História The Bad Boy - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts
Exibições 4
Palavras 1.274
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


❤❤

Capítulo 16 - The Angel of Evil...


Fanfic / Fanfiction The Bad Boy - Capítulo 16 - The Angel of Evil...

(Se possível leiam o capítulo escutando "Hug Me")

--> Por: Pah.

Quando voltei a realidade, eu estava numa das camas do quarto de Taehyung. Ele estava num dos cantos da sala, segurando Karina, que estava ajoelhada no chão, pelos cabelos. A mesma chorava silenciosamente. Namjoon parecia estar discutindo consigo mesmo enquanto tentava afastar Tae de Karina.  Me levanto vagarosamente e vou até onde eles estavam, parando atrás de Tae. "O maior pecado é não assumir que tentamos contra nosso irmão...". Coloco minha mão esquerda entre as omoplatas de Tae, que estava de costas para mim e o mesmo joga Karina no chão, Namjoon tenta ajudá-la enquanto ele se vira para mim com raiva, seguro seus pulsos com uma das mãos e acaricio seus cabelos com a outra.

- I'm sorry, I'm sorry, I'm sorry ma brother, Sumgyeodo gamchwodo jiwojiji anheo, Are you calling me a sinner? Museun mari deo itgesseo - sussurro enquanto o miro nos olhos. Ele cai no chão, com os olhos completamente brancos.

- Por que ele fez aquilo? - Karina pergunta abraçando Namjoon.

- Kari... Eu não sei... - ele fala a abraçando com força.

- Saíam... - falo escorando Tae na cama.

- Mas... - Namjoon começa, mas logo "arrasta" Karina para fora do quarto.

- You is the angel if evil... - me ajoelho em seu lado.

---> Por: Juliane.

Desembarcamos no aeroporto. Ótimo, agora só falta Jungkook acordar. Enquanto eu fazia o Chek-in, ele sentou numa das poltronas do aeroporto e dormiu. Eu poderia acordá-lo e gritar com ele, mas algo me diz que não. Ele era tão fofo dormindo...

Algo me incomodava... Mas o que?

---> Por: Karina.

Namjoon me arrastou para o meu quarto e me deitou na cama. Eu me levantaria, mas tudo dói... Ele cuidou de mim e no momento, estava sentado numa poltrona me encarando.

- Você é bonita... - ele fala.

- Obrigada... - falo sem graça.

- Será que ela tá bem? - perguntou ele.

- Não sei... Estou com medo... - falo e ele se senta na ponta da cama - E se ele a machucar?

- Ele nunca irá machucá-la... - falou Namjoon.

- Eu achava que ele não me machucaria... E olha o que fez comigo... - falo e o abraço, ele retribui o abraço e mexe em meus cabelos.

- Ele só conseguiria machucá-la se quisesse... Duvido que queira isso... - falou ele.

- Por quê? Não entendo... - falo chorando.

- O pouco que vi da mente dele, me provou que o amor que ele sente por ela não é humano... Mas não entendo qual tipo de amor seja... - falou ele e eu começo a chorar.

- Bom saber disso... - falo com raiva chorando mais e o abraçando mais forte.

...

---> Por: Paola.

- Foi isso que você fez... - falo me escorando na porta, após lhe contar tudo.

- Mas... Como eu tive coragem? Como tive a covardia de fazer isso com ela? - perguntava ele chorando sentado no chão, ainda no mesmo lugar onde usei o Anel de Cronos para controlar a mente dele e o trazer de volta a realidade.

- Tae... Eu lamento... Mas foi isso... - falo e ele chora incontrolavelmente. O abraço com força.

- Não lembro o que fiz ao certo... Mas lembro que... Coloquei uma bomba na cozinha... Precisamos sair daqui... Agora... - ele fala se levantando.

- Sai daqui e eu vou procurar a Karina... - falo indo até a porta e ele segura meu pulso na fechadura.

- Diz pra ela que eu... Sinto muito... - ele diz com os olhos lustrosos, pelas lágrimas que ele impedia de rolar.

