História Thank You - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Colegial, Crime, Romance
Visualizações 6
Palavras 2.691
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


E aí leitores , boa dia . Estou postando mais um Cap aqui. Ainda não tenho um horário ou dia para postar , mais vou tenta a cada quatro dias .
Obrigado por lerem^^ abraço

Capítulo 3 - Lighting the wick


Fanfic / Fanfiction Thank You - Capítulo 3 - Lighting the wick

Com um quarto a noite , uma fraca luz de um abajur no canto com a parede , sentado em sua cama olhando para a janela molhada pela chuva que caia , levemente sobre o vidro da janela ,O Jason olhava para a janela , com tudo preto ao longe , com dezenas de pequenas luzes pela cidade . Com o silêncio forte no quarto, que dava para ouvir o seu coração batendo , ele fechou os olhos respirando fundo , e caiu de costas sobre a cama , e virou olhando para a porta. Em seguida se levantando caminhando para fora do quarto , com o corredor de encontro a escada .passando pelas porta e descendo as escadas , com passos leves até ver uma luz ligada de sombra contra a porta. E ele caminhou até lá , e abrindo a porta E a sua mãe Solenya, sentada sobre a cama , com uma caixa grande marrom com a tampa branca , e ela sorrindo entristecida para uma foto, com os olhos marejados 

-ele se parece com a Koy. 

Disse o Jason encostado a parede de braços cruzados , e ela levantou com o um olhar calmo e alegre, com ele andando até ela se sentando do lado dela .

-você tem os olhos dele.

Disse ela passando a mão sobre a foto

-Jason eu me lembro. Você brincava com ele dizendo que "não precisa nem de DNA" 

Disse ele seguida de uma leve risada dos dois. 

-foi triste o que aconteceu com ele. Ainda me lembro como se tivesse sido ontem. Uma ligação , pouca frases e minha vida tinha se transformado....

-Eu sei como é. 

Disse ele em lembrança do hospital, e com ele colocando o braço em volta de sua mãe a abraçando entristecida. 

-eu sei , também sinto saudade dele.ele era..... como eu gostaria de ter sido. 

-...hahaha, eu me lembro quando ele recebeu o posto de tenente da polícia. Estávamos na cerimônia, eu sentada na plateia , e ele disse.

-" Aquilo que se faz por amor está sempre além do Certo e do errado" foi antes de descobrir que eu estava grávida.

-Sério ? 

Disse ele pensativo por ouvir tamanha frase. E olhou destrói da caixa , ao lado de uma foto de Jason e seu pai . Uma arma enrolada em um pano vermelho escuro. Com ele pegando é com o sentimento de incômodo e medo.

-Era dele não é?  

-A que ele comprou. Sim. 

-Eu me lembro.

Disse ele a enrolando de novo. E ela passando a mão sobre os olhos , e balançando a cabeça.

-bom , é melhor você voltar a dormir. Amanhã você .... aê não tem aula amanhã. 

-sim . Ainda bem.

Disse ele se levantando e pegando a caixa , a pondo por cima de uma pequeno armário sobre o quarto , e ela se deitando . E o Jason ajudando ela a se deitar , e com ela em um olhar vasto para ele , com o rosto triste mais sorrindo.

-prometa para mim . Que não vai morrer. 

Disse ela segurando a mão de Jason, com a fala perfurando o sei peito , com o gelado sobre o estômago , segurando firme. Lembrando da sentença de morte .

-.....mãe...

-Jason. 

-eu prometo . Eu não vou morrer , enquanto você viver. 

Disse ela com ela abraçando ele com lágrimas , com ele entristecido sem chorar , mais com o coração em pedaços

-obrigado filho. Eu te amo. 

-.....

