História That's My Girl - Capítulo 41


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Tags Camren, Camreng!p, Laureng!p
Exibições 654
Palavras 2.001
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Esporte, Famí­lia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 41 - Forty one


Fanfic / Fanfiction That's My Girl - Capítulo 41 - Forty one

 

POV   MEGAN

 

Acordei sentindo um cheiro de álcool, abri meus olhos mas os fechei rapidamente, meus olhos sempre foram sensíveis a luz, abri os olhos depois se longos segundos, olhei ao redor e que estava no quarto de um hospital, senti minha cabeça doer, assim como meu corpo todo, quando tentei me sentar

Senti uma mão sobre a minha, olhei pras nossas mãos que estavam com os dedos entrelaçados, e depois olhei pra Aline, que dormia toda torda sentada em uma cadeira ao lado da minha cama. Apertei sua mão com certa força diversas vezes, até que ela se moveu na cadeira e pareceu acordar

 

- Você acordou -Aline disse se levantando 

 

Ela ficou em pé do lado da cama

 

- Como você está se sentindo? -ela perguntou preocupada

- Um pouco dolorida, como eu vim parar aqui? -perguntei 

- Você não se lembra? 

- Eu me lembro do acidente, só isso -respondi 

- Um garoto que estava passando, te viu no chão e chamou a ambulância -ela explicou

 

Olhei pra minha barriga, e senti um alivio ao ver que ela ainda estava ali, no mesmo tamanho de antes, coloquei minha mão livre sobre minha barriga

 

- O medico disse que ele tá bem, não aconteceu nada com o seu bebê -Aline falou me fazendo sorrir

- Nosso...ele é nosso bebê -corrigi

 

Olhei pra Aline que me olhou na mesma hora, ela sorriu largo

 

- Nosso? -ela perguntou e eu assenti

- Sim, eu não vou mais dar ele pra adoção, eu vou ficar com ele, ficar com o nosso filho -respondi

- Eu sabia que você iria mudar de ideia -Aline falou

 

Ela se abaixou e deu um beijo no meu rosto, pra depois me dar um selinho

 

- Eu vou chamar o médico pra ver como você está -ela falou porem apertei mais sua mão

- Fica aqui comigo, por favor -pedi

- Seus pais estão lá fora esperando noticias, eu tenho que ir avisar eles que você acordou -ela respondeu

- Eu quero ficar com você agora, só com você, só nos duas...

- Quem é você e oque você fez com a Megan? -ela perguntou rindo

- Super engraçadinha você -resmunguei

- Eu to falando sério ué, de repente você acorda assim toda amorosa e fofa comigo -ela falou e dessa vez eu que ri

- Não era isso que você queria? -perguntei e ela assentiu

 

Aline me deu mais um selinho demorado, começamos a conversar sobre marcar ultrassom pra sabermos o sexo do bebê, me lembro de conversarmos até meu sono chegar, e eu dormir naquela cama de hospital, sabendo que quando acordaria ela estaria ali ao meu lado, segurando em minha mão. Como pude demorar tanto pra perceber que a Aline era a mulher perfeita pra mim?

 

 

 

POV  CAMILA

 

- Cadê a Lo? -Hayden perguntou

 

Revirei os olhos. Eu não aguentava mais aquela loira aguada, ela era tão metida e intrometida, e ainda tinha coragem de roubar o apelido que eu coloquei na minha namorada

 

- Ela não pode vir, a irmã dela sofreu um acidente -respondi 

 

Respirei fundo diversas vezes pra não surtar, eu estava no meio de todas aquelas cobras, e agora, sem a Lauren pra me acalmar

 

- Meninas a coreografia ta perfeita, eu to muito orgulhosa do desempenho de vocês! -Normani disse a elas

 

Normani e eu combinamos que ela que falaria com aquelas garotas, o combinado era o mesmo com a minha namorada, todo mundo ali sabia que se eu fosse falar com elas iria acabar em briga, era sempre assim

 

- Acho que já está boa o bastante, o campeonato tá quase aí, agora é só esperar e pedir a Deus pra gente ganhar -Normani completou

- Eu acho que ainda podemos melhorar -Katherine resmungou

- Eu disse que está ótima, porem vamos continuar treinando, até o último treino -Normani falou

