História The Fucking Assault - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bunnyhyung, Jikook, Namjin, Vhope
Exibições 108
Palavras 960
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Lemon, Mistério, Survival, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leituraaaaaaAAAA :D


dsclp ser retardada desse jeito '- mas eu amo tanto vcs <3



Capítulo 2 - One


18 de Novembro, Seoul

 

 

2:12 -- Começando a brincar com fogo

 

Atordoado, abriu os olhos sorrindo vago, levantou suspirando da cama bagunçando os cabelos morenos, vamos assaltar a mansão Park! Pensou o moreno sorridente

 

-- Hoje rende -- Sorriu começando a lavar o rosto

 

.

 

.

 

.

3:30 -- Vamos brincar..

 

[ ~ ]

 

-- Vai! -- HoSeok diz para o moreno sair da vã e entrar na mansão rapidamente, porém o mais novo estava aflito

-- E se tiver alguém?

-- Não tem, para de cu doce. Sério Jungkook, em todos esses meses e uns anos, acredita que eu possa te meter em uma furada? -- Perguntou o ruivo com semblante desanimado

-- Meter em outro lugar seria melhor. -- Riu debochado sentindo um tapa no ombro direito

-- Vamos Jungkook, sai logo.

-- Aish! Olha eu vou sair, mas se tiver alguém dentro daquela casa, as suas cabeças irão ficar fodidamente fodidas

-- Tá tá, anda sai.

-- Não é pra tranzar no carro ouviram? Tenho que ficar na escuta -- Disse sério. Estava sentindo que alguém se encontrava na casa grande…

 

Depois de sair do carro, andou colocando o capuz sobre a cabeça começando à escalar o muro limpo

-- Ele entrou -- O ruivo cutucou o seu hyung que apenas observava as ruas desertas

 

 

Agora, pulado o muro, rolou pela grama olhando para os lados vendo à iluminação da bela mansão. Sorriu, mas como se não tem ninguém na casa as luzes estão acesas? Respostas seriam boas à essa hora, estava fodido.

Deu de ombros começando a andar devagar dando à volta pela mansão e olhando o mapa que Yoongi hyung fez, e seguiu. Deu de encontro com a porta dos fundos, a lavanderia. Entrou devagar começando à vasculhar o cômodo e roubar algumas coisinhas, nada íntimo. Seguiu o corredor escuro descendo as escadas, a casa se encontrava escura

 

Entrou pela porta ainda seguindo o mapa mal iluminado, tinha que prestar atenção, vai que entra em algum cômodo errado? Iria mudar sua rota e seus hyungs iriam ficar desanimados. Passou por uma porta branca, porém não deu importância, continuou seguindo sem fazer um mísero barulho soar, porém havia pisado em uma coisa macia que soltou um miado escandaloso.. uma porta se fechando..

 

Estava uma pessoa na casa.

 

Olhou desesperadamente para trás assustado, porém nada, apenas o corredor sóbrio. Seguiu em frente novamente olhando uma ou outra teia de aranha pelo canto das paredes, mas deu de ombros, já assaltou lugares piores

 

Um barulho.

 

Caralho, cacete…

 

Rapidamente repetiu o pensamento de uma pessoa na casa presente, pegou o celular enviando uma mensagem aos hyungs rezando para os mesmos não estarem se comendo no carro, estava aflito demais e completamente fodido

...

Estava esperando à mais de 8 minutos até sentir sua cintura presa por mãos desconhecidas e um braço rodear seu peitoral, JungKook havia soltado um gemido? Sim, mesmo não sabendo quem era, talvez seria uma brincadeira idiota de Yoongi hyung, mas o mesmo não tinha braços tão desenvolvidos comparado à esse

 

Uma voz.

 

-- Quem é você e o que está fazendo aqui? -- Disse roucamente na orelha do mais novo que arfou com o ato -- Anda, responde idiota! -- Continuava à apertar mais o garoto

 

 Merda!

-- Me solta! -- Se debateu tentando sair dos braços do mais velho mas foi em vão -- Se você me soltar conto tudo! Eu juro! -- Uma estratégia surgiu

-- Cala sua boca eu não caio nessa. Tsc, ridículo -- Debochou. Esse era mais esperto, mas Jungkook era mais, será?

-- M-me solta, e-eu não consigo f-falar a-assim -- Fingiu ser esmagado para o mais velho lhe soltar, um ótimo ator, o ruivo então lhe soltou confiante de que poderia dizer algo sobre si

 

Tão bobinho...

 

Jeongguk deu um sorriso e começou a correr em disparada até a porta, descendo as escadas rapidamente enquanto Park estava atrás de si correndo na mesma velocidade. O moreno foi atirado pela parede sentindo outro corpo colar ao seu, ambos respiravam ofegantes. Park então envolveu seus braços lado a lado da cabeça do mais novo que arfava, sorriu de canto sabendo que ele iria correr de si, mas antes Park havia trancado a porta impossibilitando do moreno sair nem que arrombasse-a

 

-- Ótima estratégia, porém a porta está trancada -- Aproximou da orelha alheia -- Ainda não sei seu nome... -- O maior deixou a risada anasalada sair enquanto respirava sôfrego, o mais velho ainda sorrindo de lado. Quem vê os dois de um canto na parede, pareciam que estavam tendo relações sexuais

-- Aish… -- Sorriu fraco -- És muito esperto, pensei que não havia ninguém aqui…

Levou o corpo para trás colando mais os corpos, o mais velho se aproveitando da situação embaraçosa, simulou uma estocada que fez o moreno se bater na parede grossa enquanto gemeu baixinho. Riu, era tão divertido..

 

Porra... 

 

Esse menino é o diabo

 

-- Ainda quer saber meu nome?

-- Estou perguntando desde que chegou aqui não é mesmo? -- Ar puxado.. indireta mandada.. -- Espero uma resposta.

-- Bom.. meu nome… -- Sabia que o menor estava com a cabeça ao lado da sua por cima de seu ombro, com um movimento rápido, rapidamente mordeu a orelha do mais velho se soltando indo de seu destino até a porta da varanda

 

Park sorriu abertamente, simulava um lobo faminto atrás do cervo, verdadeiro psicopata. Jeon não sairia de jeito nenhum daquela casa, e não haveria problema nenhum já que os pais estão viajando e Park um grande filho do diabo. Jeongguk era tão doce...

 

Simpatias

 

Jungkook sabia que iria ser preso novamente, mas apenas queria se divertir para deixar o mais velho irritado consigo, Jeongguk um belo canalha prestes a brincar com fogo…

 

…Fogo


Notas Finais


"Lobo" ~ linda fanfic... Oskspsksosksk

<33 Bjoooss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...