História Texting Camren - Capítulo 43


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Cabello, Camila, Camren, Fifth Harmony, Jauregui, Lauren
Exibições 528
Palavras 2.433
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 43 - Explicações


Camila POV

Olhava para a televisão de boca aberta sem nem me importar com o fato de Dinah ter cuspido sua cerveja em mim. Aquilo no momento era simplesmente insignificante, levando em consideração o que Lauren acabara de dizer.

- Agora fodeu hein palmito. - falou Dinah me acordando do transe.

- Shhhhh, eu quero ouvir! - disse Ally se aproximando mais da TV.

- Wow, Lauren, que... Revelação e tanto. - falou Ellen ainda chocada.

- Não... Er... Eu... Não foi isso que eu quis dizer... É que... - Lauren começou a embolar as palavras e a gaguejar.

- A pronúncia é quase a mesma, pois eles não tiveram a criatividade de inventar um outro nome pro shipp, não é mesmo Laur? Você quis dizer Caren, não é? - perguntou Cara lhe lançando um olhar repressivo.

- Eu... É... - Lauren tentou dizer, mas nada saía da sua boca.

- FAZ O URRO!!!! - gritou Shia, deixando a situação menos constrangedora e arrancando risadas da platéia e de Ellen.

- Me lembre de colocar isso em uma estampa. - brincou Ellen. - Er... Já voltamos logo após os comerciais.

- NÃÃOOOOOO!!! - gritou Dinah. 

- Caralho Dinah, não grita! - falou Gabriel.

- Você, fica calado! - Dinah disse apontando pra ele - Como ela pôde chamar os comerciais?! 

- Simples, aqui não estava previsto para acontecer. Como Lauren travou, a melhor solução foi essa. - disse Normani calmamente.

- Mila... Você tá bem? - Ally perguntou se aproximando de mim.

Eu não sabia o que estava sentindo. Era um misto de alegria, felicidade, preocupação, medo, nervosismo, tudo.

- Chancho?? Ai meu Deus Ally ela tá viva? - Dinah perguntou desesperada.

- Não fale asneiras, é claro que ela está viva. 

- Eu... Eu... Lauren... - tentei dizer, mas não conseguia formular nenhuma frase.

- Ally do céu, benze ela, joga reza que a minha amiga virou demente!

Olhei para o Dinah a fuzilando.

- Opa... Hehe, era brincadeira Chancho... - disse se afastando.

- Pois fique sabendo que a demente aqui vai revidar a bebida que você cuspiu nela.

- Olha, tecnicamente eu só revidei aquele dia que nós saímos e você viu a Lauren pela segunda vez então cuspiu sua bebida em mim. Nunca cheguei a revidar aquilo, até hoje, então...

"Droga" pensei, ela tinha razão. Mostrei o dedo do meio para ela e voltei a prestar atenção na TV.


Lauren POV

- Estamos fora do ar! 

- Com licença Ellen. - pediu Ian - Preciso da Lauren um segundinho.

- Claro, o intervalo vai ser mais extenso. 

Ian me puxou até estarmos longe da vista de todos e disse:

- Você ta de brincadeira Jauregui?

- Foi um acidente.

- Acidente o caramba! Estou começando a achar que tudo isso que você faz é proposital. - falou irritado.

- Ah, claro, porque eu simplesmente AMO fazer minha vida virar um inferno! Porque é exatamente isso o que acontece toda vez que eu erro.

- Agora me diz, o que você pretende fazer pra reverter isso, hein?

- Eu não sei. - disse curta e grossa.

Ian começou a andar de um lado para o outro até que parou de repente, parecendo ter pensado em algo.

- Preste bem atenção Lauren e me agradeça depois. Fazendo isso você até poderá ficar perto de Camila com uma maior frequência e sem ser as escondidas.

Meu rosto se abriu num sorriso que eu logo tratei de fazer sumir, pois sabia que tudo aquilo teria um preço a se pagar, e eu duvidava que seria algo bom.

- O que é?

- Você vai voltar lá e irá dizer o seguinte... 


- Estamos de volta e vamos ver se dessa vez a nossa querida estrela, Lauren Jauregui, consegue formular alguma frase. - disse Ellen rindo.

