História Texting Camren - Capítulo 42


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Cabello, Camila, Camren, Fifth Harmony, Jauregui, Lauren
Exibições 595
Palavras 2.577
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 42 - Foi um Acidente


Lauren POV

Assim que cheguei em Los Angeles liguei para Ian.

- Alô. - atendeu do outro lado.

- Já estou aqui. - falei sem humor.

- Já tem um carro te esperando. Os seguranças do aeroporto irão te levar em segurança até ele. Não fale com nenhum paparazzi, ignore todos. - ordenou.

- Só isso? - perguntei irônica.

- Sem gracinhas Lauren. - disse e desligou.

Na medida que ia me aproximando da saída do aeroporto pude ouvir com mais clareza o alvoroço que estava tendo lá fora. Como eu já esperava, diversos paparazzis estavam a minha espera.

- Lauren, Lauren, olhe aqui!

- Lauren, você foi se encontrar com sua amante?

- Você foi para Miami Lauren?

- O que Cara acha dessa história? Vocês estão juntas afinal?

- Camila Cabello é o nome da vadiazinha que você ficou? Ela tem uma bunda e tanto.

Meu sangue ferveu e eu dei meia volta indo em direção ao sujeito que havia dito aquilo. O reconheci de cara. Era o mesmo paparazzi que eu havia agredido.

- Vejo que conseguiu uma nova câmera. - disse com um sorriso cínico.

- Você não é a única no mundo da fama envolvida em polêmicas. - rebateu.

- Nunca mais ouse colocar o nome dela na sua boca imunda! - falei o fuzilando.

- Você pode repetir, por favor, meu gravador não estava ligado. - disse com sarcasmo. - Pronto, agora sim, me diga Lauren, como anda a Camila, você foi ver ela não foi? Está tendo um relacionamento com ela e com a Cara, Lauren? 

Naquele momento não me importei com os outros paparazzis fotografando e gravando que nem loucos aquele momento, nem com os seguranças do aeroporto que tentavam a todo custo tirá-los de lá.

- Diga mais uma merda dessas e seu rosto vai passar a ter um relacionamento com meu punho. - rosnei.

O sujeito riu com escárnio antes de retrucar.

- Você usa uma mão nas duas ou cada uma têm a sua? 

Não me importei nem um pouco com o que poderia acontecer depois quando dei um gancho de direita naquele babaca. Ele caiu gemendo de dor com as mãos no rosto e um segurança enorme me segurou por trás, me arrastando dali.

- Merda! - falei olhando para minha mão machucada pelo soco.

Entrei no carro que me aguardava e o motorista me levou até o escritório de Ian. Entrei sem ao menos bater na porta e ele estava lá, sentado em sua cadeira, esfregando as têmporas.

- Que porra você acabou de fazer Lauren?

- Mostrei aquele paparazzi que não sou obrigada a ouvir as merdas que ele tem a dizer.

- Espero que você fique feliz, pois agora ele está pedindo uma boa quantia de dinheiro para não abrir um processo contra você.

- Ele começou a falar merda sobre a Camila! - falei irritada.

- Que é só sua AMIGA aos olhos do mundo. Quando você vai entender que você tem que fingir um namoro com a Srta. Delevingne.

- Eu não quero isso! Agora pra piorar as coisas estou sendo acusada de traição. 

- Isso é culpa sua. Se não ficasse correndo de volta para Miami toda hora para ver Camila isso não estaria acontecendo.

- Ah, agora a culpa é minha?! Que inferno! 

- Olha a boca! Pare de agir como uma adolescente problemática! 

- Vá à merda.

- Estou do seu lado.

Olhei para ele com fúria no olhar.

- Chega Lauren. Estou tentando te ajudar. Vamos parar com essas briguinhas estúpidas e agir como profissionais aqui, sim?!

- Certo. O que eu vou ter que fazer agora? O que Michael disse disso tudo?

- Ele está furioso, mas está tentando reverter esse seu acesso de fúria com o paparazzi, alegando que fez isso para proteger seu relacionamento com Cara que anda sendo abalado com esses rumores de Camren.

Revirei os olhos. O que estava realmente acontecendo era exatamente o oposto, mas nada falei.

- Hum. Deixa eu adivinhar. Entrevistas e mais entrevistas?! - perguntei entediada.