E com isso ela foi dormir , com ele saindo do quarto fechando a porta e com ele caminhando de volta ficando de frente a escada , mais ele caminhou ate a porta , saindo ao lado de fora , com tudo escuro e quieto a chuva caindo normalmente , com ela árvore na calçada com um galho para frente de lado com a calçada com o carro estacionado a frente dela. E o Jin estético com o olhar frio caminhou até a árvore. E no reflexo do vidro do carro , ele via sua imagem distorcida e deformada. Com ele enchendo o peito e os olhos de lágrimas, se entregando ao choro . Encostando as costas na árvore , pondo as mãos sobre os olhos , soluçando enquanto chorava , segurando os braços se encolhendo nos joelhos, segundo depois de lamúrias . Ele olha para cima com a chuva caindo sobre seu rosto, sequer reparando as lágrimas . Ele fechou o rosto em desilusão. E se levantou caminhando de volta a porta .

    Com o nascer do dia , o Jason descendo a escada após acordar , com a mãe dele preparando o café da manhã, Midori sentada sobre a mesa , ainda desenhando . 

-bom dia a todos. Bom dia mãe , bom dia Midori.

-Bom dia Jason.

-Bom dia. 

Disse ele se sentando na cadeira em frente a mesa , a mãe dele colocando o prato com o café da manhã.

-o que qui é isso aqui ?!

Disse ele levantando uma fatia de algo parecendo carne seca marrom ,com o rosto em dúvida.

-Bacon vegetariano.

-ein? 

-acredite se quiser , é zero colesterol , e tem o mesmo gosto. 

-parece aquilo que usamos para concertar o aquecedor. 

-Engraçadinho.

-eu to brincando..... tem o mesmo gosto , mais é como marcar tabaco.

-para com isso Jason. 

Disse ela enquanto Koy descia as escadas , acabando de acordar se sentando do lado do Jason.

-Nossa. 

Disse ele olhando o estado dela , com a aparência grotesca. 

-agora sabemos como você seria se fosse uma bruxa ou fosse possuída sei lá. 

-cala a boca Jason. 

-Tá bom. Tem uma aranha na sua cabeça.

-Aí aonde?!! 

Disse ela balaçando a cabeça em susto 

-a não , é o seu cabelo mesmo. 

Disse ele com ela dando um soco no braço dele , sorrindo de leve , não querido rir. 

-parem vocês dois. Aqui querida. 

Disse sua mãe , pondo o prato sobre a mesa em frente a Koy , com a mesma reação que o Jason.

-o que é isso ? 

-bacon vegetariano..... estamos controlando o colesterol..... pelo menus eu acho . 

-Bom eu não posso comer nada muito calórico . Para cuidar bem do meu corpo.

-Para acordar parecendo um urso? 

E ela virou outro soco no Jason , sorrindo junto com ele. 

-bom Jason , você vai junto com a gente ? 

-oi ? Aonde?  

-levar a Midori no curso de arte. E eu a Koy vamos comprar as roupas para ela. E você? 

-Acho que vou junto com vocês. 

    Com todos saindo de casa , e o Jason por um momento olhando a árvore sobre a calçada , com o cabelo para trás , e uma blusa vermelha , com a calça preta , e um tênis vermelho e branco. Com as duas entrando na garagem, abrindo o portão , com um Chevrolet Celta cinza , e com o Jason passando BA frente 

-eu vou dirigir.

Disse ele levantando a mão para a sua mãe , em sinal para jogar a chave.

-não sei não....

-qual é por favor... você sabe que eu dirijo bem .

E ela sorriu cedendo e jogando a chave para o Jason , com ainda com o rosto sério entristecido, e lançou um rápido para a árvore a frente da sua casa , e entrando no carro com uma longa tosse roca e forte. 

-ei , você tomou um remédio ? No gostei muito dessa tosse.

-a...eu adorei , você bem imagina. 

Riu o Jason colocando o cinto de segurança , se virando para trás , olhando pelo vidro traseiro do carro, Acelerando devagar saindo da garagem virando para a direita e seguindo para a esquerda. 