- Me desculpe por aqui. O que eu quis dizer era que Camren é real sim, mas não da forma que alguns pensam. Como eu já havia dito, Camila é... Uma pessoa muito importante para mim, e Camren representa isso. Nossa amizade.

- Está nos dizendo então que Camren é real mas não da forma amorosa como alguns dizem?

- Exatamente. - menti.

- E quanto a Caren? - perguntou Ellen.

- Cara e eu não estamos em um relacionamento sério, mas, obviamente existe algo a mais. Só tenho isso a dizer. 

- Parece que esclarecemos sobre Camren e Caren aqui minha gente. Agora, voltando a falar do filme, como andam as gravações?

- Estão uma loucura. - disse Shia. 

- As coisas estão bem corridas lá no estúdio. - acrescentou Cara.

- Vocês tem alguma previsão de quando irá para os cinemas? 

- Então, como Cara disse, as coisas estão bem corridas exatamente para a estréia ocorrer o mais rápido possivel. - respondeu Shia.

- Ainda faltam alguns meses de gravação e mais a edição, mas podemos dizer nossa previsão é de que em fevereiro do ano que vem ele já esteja em cartaz nos cinemas de todo o mundo. - falei.

- Uau, mal posso esperar para vê-lo. Diga-nos sobre a cena do beijo de você e Shia, Lauren.

- Nem me lembre disso. - falei fazendo uma careta.

- Ela não aguenta mais esperar não é baby girl?! - perguntou Shia rindo.

O fuzilei antes de retrucar.

- Nos seus sonhos.

- Acho que são nos seus Laurenzo. - falou gargalhando levando consigo a platéia e Ellen.

- Se eu te pegar... - comecei a dizer.

- Você não vai querer mais largar. - Shia me interrompeu.

- Eu não ia...

- Chega vocês dois. - Cara interveio.

- Melhor tomar cuidado Cara, Shia pode querer tentar roubar a Lauren. - brincou Ellen.

- Ele que ouse. - falou Cara olhando feio para Shia que ainda ria.

- Bem, eu separei uma brincadeira de perguntas para vocês. Funciona assim, vocês devem primeiramente clarear a mente de vocês e assim que eu fizer a pergunta, vocês devem responder a primeira coisa que vier em mente. Entenderam?

- Sim. - dissemos em unissono.

- Vamos começar com você Lauren. Seu doce preferido é...?

- Arroz com leche.

- Cachorros ou gatos?

- Cachorros.

- Como descreveria o Shia em uma palavra?

- Insuportável.

- Ei! - exclamou Shia fingindo ter se ofendido.

- Como descreveria a Cara?

- Boa atriz.

Cara me olhou incrédula, pois esperava por uma resposta mais romântica, mas logo se recompôs, fingindo que nada de mais havia acontecido.

- Já mentiu em uma entrevista? 

- Sim.

"Oh-oh" pensei. 

- Opa, parece que te pegamos Lauren. - Ellen disse rindo. - Vamos para o próximo, Shia, está pronto?

Não estava mais prestando atenção no que diziam, só conseguia pensar se essa minha resposta me traria problemas futuros. 


Camila POV

- Estamos de volta e vamos ver se dessa vez a nossa querida estrela, Lauren Jauregui, consegue formular alguma frase. - disse Ellen rindo.

- Me desculpe por aqui. O que eu quis dizer era que Camren é real sim, mas não da forma que alguns pensam. Como eu já havia dito, Camila é... Uma pessoa muito importante para mim, e Camren representa isso. Nossa amizade. - Lauren dizia tudo rapidamente como se tivesse medo de esquecer algo, como se isso fosse algum texto decorado de última hora.

- Está nos dizendo então que Camren é real mas não da forma amorosa como alguns dizem? - perguntou Ellen.

- Exatamente. - Lauren disse sem esboçar nenhuma emoção.

- É, parece que ela conseguiu reverter a situação. - disse Dinah.

Por um lado eu estava feliz com aquilo, pois não traria mais problemas para nós, mas, por outro lado, estava triste também. Por um breve momento cheguei a pensar que Lauren fosse jogar tudo para o alto e falar a verdade sobre nós duas. Mas eu já devia saber que aquilo não seria possível sem ela ter que arcar com terríveis consequências. Fui tirada dos meus pensamentos quando a risada de Dinah ecoou pela sala.