- Exatamente. Depois das gravações de hoje, que serão abertas ao público, você terá uma entrevista. Você e a Srta. Delevingne.

- Que ótimo. - falei com sarcasmo.

- E não se esqueça Lauren, você e Camila são apenas amigas muito próximas. 

- Ok, ok, posso ir agora?

- Até mais tarde. 

Saí do seu escritório e fui direto para o estúdio de gravação. Mal havia pisado lá dentro e já ouvi chamaram meu nome. 

- Laur, finalmente, você sumiu!

- Voltei para Miami, tinha que falar com a Camila.

Cara revirou os olhos.

- Fala sério Lauren. Ela fez alvoroço por causa daquele beijinho? Meu Deus, que criança, como você aguenta?

- Primeiro, não fale assim dela, segundo, a única coisa que a Camila faz é me fazer a pessoa mais feliz desse mundo, e por último, se eu aguento você, eu aguento qualquer outra pessoa. Com licença. - disse e me retirei dali, deixando-a de boca aberta, sem acreditar nas minhas palavras.

Minha irritação havia voltado e tudo que eu mais queria agora era estar de novo naquela cama com o meu amor. Queria apenas a sua presença ali para me confortar. Segui caminho para aonde iriam acontecer as filmagens e encontrei Bay xingando alguns figurantes por terem feito algo errado.

- Olá. - falei.

- Ora, ora, nossa garota problema. Veio colocar fogo no estúdio ou só vai gravar? Se for apenas gravar suas cenas, se retire daqui para colocar o seu figurino.

Bufei e fui até meu trailer. Hoje ouviria vários gritos.


Horas depois...


- Acho que vou conseguir salvar alguma coisa das gravações de hoje. - disse Bay - Vocês estão dispensados, menos você Jauregui. Venha comigo.

Me arrastei até Michael e o segui em direção a uma mulher.

- Essa aqui é a Beth. Ofereci a ela a oportunidade de uma entrevista exclusiva com você.

- É um prazer conhecê-la oficialmente Srta. Jauregui. - disse estendendo sua mão.

- Igualmente. E, por favor, me chame de Lauren. 

- Como quiser Lauren. Podemos?

- Claro, quando quiser.

- Vou deixá-las a sós. - Bay falou dando um leve aperto em meu ombro antes de sair.

- Estamos aqui com a futura grande estrela, a atriz Lauren Jauregui. Então Lauren, você nesses últimos dias vêm estando sobre os holofotes, mas, infelizmente, por causa de polêmicas. Você poderia nos explicar essa história.

- Às vezes é melhor deixar o silêncio fazer a conversa... - respondi.

- Hm, enigmática, gostei. Nada a declarar sobre Cara Delevingne?

- Preferimos manter nossa privacidade. 

- Tudo bem, é justo. Algo me diz que não adianta eu mencionar a, qual o nome dela mesmo... Camila Cabelo.

- A pronúncia correta é Cabello. Ela é uma... Pessoa muito especial para mim e eu só não quero que ela saía magoada dessa história. Pessoas conseguem ser más quando querem.

- O que você tem a dizer sobre a guerra de shippers? Caren versus Camren está uma loucura nas redes sociais, principalmente no twitter.

- Gostaria que algumas pessoas parassem com isso, é cansativo. Não importa o que você poste que alguém vai comentar Camren ou Caren.

-  Bem, Lauren, insistindo uma última vez, você não pode nos dizer nada sobre você e Cara?

- Mais para frente eu me manifestarei.

- Tudo bem. Obrigada por seu tempo. Lauren Jauregui senhora e senhores!

- Corta!

- Obrigada pelas palavras Lauren.

- Não foi por nada. Nós nos vemos por aí. 

Me despedi de Beth e saí do estúdio.


Uma semana depois...


- Estamos de volta e agora quero que vocês recebam com uma salva de palmas, Shia LaBeouf, Cara Delevingne e Lauren Jauregui!

Vocês devem estar se perguntando o que está acontecendo. Bem, Shia, Cara e eu fomos fomos convidados pela Ellen DeGeneres para participar de seu programa, para divulgar nosso filme.

Entramos sendo recebidos por várias palmas e alguns gritinhos de fãs.

- Olha só se não é um dos casais mais bonitos de Hollywood. - disse Ellen sorrindo para Cara e eu.

