na casa dele.


Rótulo

 Ela arrancou o rótulo do detergente. O produto sofria muito preconceito.







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...