- Vocês viram a cara que ela fez quando a Lauren disse "boa atriz"? - perguntou gargalhando. 

- Aposto que ela achou que Lauren ia falar alguma coisa mais romântica. - acrescentou Ally.

- Shhhhh eu quero ouvir. - reclamei e senti logo em seguida uma almofada me atingir.

- Já mentiu em uma entrevista? - perguntou Ellen.

- Sim. - Lauren respondeu, e pela sua expressão ela se arrependeu da sua resposta.

- Ih, agora fodeu hein Jauregui. - falou Dinah.

- Muitas pessoas mentem em entrevistas Dinah, isso não vai dar em nada. - falei torcendo para que eu estivesse certa.

- Olha, não sei não viu Mila... - disse Normani.

- Wow, Chancho, você tem que dar uma olhada no Twitter, está uma loucura!

- Meu Deus, as pessoas são rápidas! - comentou Gabriel - Olhem só, até teorias eles já criaram.

- O quê?? - perguntei me levantando rapidamente e indo em sua direção. 

- Escutem só: Lauren Jauregui e Cara Delevingne estão fingindo um relacionamento, provavelmente por marketing. Camren é real sim, Lauren mesmo admitiu e depois foi obrigada a dar uma desculpa qualquer e o fato dela ter confirmado que já mentiu em uma entrevista comprova isso. - leu Gabriel.

- Nossa, tem muita coisa bacana aqui, já favoritei vários tweets. - disse Dinah sem tirar os olhos do celular.

- Dinah, você pirou?? Você vai criar o maior alvoroço se ficar favoritando esses tweets. - falei desesperada.

- Ih, relaxa Chancho, não vai dar nada isso.

- Acho que você se enganou Dinah... - falou Gabriel.

- Quando foi que você postou #camrenfeelings ? - perguntou Ally.

- DINAH!!! Eu mandei você apagar essa porra!! - falei.

- Mas, mas, eu apaguei...

- Pode até ter apagado, mas não antes de alguém tirar print. - disse Ally.

- Verdade, olha só, além dele agora tem print também das coisas que você favoritou, e agora sim as Camren Shippers estão surtando. - disse Gabriel.

- Dinah, me da um bom motivo pra não te agredir nesse exato momento. - falei tentando manter a calma.

- Hehe, porque você me ama. - falou sorrindo amarelo.

- Não adianta fazer mais nada Mila, agora já foi. - disse Normani.

Escutei meu telefone tocar e fui correndo atender. Olhei no visor e vi o nome da Lauren.

- Oi amor... - falei.

- Ei... Você viu? - perguntou com a voz um pouco triste.

- Vi... No Twitter só falam disso Lo. Algumas pessoas até adivinharam o que está acontecendo, só por meio de teorias.

- Ian me falou... Camz, você vai ter que fazer uma coisinha...

- O que Lo?

- Você vai ter que vir para Los Angeles. 

- Mas nós não podemos chamar a atenção.

- Novos planos. Ian acha melhor você ficar por perto. Ele disse que pensou em algo e quer conversar com você sobre isso.

- Isso é bom, não? - perguntei esperançosa.

- Não sei Camz... Espero que sim.

- Quando eu devo ir?

- Ian já está providenciando tudo. Amanhã mesmo você virá para cá, e como você não está tendo aula pode ficar por mais tempo para aproveitarmos. Estou com saudades pequena.

- Também estou Lo... Mal posso esperar para te ver de novo.

- Bem, é isso, tenho que ir agora. Até amanhã Camz. Amo você.

- Amo você, até amanhã.

Assim que desliguei o aparelho todos disseram em unissono:

- E aí??

- Vou ter que ir para Los Angeles. 

-Ué, mas e a descrição que vocês duas tinham que ter? - perguntou Ally.

- Parece que Ian não se importa mais, ele tem novos planos e quer falar comigo sobre isso, amanhã.

-Aí, o que será? - perguntou Dinah curiosa.

- Não faço a menor ideia Chee... Melhor eu ir para a minha casa arrumar minhas malas. Vou ficar lá por um tempo. 