    Com o tempo parando a frente de uma loja de roupas , em meio cidade movimentada , ele estacionou um pouco para frente da loja, com todos saindo do carro , viu doís garotos da sua escola , amplos com roupas relaxadas , e moletons grandes. Olhando para eles e sussurrando um para o outro , e em seguida rindo . Imitando desenhando em um caderno e continuaram rindo . Jason olhou virando o rosto sério , olhando os dois em brincadeira com Midori, que ignorava desenhando. E ele virou olhando para ela , e depois para eles . Com os olhos ficando baixos e sérios , intimidações e frios , ficando com a postura reta, mais fechou o rosto , relaxando o corpo , seguindo com a Famila esperando perto da loja sem perceber , com ele há mais relaxado entrando esquecendo o que houve. 

   Com eles adentro da loja comprando as roupas , até sorrindo, em momentos de indecisão, e de risadas com piadas do Jason . Que comprou somente uma blusa preta e uma calça azul escuro. 

Que saindo da loja , os dois permaneceram do outro lado da rua , e estavam fumando um cigarro , e quando o avistaram , bateram a mão no peito do outro apontando para eles . Como desconforto se Jason voltando , com o rosto reprimido raiva , e a dor no peito voltando , com ele passando a mão sobre o peito . E com o momento da Midori andando , e tropeçou na quebrada da caçada , e caiu no chão , batendo as mãos no chão e l caderno caindo para frente , que causou aos dos rindo , com mãe de Jason percebendo olhando para eles indignada e com Koy ajudando a Midori a levantar, e ele deus uns passos em direção aos garotos , e o Jason segurou o seu braço , com o rosto fechado , e balançou a cabeça em sinal de não. Com ele olhando se convencendo, com o Jason abrindo a porta para a sua mãe , entrou no carro com o Jason segurando sua mão em cavalherismo. E passando pela frente do carro abrindo a porta e se sentando no banco , e olhou pela janela , os dois ainda rindo. E ele sentindo o coração batendo rápido e quando deu por si, saiu do carro e foi até a janela da sua mãe

-eu vou comprar uma coisa ali. 

-o que ? Agora ? 

-é rapidinho , espera um pouco .

E ele do lado do carro correu o contrario do carro , e com o fim da rua atravessou a rua , continuou correndo com o rosto já agitado , e com um muro pequeno de tijolos , do lado da rua contrária do carro , e correu pelo muro e segurou na borda se levantando rápido , e pulando do alto dele . Em um terreno baldio . 

   E os dois garotos continuavam fumando o cigarro , olhando para eles no carro furtando sarro , e a mãe de Jason já estressada, saiu do carro , com raiva . E quando deu um passo pela calçada , ele olhou para o outro lado da rua . O Jason apareceu do outro lado na esquina . E equanto eles estavam destraidos o Jason chegando próximo , deu um soco no rosto do primeiro e segurou o outro pela blusa jogando ele para frente , do outro ele segurou pelas costas e o cabelo , bateu três vezes o rosto dele contra a parede , e jogou ele para frente com o outro se levantando . A mãe dele com a mão em frente a boca , olhando aquilo um pouco assustada , com o garoto que foi empurrado de frente ao Jason 

-eu vou acabar com sua raça. 

-vai ! Tenta a sorte! 

Disse ele abrindo os braços para cima 

-vai ! Tá esperando sua namorada ? Por que já bati nela também ! 

Disse ele , enquanto o outro garoto gemia no chão , com o nariz e a testa sangrando . Com o cara já intimidado , indo Para trás , devagar. E o Jason com o rosto sério sem nenhuma expressãoe com ele para trás intimidado 

-cara maluco...você é um otário cara... vem cara vamos embora. 

Disse ele indo embora, segurando o ombro do seu amigo . Com o Jason virando o rosto para sua mãe que ainda estaca chocada , olhando para ele , com a não um pouco suja de sangue . E Jason balançando a boca sem saber o que dizer. 

