História The Beginning - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Suga
Tags Bts, Min Yoongi, Suga, Você
Exibições 274
Palavras 885
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá <3

Bom quero muito agradecer o apoio das meninas que comentaram, me sinto mal por ter apagado tudo, mas acho que essa nova escrita vai ficar ainda melhor. Eu realmente não tenho palavras pra explicar o quanto vocês me motivaram a tia ama vocês ❤

Boa leitura :)

Capítulo 2 - Intense eyes


Fanfic / Fanfiction The Beginning - Capítulo 2 - Intense eyes

                        [ Yoongi ]

A imagem dela se tornava cada vez mais atraente, ao longe percebi que ela conversava com um dos psiquiatras. Queria saber mais dela, algo me encantou, um desejo súbito percorreu todo o meu corpo, queria ver seu sangue fluindo de encontro ao chão, queria apertar seu pescoço, queria feri-la e provar dos gritos de dor que ela me proporcionaria.

Ela percebendo que eu a encarava olhou-me com seus olhos felinos, sorriu de maneira encantadora mas nao foi só ela que me olhou. O psiquiatra ao lado dela me observou com o cenho franzido, parecia querer desvendar algo. Ele parecia incrivelmente familiar, será que eu já o vira alguma vez? Não! a resposta é clara, eu nunca o vi mas seus olhos pareciam muito familiar.

- Está gostando do passeio? - Perguntou Jin, o psiquiatra que deixará eu sair para o jardim.

Me virei em sua direção e observei os movimentos dele, ele parecia muito a vontade para alguém que estava ao lado de um psicopata. Voltei a olhar para a janela e percebi que nenhum dos dois estavam mais ali.

- Se passeio quer dizer olhar pela janela - Sorri, bufando - Quando vou poder me misturar com as outras pessoas?

- Em breve, você ainda não concluiu sua melhoria mas eu irei facilitar as coisas para você. De noite mandarei soltarem você e deixar você passear um pouco, mas preciso confiar em você - Falou com a voz firme.

Essa era a parte em que eu atuava, sentia o desejo de matar e ouvir os gritos desesperado pedindo por ajuda mas, eu não poderia demonstrar tal coisa. Olhei para o chão e entrelaçei minhas mãos, odiava ter que demonstrar fraqueza mas se só assim eu poderia conquistar o que queria, então seria assim que eu iria atuar.

- Você acha que depois de anos eu realmente faria algo contra alguém? Veja, eu nao tenho mais uma vida, as pessoas tem medo de mim... e só o que eu queria era... - Uma lágrima escorreu de meus olhos e minha voz se embarcou no choro - Eu só queria que as pessoas confiassem em mim

O silêncio se fez presente por alguns segundos e logo senti o moreno envolver seus braços envolta de meu corpo.

- Fique calmo, eu prometo que irei deixar você sair essa noite, hum?

[...]


As horas foram se passando e com ela minha impaciência, o anoitecer estava próximo e eu sentia meu sangue ferver em meu corpo. Aquela garota não me saia da cabeça, eu fiquei a imaginar o quanto seria prazeroso enforca-la, não antes de estupra-la, ou poderia ser depois de ter ela morta em minhas mãos, isso não faz diferença. Eu irei me aproximar dela, e quando isso acontecer, espero que ela reze para o Deus dela, espero que ele tenha piedade dela, pois eu não terei.


[...]

                    [ Seu nome ]

Observava minha imagem diante do espelho, meu corpo estava magro devido a falta de alimento, minha pele mais pálida do que de costume, e nela alguns hematomas causado por Jungkook. Bom não quero ter que pensar nisso.

Uma lembrança cercou minha mente, quem seria aquele menino de mais cedo? Seus cabelos eram esverdeados, seus olhinhos puxados e de incrível intensidade, mesmo ao longe percebi o quanto ele era bonito, podeira afirmar que ele era uma das pessoas mais bonitas daquele lugar, não parecia ser uma pessoa de boa índole mas, parecia ser tão lindo que desejei me aproximar dele.

O barulho da porta se abrindo me acordou de meus pensamentos, olhei em direção a ela e forçei um sorriso.

- Qual o motivo da sua visita? - Indaguei tentando manter a postura.

- Oras, você é minha paciente eu não posso deixar de trazer seu remédio - Respondeu Jungkook com a voz mansa.

Entregou-me dois comprimidos e me fez toma-lo, seus olhos percorriam meu corpo e ele mordia os lábios disfarçadamente. Quando terminei de tomar os remédios, ele virou-me de costas e passou suas mãos pelo meu braço, acariciando as marcas que ele mesmo tinha feito em mim.

- Você é tão linda, preciosa - Segredou-me com a voz rouca.

Sentia-me enojada por deixa-lo tocar-me mas, o que eu poderia fazer contra ele?

O sinal anunciando que alguns pacientes poderiam sair de seus quartos, se fez presente. Ele suspirou e deixou o quarto. Resolvi esperar um pouco e depois sai do quarto, indo em direção a biblioteca.

Não demorou muito e eu estava sentada em uma mesa afastada com um livro em mãos. A biblioteca costumava ser silenciosa, não tinha muitas pessoas que ficavam naquela área, apenas um enfermeiro na porta e a recepcionista que sempre dormia no expediente.

Sentia-me sendo observada e um arrepio percorreu todo o meu corpo, virei-me para trás e percebi quem eram os olhos que me encaravam, eram os mesmos da manhã. Ele parecia ser ainda mais bonito de perto. Seu cabelo levemente desgrenhado, o sorriso sorrateiro e seus olhos intensos.

- Prazer, eu me chamo Min Yoongi - Estendeu a mão em minha direção.

Todavia por mais que ele fosse bonito ele me trazia o incômodo, o mistério o cercava e isso manifestou um desejo incontrolável para descobrir mais dele.

- Prazer, eu me chamo ( Seu nome )

- Acho que seremos grandes amigos. você não acha o mesmo? Perguntou-me com a voz rouca.

- Eu concordo!


Notas Finais


Ficou pequeno mas como disse anteriormente já deixei vários capítulos pronto.

• Comentem e me digam o que acharam dessa nova mudança, quero realmente saber se agradou ou não, trago um novo capítulo no final de semana.

• Qual a teoria de vocês sobre o Jungkook?

• Deixarei aqui minhas outras fanfics, se alguém gostar sinta-se a vontade para ler :3

• Omma : https://spiritfanfics.com/historia/omma-7063935

• Submisso : https://spiritfanfics.com/historia/submisso-6413098

• Submissa : https://spiritfanfics.com/historia/submissa-6981586

• Permitir : https://spiritfanfics.com/historia/permitir-hiatus-6709070


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...