 

Pedi paciência pra Deus todos os minutos do treino, quando ele acabou, quase comemorei, faltou pouco pra isso. Sai do treino e entrei no carro do meu motorista, não demorou mais que vinte minutos e o carro já estava estacionando na frente do hospital, desci do carro e entrei no hospital, segui até o quarto que minha cunhada estava, dei duas batidas na porta e ela foi aberta pela minha sogra

 

- Oi -cumprimentei Clara com um sorriso solidário

- Pode entrar -ela falou

 

Clara deu espaço e eu entrei, ela fechou a porta e se aproximou da cama, Lauren e Chris estavam jogados no canto do quarto, os dois conversavam sério sobre algo, Aline segurava a mão da Megan, meu sogro e minha sogra estavam ao lado da maca

 

- Eu fiquei tão feliz quando eu soube que você acordou -falei pra Megan

- Eu também fiquei feliz em ter acordado, sou nova demais pra morrer -Megan disse

 

Nós duas soltamos uma risada baixa

 

- O que aconteceu com você? Como você sofreu o acidente? -perguntei realmente curiosa

- Eu não me lembro de muita coisa, eu me lembro do Zac me ligando, ele pediu pra mim me encontrar com ele lá, e quando eu cheguei eu só me lembro de um carro preto vindo na minha direção... -Megan respondeu- Eu nem consegui pensar direito, de repente tudo ficou escuro

- Você acha que foi ele quem fez isso com você?

- A polícia já está cuidando do caso -Mike respondeu a minha pergunta

 

Assenti positivamente com a cabeça, me afastei da cama aonde Megan estava e fui até Lauren e Chris, os dois pararam de falar assim que me aproximei

 

- Amor você precisa descansar... -falei pra Lauren

- Eu já to indo embora já -Lauren falou

- Vem comigo, meu motorista tá esperando a gente lá fora -a chamei- Eu vou cuidar de você, você precisa descansar

 

Lauren apenas assentiu suspirando, peguei na mão dela e nós saímos de mãos dadas dali, fomos até meu carro aonde o motorista nos esperava, entramos e fomos pra casa dela

Chegamos na casa da Lauren e entramos, subimos pro seu quarto e ela logo se jogou na cama 

 

- Você não dormiu a noite toda né? -perguntei tirando meu tênis e ela negou com a cabeça

- Foi a Aline que ficou com a Megan no quarto, mas não tinha como dormir sabendo que minha irmã ainda não tinha acordado... Eu só conseguia pensar em diversas formas de matar o Zac depois que tudo acalmar -Lauren respondeu

- Você não vai matar ele princesa -falei me sentando na cama 

- Mas eu quero, quero torturar até ele morrer -Lauren resmungou

 

Ela deitou a cabeça em meu colo e eu comecei a acariciar seus cabelos negros

 

- Você ta cansada meu amor, descansa um pouco -falei

 

Continuei acariciando os cabelos dela, não demorou muito e ela dormiu com a cabeça em meu colo. Fiquei sentada apenas analisando ela, admirando a Lauren e seu rosto de anjo

 

 

 

POV   LAUREN

 

Já tinham se passado alguns dias e finalmente minha irmã saiu daquele hospital e voltou pra casa

Era uma tarde de sábado, estavamos almoçando em família, Aline e Ally estavam conosco, já Camila tinha ido viajar com seu pai e sua irmã, infelizmente, estava com saudades da minha boo

 

- Lauren leva os pratos -minha mãe pediu

 

Segui ela até a cozinha, peguei a pilha com alguns pratos e levei pra  grande mesa de madeira que tinhamos na parte de trás do quintal, coloquei os pratos sobre a mesa e me sentei ao lado de Ally e do Chris

 

- Cadê a Megan? -Aline perguntou saindo no quintal

- Ela ainda ta lá encima, ela disse que ta sem fome -Chris respondeu

- Eu vou lá chamar ela, ela precisa comer -Aline falou dando meia volta

 

Peguei um prato e comecei a colocar comida pra mim, minha mãe apareceu e se sentou na ponta da mesa

 

- Essa daí não deixa a Megan mesmo hein -meu pai comentou fazendo todos nós rirmos

- Pelo menos assim quem sabe a Megan não toma jeito -falei

- A Aline é uma boa garota, temos sorte dela estar cuidando da nossa garota -minha mãe disse- Em falar nisso, cadê a Camila? 