- É um grande prazer estar aqui Ellen. - disse Cara com um sorriso.

- Com certeza. - falei também sorrindo.

- Acho que vou ficar de vela aqui. - brincou Shia fazendo a platéia rir.

- Shia, se eu não fosse casada... - brincou também Ellen gerando mais risadas na platéia. 

- Ei vocês, parem com isso. - falei rindo.

- Quieta Jauregui. - falou Shia.

- Então pessoal, como andam as gravações? Muita ação envolvida, pelo que eu ouvir falar.

- Você nem imagina, o filme vai ser irado. - respondeu Shia - Ainda mais que vou ter a chance de dar um beijinho na ogra aqui!

- Ogra? - perguntou Ellen sem entender.

- Sim. FAZ O URRO JAUREGUI! - Shia disse antes de cair na gargalhada junto da platéia.

- Pare com isso Shia. - Cara falou dando um tapa em seu braço - Eles chamam a Laur de ogra, bem, por causa do comportamento meio... Bruto dela.

- O que eu não concordo! - falei cruzando os braços.

- Eu também não! - Cara disse me dando um beijo na bochecha.

- Opa casal, foco aqui. - Ellen disse divertida. - Já que entramos nesse assunto, você causou um alvoroço e tanto na Internet Lauren quando comentou "belas palavras amor" na publicação que Camila Cabello fez no instagram, mas logo em seguida você deletou o comentário.

- Ah, sobre isso, usamos a palavra amor no espanhol de uma forma diferente. Não significou nada disso que vocês pensaram. - expliquei.

- Então por quê o apagou?

- Por causa do tumulto que um simples comentário causou.

- Bem, Lauren, vi que não foi só esse comentário que causou esse tumulto todo, pelo visto você andou curtindo fotos Camren e bloqueando logo em seguida as pessoas.

- Er... Foi um acidente.

- Vamos lá Lauren, o mundo inteiro quer saber o que realmente está acontecendo. Todos querem saber com quem você está - insistiu Ellen.

- Poxa, ninguém quer saber com quem eu estou. - falou Shia fingindo estar chateado.

- Todo dia você está com uma Shia. - disse Cara rindo.

- Ei, estamos ao vivo caramba. - reclamou.

- Camila é uma pessoa especial para mim. Só tenho isso a dizer e quanto a Cara, bem... É o que todos já viram.

- Isso não é bem a resposta que nós queremos ouvir. - Ellen riu - Nós voltamos depois dos comerciais e dessa vez Lauren Jauregui terá que nos dar uma resposta! 

- Estamos fora do ar! - anunciou um câmera.

- Eu estava só brincando Lauren, não vou te obrigar a nada. - disse Ellen.

- Eu sei Ellen, mas eu já sabia que esse momento ia ter que acontecer,  então sim, você e todos os outros terão a tão esperada resposta. - falei suspirando.

Ellen abriu a boca em choque.

- Não acredito que você irá nos revelar isso no meu programa. É uma honra Lauren. 

- Nós vamos voltar em 3, 2, 1...

- Finalmente estamos de volta e nossa espera para saber a quem pertence o coração de Lauren Jauregui também! Então Lauren, o que você tem a nos dizer?

Cara olhou para mim e segurou minha mão, abrindo um enorme sorriso. 

- Então...


Camila POV

- JÁ COMEÇOU CHANCHO?! - Dinah gritou da cozinha.

- AINDA NÃO! O PROGRAMA DA ELLEN SÓ COMEÇA ÀS 21H! - gritei de volta da sala.

- Ai Mila, não grita no meu ouvido. - reclamou Normani.

- Fiquem quietas, por favor, estou tentando ouvir. - Ally falou jogando uma almofada em nós.

- Relaxa amor, isso vai reprisar amanhã. - falou Gabriel dando-lhe um beijo na bochecha.

Imaginem minha surpresa quando Ally disse que Gabriel pediu desculpas pelo seu comportamento e a pediu em namoro. A baixinha quase saiu pulando de alegria, agora os dois não se desgrudam. 

- Tenho uma inveja de você Ally... - Dinah disse assim que voltou para a sala com um balde de pipoca. 

- Por quê, posso saber? - perguntou Normani brava.