- Ok... - saio do quarto mas o escuto.

- Seu idiota!!! Como você pôde??? Eu te odeio Kim Taehyung!!! Te odeio!!! - gritava ele.

--->Por: Juliane.

Kookie acordou e pegamos um táxi.

--> Por: Namjoon.

Eu estava abalado vendo Karina daquele jeito... Queria vê-la feliz, queria dizê-la o quando a amo e o quanto sofro vendo-a deste jeito. Do além, brotam duas pessoas desesperadas no quarto.

- Vamos embora... Isso vai explodir... Tae, temos quanto tempo? - falou Paola pegando duas malas.

- Temos meia hora... 30 minutos... Arrumem tudo... A bomba não pode ser desarmada... - Tae saiu correndo.

- Bomba? - Karina levantou alarmada.

- Ele colocou uma bomba enquanto estava sob transe... - falou Paola colocando diversas coisas na mala. Livros do Instituto, armas, arco e flecha, poções, tudo do gênero. Ela lota apenas uma das malas e assim, guarda a outra.

- A explosão não vai ser real... Mas como você sabe sobre nós, pode morrer se ficar aqui... - falou Namjoon.

- Qualquer um que conviva conosco se tal forma, sentirá o impacto... Karina... Vai lá pra fora... Namjoon vai pro seu quarto e pega as coisas de Hirmia... - falou Paola. Me levantei e saí, quando olhei para trás, Karina estava saindo do internato.

Vou para o meu quarto. Começo a arrumar tudo, com Tae ao meu lado, mas sem mirá-lo ou dirigi-lo a palavra. Ele saí e escuto alguns sussurros...

- Eu vou para Ridery... - falou Taehyung.

- Tae... Você não está sendo coerente... Não... Você a ama não ama? - dizia Paola.

- Amo mas... - ele faz uma pausa - Não posso ficar com ela... Não... Nem sequer humano eu sou... - ele falava com a voz embagada.

- Tae... Estamos juntos nessa... Nunca se esqueça... Se você não é humano... Eu também não sou e... É uma pena... - falou ela - Para você... Para vocês... Mas... Tae... Você foi terrível com ela... Lhe dê um tempo...

- Eu vou tentar... - ele fala se dirigindo a saída da escola.

Karina já estava lá fora quando saí. E Paola parecia estar desenhando algo no chão.

- Não sabia que acredita nas runas... - eu falo me ajoelhando ao seu lado.

- Não é questão de acreditar... É questão de que essas coisas funcionam... - ela se levanta e eu a acompanho.

- Vem... Não vai adiantar nada ficar aqui... - ele diz.

- Das cinzas eu vou... Das cinzas eu vim... Não vai ser você... Que vai tirar isso de mim... Eu sou, eu sou, eu sou... Eu sou indestrutível... Impossível me derrubar... Quero ver você tentar... - ela canta.

- Quer ver é? - eu a pego no colo e ela começa a rir e se debater. A derrubo dentro da fonte de água em frente ao colégio e ela resmunga zangada enquanto saía de lá encharcada...

- Te odeio... - ela ri e tudo vai aos ares...

...

--> Por: Karina.

Juliane e Jungkook haviam chegado e... Como explicar pra ela? Ela estava com raiva de Kook... Trancada no quarto comigo e gritando com a parede.

Eu vou para a varanda do quarto e fico lá, admirando as estrelas.

- I'm feeling like I'm famous, The talk of the town, They say I've gone mad, Yeah, I've gone mad, But they don't know what I know, Cause when the sun goes down,
Someone's talking back, Yeah, they're talking back... - canto e me sento num banco ali presente.

...

--> Por: Paola.

Eu estava no jardim, olhando pro estrelado céu... E uma música me vem a mente...

- At night when the stars light up my room, I sit by myself, Talking to the moon, Trying to get to you, And hopes you're on the other side, Talking to me too, Oh, am I a fool who sits alone, Talking to the moon... - canto admirando o lindo céu.

Tudo é tão lindo... É uma pena que pode...

Acabar...


Notas Finais


Tá aí...Bj


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...