- Ela tá viajando com o pai dela -respondi com pouco caso

- Ei, oque foi? -minha mãe perguntou

- Eu não gosto do pai dela, ele não dá atenção pra ela e pra Sofi, só pensa em trabalho, vive deixando as duas sozinhas, e quando volta, ele continua ignorando elas, ou age como se tudo fosse normal, como se fossem uma família feliz -respondi 

- Ele tem os motivos dele filha, ele tem que trabalhar pra sustentar elas -meu pai disse e eu neguei com a cabeça

- Ele caga dinheiro papai. Parece que ele foge delas, que ele não ama as próprias filhas 

- As vezes ele tem trauma, depois da morte da esposa -minha mãe disse dando de ombros

- Eu não sei, mas nada justifica ele abandonar as filhas e ficar viajando sem parar -falei

 

Megan e Aline apareceram no quintal e se sentaram conosco mudando de assunto.

 

...

 

Terminei de tomar banho, vesti um shorts de moletom, uma blusa do mesmo tecido e me joguei na minha cama, peguei meu celular assim que ele começou a tocar, estava recebendo uma chamada de vídeo, atendi rapidamente ao ver de quem era

Apareceu que estava conectando, não demorou muito e logo o rosto angelical da minha namorada apareceu na tela do meu celular, me fazendo sorrir 

 

- Oi boo -falei animada

- Oi Lolo -Camila respondeu quase que sussurrando

- Porque você tá falando desse jeito? -perguntei rindo baixo

- A gente ta no hotel e eu to no banheiro, meu pai e a Sofi tão dormindo no quarto -Camila sussurrou em resposta

- Ah sim, eu to com saudades... -confessei suspirando

- Mas a gente se viu ontem de tarde amor -Camila falou sorrindo

- Mas pra mim parecer uma eternidade -disse

 

Olhei em direção da porta assim que ela foi empurrada, Harley entrou no quarto e pulou na minha cama deitando encima de mim, ele estava enorme

 

- Lauren você tá aí? -ouvi Camila perguntar

- Sim Camz, é que o Harley entrou aqui -expliquei

- Eu deixei a empregada cuidando da Lola -ela disse- Ela cresceu bastante

- O Harley também, ele ta enorme, minha mãe fica louca com o tanto de pelos que ele solta pela casa -falei rindo

- Eu tenho que dormir agora, amanhã vou ter que acordar cedo, papa disse que nós vamos passear -Camila falou animada

- Tá bom -respondi

- Eu volto amanhã de noite, a gente se vê. Te amo 

- Eu também te amo minha pequena -declarei de volta

 

Encarei seu rosto por alguns segundos até que a chamada foi encerrada, bloqueei o celular e o larguei na cama, comecei a acariciar os pelos brancos do Harley até que Vero entrou no quarto

 

- A Lauren, tira esse cachorro daí, eu quero dormir -ela reclamou

- Podemos dormir nos três aqui, sem problemas -resmunguei fechando os olhos

- Harley! Harley sai! -ouvi minha amiga falar 

 

Abri os olhos e vi Vero pegando com dificuldade o Harley no colo, ele estava realmente enorme e pesado, ela o pegou e o colocou pra fora do quarto, fechou a porta rapidamente e veio até a cama

 

- Pronto, problema resolvido -ela disse

- Tadinho dele Vero -falei 

- Tia Clara já foi dormir, então ele vai ter a sorte de dormir dentro de casa hoje -Vero se deitou ao meu lado na cama

- Desliga a luz -pedi e ela negou com a cabeça

- Já deitei, desliga você -ela falou

- Então vamos dormir com a luz ligada hoje, porque eu não vou levantar não 

 

Me virei pro lado oposto da minha amiga, fechei meus olhos afim de dormir mais ainda assim sentia a claridade, oque não durou muito, Vero levantou resmungando sem parar e depois disso a luz foi desligada. Não demorou muito e o sono chegou, me fazendo dormir

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...