- Calma amor, não é nada disso que você está pensando, mas olha só o tamanho da língua do Gabriel. Parece a do Latrell do filme As Branquelas, é enorme. Deve fazer mil maravilhas.

Ally se engasgou e teve uma crise de tosse enquanto todos riam.

- Dinah!!! - Ally a repreendeu depois.

- Fala para nós Ally, como que é o oral dele?!

Ally ficou mais vermelha que pimentão e começou a distribuir tapas no Gabriel por rir daquela situação.

- Ai amor, isso dói. - reclamou.

- Bem feito! Era pra você ficar do meu lado. E você Dinah... - fuzilou Dinah antes de continuar - me aguarde.

- Nossa, que medo. - Dinah disse gargalhando.

- Pare de encher a Ally! - disse Normani.

- Dá pra vocês calarem a boca?! Vai começar!! - falei e voltei a olhar para a televisão.

- Que abusada, vem na minha casa, come minha comida, usa a minha TV e quer me mandar calar a boca. - falou Dinah - Isso tudo é falta de gozar Chancho? - perguntou rindo e fazendo todos os outros gargalharem. 

Mostrei o dedo do meio para Dinah e voltei minha atenção novamente para a televisão. Lauren iria participar do programa de hoje e eu estava ansiosa para vê-la. Nós cometemos leves deslizes essa semana curtindo fotos que perfis de Camren Shippers postavam e nos marcavam. Às vezes conseguíamos tirar a curtida antes que vissem, e como várias montagens e manips estavam rolando pela internet, ficava difícil para quem estava de fora saber o que era real ou não. Fui tirada dos meus pensamentos quando fui atingida em cheio no rosto por uma almofada.

- Mas que porra...

- A culpa foi sua Chancho, estou te chamando já tem tempo.

- O que você quer Dinah? - perguntei irritada.

- Aumente o volume, você está mais perto do controle. - falou sorrindo amarelo. 

Olhei para ela com cara feia e me levantei para pegar o controle, aumentando o volume logo em seguida.

- Está bom pra você agora? - perguntei.

- Não quer aproveitar que você está em pé e pegar umas bebidas para nós?!

- É, vai lá Mila! - disseram os outros em uníssono.

- Vão todos se foder. - falei indo em direção a cozinha. - Bando de folgados.

Voltei para a sala com cerveja para todos e me sentei novamente. Finalmente chegou a hora de Lauren aparecer no programa. Como eu já esperava o foco foi para os ocorridos que causaram alvoroço nas Camren Shippers. Ellen anunciou que Lauren iria falar a verdade sobre com quem ela realmente está e eu senti meu coração apertar. Mesmo sabendo que era mentira, não queria ouvir ela dizer que está com Cara.

- Mila, você está bem? - Ally perguntou.

- Sim Allycat, eu só acho que não quero ver isso. - disse.

- Ah Chancho, me desculpa mas eu não vou mudar o canal, quero ver o que a branquela vai falar.

- Nós já sabemos o que ela vai falar Dinah! - falei.

- Camila, olha para o seu dedo. É você quem ela namora, para com isso! - disse Dinah.

Suspirei e voltei a prestar atenção na TV.

- Finalmente estamos de volta e nossa espera para saber a quem pertence o coração de Lauren Jauregui também! Então Lauren, o que você tem a nos dizer? - disse Ellen.

Cara olhou para Lauren e segurou sua mão, abrindo um enorme sorriso. 

Senti uma vontade absurda de socar a cara daquela mulher para lhe tirar aquele sorrisinho idiota.

- Então... - Lauren começou, mas nada mais disse.

- Vamos lá Lauren, não nos mate de curiosidade. Caren é real ou não. - perguntou Ellen sorrindo.

- Tudo bem, tudo bem, não vou mais enrolar, vou direto ao ponto. Camren é real sim! - disse e arregalou os olhos assim que se deu conta do que tinha falado.

A plateia inteira fez um "oh" em choque junto de Shia, enquanto Cara e Ellen olharam para Lauren esperando uma explicação. 

Dinah cuspiu toda sua bebida em cima de mim e escancarou a boca.

- Ela disse... - Normani começou.

- Ela disse. - falei sem acreditar.


Notas Finais


Ops, outro acidente Lauren?
Hahahaha
Até o próximo capítulo! 😊❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...