- Já vi que a branquela não vai mais sair do quarto. - brincou Dinah.

Todos riram e eu lhe joguei uma almofada na cara.

- Besta. Ela tem um filme pra gravar.

- Vai chegar atrasada todos os dias. - brincou Normani.

- Me deixem! - falei saindo porta afora. 

Entrei no meu carro e voltei para minha casa. Já eram vinte e três horas quando cheguei. Fui direto fazer minhas malas, pois não sabia a que horas seria meu voo, ainda estava aguardando por uma resposta da Lauren. Acabei de arrumar tudo às duas da manhã e caí na cama, exausta. Não demorou muito e eu já havia dormido. 

Acordei com meu celular vibrando sem parar. Peguei-o e vi várias mensagens da Lauren e algumas chamadas perdidas. 


Lauren: Amor??

Lauren: Acorda!!

Lauren: Seu voo sai às 14 horas.

Lauren: Camila, não acredito que você ainda está dormindo, já está quase na hora.

Lauren: CAMILAAA!!!

Camila: Bom dia pra você também.

Lauren: Finalmente, já são meio dia!

Camila: Puta merda, ainda bem que já fiz minhas malas. 

Lauren: Mal posso esperar pra te ver de novo baby.

Camila: Mal posso esperar também. Vou indo aqui, beijos.

Lauren: Beijos gostosa <3


Levantei da cama e me espreguicei. Fui até o banheiro e fiz minha higiene matinal. Fui em um restaurante perto de casa para almoçar, voltei, peguei minhas coisas e fui para o aeroporto. 


Algumas horas depois.


Lauren disse que estaria me esperando. Comecei a procurá-la desesperadamente pelo aeroporto quan senti um aperto no ombro. Me virei e lá estava ela, sorrindo para mim. Não pensei duas vezes antes de soltar minhas malas e pular em seu colo, dando-lhe um abraço apertado.

- Que saudades! - falei baixinho.

- Como eu quero beijar essa sua boca Camz... - confessou.

Ouvi um pigarro atrás de nós e vi Ian parado com uma expressão de tédio. 

- Podemos ir? - perguntou.

Lauren revirou os olhos e eu desci do seu colo. Comecei a andar, mas Lauren me puxou para perto e me deu um beijo na bochecha e entrelaçou nossas mãos. 

- Lauren,  os paparazzis... - comecei a falar.

- Isso não importa mais Camz, esqueceu?

Seguimos Ian até a saída do aeroporto e assim que coloquei os pés para fora fui atingida por uma chuva de flashs.

- Camila, Camila, olhe para cá. 

- Vocês estão juntas Camila?

- Cadê a Cara Lauren?

- Por quê Camila está aqui?

- Ignore-os - Lauren sussurou para mim.

Assim seguimos até o carro que nos esperava. Mal entramos e o motorista logo arrancou o carro. 

Alguns minutos depois já estávamos no escritório de Ian. 

- Bem, Camila, é o seguinte. Como Lauren já deve ter falado, vocês podem começar a ser vistas juntas em público sem problemas. Mas é claro que sem beijos. 

- Por quê isso agora? - perguntei.

- Simples. A maneira mais simples disso tudo se resolver é você aparecendo com frequência na companhia de Lauren e, é claro, apoiando o relacionamento dela com a Srta. Delevingne.

- Como é que é? - perguntei franzindo a testa.

- Você irá falar a todos o quanto está feliz por Lauren e que espera que as coisas dêem certo entre ela e Cara.

- Você está brincando né?! - Lauren perguntou irritada.

- É o único meio Lauren. - Ian disse sério. 

- E se eu me recusar? 

- Bem, novas fotos de beijo podem vazar, não é mesmo. - falou irônico.

Cerrei os punhos só de pensar na Lauren beijando Cara novamente.

- Então Camila, estamos de acordo? - perguntou Ian.

Respirei fundo antes de dizer:

- Estamos.


Notas Finais


Lauren e sua boca grande... Agora Camila tem que virar Caren Shipper.
Vou começar a avançar um pouco a história contando rapidamente o que aconteceu para focar na estreia do filme.
Até o próximo capítulo 😊


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...