História The Beggar - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Tags Drama, Humilhação, Romance
Exibições 122
Palavras 1.272
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá gente, desculpa a demora, mas é que eu estava sem tempo pra posta e sem idéias para escrever. Desculpem mesmo

Gostaria de dizer bem vindo aos leitores novos ❤

Então, mas um cap, novinho espero que vocês gostem. Eu achei que ta meio chatinho esse, mas tem que fazer parte da história, mas prometo wie o próximo será bom... Assim espero 😂.


Então não vou mais enrrolar aqui, BOA LEITURA AMORES ❤❤


E me perdoem pelos erros, eu revisei mas sempre escapa, um... 🙄

Capítulo 8 - 7• Capítulo ★



Meghan Pov's

Eu devo ter passado o resto da tarde com um sorriso idiota no rosto. Mas tambem quem no meu lugar, e com a mesma situação que nem a minha, não ficaria?

Eu passei o resto da tarde toda ao lado de Justin, recebendo seus carinhos, vendo seus sorrisos, e recebendo seus beijos, que devo acrescentar que são ótimos. Nós assistimos vários filmes, de românticos a terror, oque me fez ficar agarrada a Justin o filme praticamente todo, e ele rindo de mim, dizendo que era tudo mentira, que o tal do Fred não aparecia nos sonhos de verdade só no filme, só que eu não acreditei muito nisso e disse pra ele que não iria mais dormi, oque fez ele ficar rindo de mim até cansar, e eu ter o maior privilégio de ver é ouvir sua risada maravilhosa.

E agora estou deitada do lado do homem, que fez eu ter a melhor tarde da vida até hoje, mesmo sendo uma tarde simples, com apenas a gente assistindo filmes, foi a melhor, porque foi ao lado dele, e tudo que eu faço ao lado dele pode-se dizer que é uma maravilha.

Estou com a cabeça sobre o peito de Justin, ouvindo seu coração bater,e sentido sua respiração calma, enquanto eu faço os contornos da suas tatuagens de leve, para não acorda-lo. Levanto minha cabeça do peito de Justin para confirmar, se está dormindo. Observo seu rosto sereno, até dormindo ele fica bonito. Me ajeito no travesseiro ao lado de Justin, e volto a observa, cada traço do seu rosto desde da suas pintinhas e a falha que ele tem na sombrancelha, a sua boca rosada em formato de coração perfeita. 

Coloco de leve, minha mão em sua bochecha, e começo a fazer carinho, desço minha mão para seus labios, é os contornos com o dedo. Ate dormindo os labios dele ficam chamativos. Me aproximo mais de Justin, é encosto minha boca na sua, fazendo assim damos um selinho. Sinto a mão de Justin, que está na minha cintura, me aperta, e me puxar mas para perto de seu corpo.
Me afasto assustada, é vejo que Justin está acordado, me olhando com seus maravilhosos olhos cor de mel, com um sorriso de lado.

- Porquê se afastou? Estava tão bom. - fala ele com a voz super rouca, oque deixa meu corpo todo arrepiado. E acho que ele percebeu porque me puxou de volta pra ele colando nosso corpo novamente, está com um sorriso safado na cara.

- Eu achei, que estava dormindo. - falo abaixando a cabeça, e levado minha mão a seu peito, voltando a desenhar sua tatuagem de cruz que tinha ali.

- Eu tava, so que eu acordei quando senti suas mãos, contornado minhas tatuagens. É estava tão bom senti suas mãos em mim que não quis abrir os olhos. - fala Justin. Com certeza eu devo está com as bochechas vermelhas agora. Escuto Justin soltar um riso, e é levantar minha cabeça pelo queixo para olha-lo. - Ja disse que se fica linda com vergonha? - balanço a cabeça em negação, é olho dentro do seus olhos. Justin coloca sua mão nos meus cabelos, é começa a fazer cafuné. - Se eu não disse, estou dizendo agora, você fica linda com vergonha, pra falar a verdade você fica linda de qualquer jeito. - Diz ele me dando um selinho e em seguida, Justin vira a cabeça para seu lado esquerdo, e logo vira para mim de novo. - Posso saber, oque ainda faz acorda às três horas da manhã?, Não vai me dizer que está com medo do filme? Eu ja disse que aquilo e tudo mentira. - diz Justin rindo.