   Já com eles voltaram em casa após deixar a Midori no curso . Com o Jason tirando as coisas do carro , e tinha um carro da polícia parando na sua rua , e com Solenya e Koy dentro de casa com as outras compras. O Jason foi rápido para dentro pela porta da garagem , e deixou tudo na mesa , com a Solenya e Koy subindo pela escada para o segundo andar. E Jason voltou a garagem com visão ampla para a casa a frente , com os policiais indo em frente a porta de arma na mão. 

-.... mais o que ? 

E com isso um dos homens deu com o pé na porta , entrando de arma a frente , e dentro , vários homens correndo , com dinheiro sobre as mesas , e várias drogas pelos móveis. E o Jason caminhou até a calçada , de frente a casa sobre mandato. 

-que Merda é essa ? 

E ele escuta um barulho e um garoto da mesmo físico , com a roupa amarela , toda amarela , uma mochila nas costas. Saindo pela janela e agarrando o pé na janela e batendo no chão . Se levantando e vendo a mochila aberta , com o dinheiro dentro dela , e ele tentando juntar mo momento de desespero. 

-.....espera um pouco.....Jimmy?  

E o garoto pegou a mochila, vendo a rua vazia de policiais , ele viu o Jason de os na outra calçada 

-Jason ? 

Disse ele olhando para o Jason , e colocando o dedo para frente da boca em silêncio , e ele correndo pela rua e o Jason parado olhando ele correr . Virando o rosto vendo os outros dando algemados , ouvindo um dizer ao radio 

-prendemos Michael Jefferson. Vice está preso por contravenção e posse de dinheiro de roubo , posse ilegal de armas , de drogas, por assalto , roubo , furto você tem...

-o direito de permanecer calado. 

Disse o jason olhando para o lado de o chamado Jimmy correu. 

-Interessante. 

Disse Jason , virando as costas de frente ,de volta a sua casa .

   Já com o cair da noite , Jimmy continuava correndo , e passou por uma grade de uma casa , pulando por cima do portão se virando já relaxado

-As porra ! 

Gritou Jimmy dando de cara com Jason parado com as mãos no bolso. 

-que Merda ? O que você tá fazendo aqui ?! 

-Eu estava curioso.

-como me achou ? 

-Eu né lembro que você me disse que sua avó morava descendo a rua. Bom.... e aqui está você. 

-a de repente você quer falar comigo ? Assim do nada ?

Disse ele passando por Jason , clicando a mochila dentro da janela que da a um quarto, e fechando a janela 

-o que você quer Jason ? 

Disse ele 

-eu.... eu nunca achava que você daria grande coisa .

-hum...

-mais agora.....criminoso? De roubo e furto e armas ? Potz juro que fiquei surpreso. 

-não sei o que você tá falando,White.

-a claro , você me chamava assim no colégio. 

-Fala o que vocêquer de uma vez(caralh..)

-você perdeu tudo hoje certo ? Primeiro encontro ? Não é? Foi a primeiro vez que foi lá não é?  

-Como você sabe ? 

- você saberia que pelo outro lado seria mais rápido. Perdeu grande parte do seu dinheiro , seu parceiro...Michel Jefferson. Certo ? 

Disse o Jason com o Jimmy balançando a cabeça em pensamento. 

-rola muita grana né ? 

-Talvez... 

Disse ele com o Jason , colocando as mãos sobre os bolsos. O Jimmy se sentando em uma cadeira no jardim. 

-Talvez...você e eu podemos ser parceiros. 

-você ? O que você fumou cara ? Você quer virar criminoso ? Você e eu? Eu e você ? 

-Ou você aceita . Ou te entrego para a polícia 

Disse ele como o Jimmy fechando o rosto em surpresa e desconfio

-não tem volta Jason... não é um mundo para gente que nem você. 

-por que não conheceram ninguém como eu.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...