História That's what makes you beautiful - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Exibições 3
Palavras 1.131
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Você não sabe quem é Harry Styles?


Fanfic / Fanfiction That's what makes you beautiful - Capítulo 2 - Você não sabe quem é Harry Styles?

Eu já me imaginei fazendo várias coisas, trabalhando para sempre no café da minha mãe. Escrever livros, talvez fazer história na Universidade da Califórnia, fazer direto, medicina, arquitetura. Mas agora ser modelo? Não, isso nunca.

E era nisso que eu estava pensando enquanto todas aquelas pessoas estavam ali, passando diversas maquiagens caras no meu rosto, passando coisas no meu cabelo. Era nisso que eu estava pensando ao observar os diversos fotógrafos que passavam correndo com suas câmeras. Os mesmos iriam estar na minha frente falando que deveria ficar mais séria, ou deveria sorrir, ou ate mesmo fazer cara de confusa. Sei lá que coisas que os fotógrafos pedem.

Como eu acabei aqui? Bem, Becky voltou com aquela história do que aconteceu com Brad, e saber que daqui a pouco tempo ele estaria de volta. Bom, devido o que ocorreu encontrar com ele em algum lugar não era a coisa que eu mais queria no momento.

E foi assim que eu acabei em Londres, foi assim que eu acabei assinando contratos, e ali estava eu me preparando para o meu primeiro trabalho como modelo.

-Você está fantástica! –Disse Ellen, minha empresária.

Isso mesmo. Eu Magan Hall tinha minha própria empresária.

-Obrigada Ellen, tenho que admitir que estou um pouco nervosa. –É obvio que eu estava mentindo, eu estava morrendo de nervosismo.

-Você vai arrasar. –Disse ela mexendo no celular. –Se Adam disse que você tem potencial, então é porque você tem. Ele nunca se engana.

Eu já estava morando em Londres há três semanas, e tenho que admitir, a saudade de casa apertava forte no peito. Mas fazer o que? Adam estava confiando muito em mim, e para o meu primeiro trabalho, tenho que admitir, eu estava ganhando MUITO bem.

-Todos estão prontos? –Perguntou um dos fotógrafos. –Harry já está aqui?

-Estou aqui sim. –Disse uma voz atrás de mim. –Estou pronto.

-Ótimo. –Disse o homem vindo em minha direção. –E você querida, já está pronta?

-Estou sim. –Respondi olhando para trás.

-Já que os dois estão aqui acho que podemos começar. –Disse ele nos levando até à frente de uma tela branca. –Harry querido, você fica em cima do X vermelho. E você, –Disse ele falando comigo. –Vá para o X branco.

Para a minha surpresa teria que fotografar com outra pessoa, e mais uma surpresa, o X estavam perto demais um do outro.

-Primeiro trabalho? –Perguntou o garoto que aparentemente se chamava Harry.

-Estão na cara assim? –Perguntei rindo. –É o primeiro sim, e você? Primeiro também.

Por algum motivo o garoto achou graça na pergunta.

-Você está falando sério? –Perguntou ele abrindo um sorriso.

-Por quê não estaria?

-Acho que não me apresentei direito. –Falou ele meio envergonhado. –Prazer, sou Harry Styles, do One Direction.

-Ah! –Falei lembrando o nome. –Você é um os garotos daquela banda. –Legal, sou Megan Hall, só Megan Hall mesmo, de nenhum lugar.

Eu tenho que admitir que fiquei um pouco envergonhada por não ter conhecido o garoto, mas eu culpa eu tenho? Eles estouram no ano passado, e bem, eu não havia muito tempo para escutar músicas de um banda pop inglesa. Eu tinha que lidar com outras coisas, por exemplo, me livrar dos ferimentos e sair logo daquele hospital.

-É um prazer conhecê-la Megan Hall de nenhum lugar. Um prazer mesmo. –Disse ele sorrindo.

-Bom queridos, acho que podemos começar a sessão. –Disse o mesmo fotografo de antes.

Eu nunca havia visto tantos flashs na minha vida, e eles vinham de todas as direções possíveis. Eu não sabia se me preocupava com o cabelo, se me preocupava pelo fato de um garoto (quase desconhecido) estar ali me abraçando como se me conhecesse a tempo. Não sabia se me preocupava com os milhares de flashs ou se deveria me preocupar com qualquer outra coisa.

-Relaxa. –Falou Harry sussurrando no meu ouvido. –Você está indo muito bem.

Tomara que não desse para enxergar nas fotos, mas naquele momento eu me arrepiei dos pés a cabeça. Ele tinha uma voz tão rouca.

Fiz o que ele disse e tenho que admitir que as coisas começaram a fluir naturalmente. Eu não precisava mais esperar a voz de alguém para fazer certa cara, sabia o momento certo para troca-la. O garoto do meu lado já não era mais um problema.

Para minha surpresa tudo passou muito rápido.

-Você foi incrível Megan. –Disse Ellen do meu lado enquanto trocava de roupa. –Você sem duvida nasceu para o negocio. E você e Styles, meu Deus, quanta sintonia!

-Obrigada Ellen. Espero que eu tenha causado uma boa impressão em todos.

-Com certeza causou. –Disse Ellen apontando para a porta. –Harry está ali fora, disse que quer falar com você.

Aquilo fez meu coração congelar por um segundo.

Abri a porta e ali estava ele já vestindo suas calças jeans e blusa branca.

-Vou sair para vocês conversarem melhor. –Disse Ellen. –Amanha eu te ligo Megan.

Me despedi e virei para Harry.

-Então Harry do One Direction. Queria falar comigo?

Harry sorriu e disse.

-Bom, os garotos e eu. Os outros do One Direction vamos dar uma festa na nossa casa hoje a noite. Queria saber se você estava a fim de ir.

-Uma festa? –Eu não ia a uma festa de verdade desde o que aconteceu ano passado. Mas por algum motivo, talvez o sorriso, ou talvez a voz de Harry me convenceram, e quando me dei por si já havia respondido. –Claro. Que horas?

-Apareça lá pelas 8 horas, horário que começa a reuniãozinha para os mais íntimos.

-Perfeito. –Disse pegando minha bolsa. –Prazer em conhecê-lo Harry. Tchau.

Deixei ele sozinho na sala e fui para o estacionamento pegar meu carro. Mas pela minha surpresa havia um grupo de rapazes encostado nele.

-Com licença. –Falei para um que estava de costas para mim, trancando a minha passagem até o veiculo.

-Sinto muito, mas nada de entrevistas por hoje. –Disse um moreno sem olhar para trás.

-Que mané entrevista. Eu só quero ir até o meu carro. –Falei irritada.

O moreno finalmente se virou e olhou para mim.

-Ah, claro, desculpe. –Falou ele levando a mão até a cabeça envergonhado. –Qual é o seu nome princesa?

-Primeiro de tudo, qual é o seu nome? –Perguntei indignada. –E segundo, quem é você para me chamar de princesa?

-É serio que você não sabe o meu nome? –Disse o moreno mais envergonhado ainda olhando para os amigos.

-E por quê eu deveria saber? Eu hein. –Falei esbarrando nos garotos e indo até o meu carro. –Os ingleses são todos estranhos. –Disse baixinho entrando no carro.

Seria um longo caminho até a casa, e não porque não sabia chegar ou algo do tipo. Só não havia me acostumado com a mão inglesa ainda.

-Até que os garotos eram bonitinhos. –Falei  sozinha no carro.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...