-  Não, eu não estou acordada, por causa do filme, eu sei que é mentira. Eu acredito em você, e para de rir seu chato. - digo pra ele rindo também.

- Então porque está acorda? - pergunta Justin, me olhando curioso.

- Pra falar a verdade, eu também não sei porque estou acordada. - solto um riso de leve e Justin me acompanha. - Eu só comecei a pensar, na tarde maravilhosa que eu passei com você, que acho que fique com medo de dormi, e acorda é ver que tudo não passou de um sonho, é ver que nossos beijos não foram real, que o que sinto por você não é real sabe. Acho que é por isso que não dormi ainda. - Digo para Justin. Tudo oque eu disse e verdade, tenho medo de acorda e ver que tudo não passou de uma mentira da minha cabeça.

- Você, não tem que se preocupar com isso pequena. Tudo que passamos hoje foi real, é eu quero que continue sendo bem real isso tudo que está acontecendo entre nós. Você pode dormi tranquila, que quando voce acorda eu ainda vou está aqui do seu lado, e se não estiver aqui estarei em qualquer outro comado da casa, pra te mostrar que é real. - disse Justin. Junto meus labios com o do Justin em um selinho rápido, encosto minha cabeça em seu peito novamente, é fecho meus olhos, sinto um beijo de Justin em meus cabelos e logo em seguida ele volta a fazer cafuné em mim.


(...)



Sinto uma luz forte sobre meu rosto, oque me faz abrir os olhos, devagar para não ficar cega com a luz. Me acostumo com a claridade da luz do sol que passa pela janela. Pera janela?

Sento- me na cama rapidamente, e olho em volta é vejo que estou em um quarto, coloco minha mente pra funcionar e lembro que estou no quarto do Justin, que estou na casa dele. É real.
Olho para o outro lado da cama é vejo que Justin não está mais na cama, olho ao redor do quarto e Justin também não está. levanto da cama, é vou no banheiro, fecho a porta para o  caso de Justin aparecer. Vou até a pia do banheiro para poder lavar meu rosto e vejo que tem um papel escrito algo.

Bom dia pequena, dormiu bem? Separei uma  escova de dentes pra você é algumas roupas caso queira tomar banho, você já sabe aonde fica as toalhas. Te espero na cozinha.

Xx Justin...

Fico sorrindo sozinha com o bilhete de Justin, coloco o bilhete em cima da pia novamente, e vou tomar banho...

Depois do banho e ter feito minha higiene, visto a roupa que Justin separou pra mim, uma calça moletom, é uma blusa preta. Visto minhas roupas íntimas agora lavadas, e logo depois as roupas que Justin separou para mim. Penteo meus cabelos, deixando novamente meus cachos soltos, e vou atrás de Justin.

Quando estou chegando perto da cozinha, escuto a voz de Justin falando, com alguém. Entro na cozinha, e vejo Justin conversando com uma mulher que é bem familiar para mim, ela estava fazendo, se não me engano panquecas, enquanto Justin estava sentando nos bancos perto do balcão de braços cruzados, conversando com ela.

- Bom dia. - falo baixo. Justin para de falar e olha pra mim, ele da um sorriso é levanta do banco que estava sentando, se aproximando de mim.

- Mãe essa é Meghan, e Meg essa é minha mãe Patricia. - Me apresenta Justin a sua mãe. Caramba é a mãe de Justin, é se ela não gosta de mim? É se ela me tratar mau que não o pai dele? Droga oque eu faço? Olho para Justin que está com um sorriso radiante. E logo em seguida olho para Patricia, que está me olhando seria.

- Então essa é a famosa Meghan.

[...]


Notas Finais


Então oque acharam?

Será que a Patricia, vai tratar a Meghan mau que nem o pai de Justin? Ou será uma sogrinha boa?

Comentem quero saber a opinião de vocês ❤

Beijos ate o próximo, que eu tentarei posta ainda esse mês...

† Gabi †


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...