História The Black Snow Lótus - Capítulo 43


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Piece
Personagens Boa Hancock, Brook, Dracule Mihawk, Eustass "Captain" Kid, Franky, Jinbe, Cavaleiro do Mar, Monkey D. Dragon, Monkey D. Garp, Monkey D. Luffy, Nami, Nico Robin, Portgas D. Ace, Roronoa Zoro, Sanji, Smoker, Tashigi, Tony Tony Chopper, Trafalgar D. Water Law, Usopp
Tags Akuma No Mi, Angel No Mi, Comedia, Dark Fic, Drama, One Piece, Romance
Exibições 32
Palavras 1.713
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Bishounen, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Científica, Hentai, Josei, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Vou falar logo que a fic vai entrar em outro Hiato.....
Sim, sei que disse que não ia ter mais, mas não vai ser um mês (quase isso, mas tenho meus motivos), culpem o ENEM, tenho que me focar geral agora, além das provas do colegio ainda tenho que fazer uma boa prova nesse Exame T~T
O que significa: ESTUDAR TODAS AS MATERIAS QUE EU ODEIO, PORQUE É ISSO QUE VAI FAZER A DIFERENÇA EM ENTRAR OU NÃO NA FACU >n<
Bem, vamos ao pequeno capitulo e nos vemos dia 12.11.
Kissus doces e abraços de jujuba.

Capítulo 43 - Gold D Roger


Fanfic / Fanfiction The Black Snow Lótus - Capítulo 43 - Gold D Roger

Na sala do trono Kira finalmente voltava e não é nada bom chegar num lugar que sempre vem e ver pessoas, humanos na verdade, lhe olhando com cara de taxo ou pura antipatia. Bem, também não podia fazer nada, era seu trabalho e por algum motivo tinha também coisas a perguntar aqueles humanos.

– Oh Kira, que bom, leve agora o garoto para a sala. – falou Asgore apontando para Luffy ao seu lado que sorria como se fosse amigo do demônio rei a muito tempo.

– Sim meu senhor, mas.... – falou parando a reverencia que havia feito – Gostaria de perguntar uma coisa a esses humanos, se não for muita intromissão. – disse vendo a surpresa nos olhos do mais velho.

Kira nunca tivera interesse em humanos, o que era aquele repentina mudança ?

– Claro, faça a pergunta. – respondeu logo vendo a morena, essa que parecia também interessante já que sabia ler os Ponegliph.

– Aquela garota que levei, o que ela tem ? – perguntou fazendo tanto Zoro como Law suspirarem ao mesmo tempo – Ela parecia vazia uma hora, na outra sã, ela tem uma aura que ao mesmo tempo que espanta, atrai os demônios, o que é isso ?

– Aura ? – Robin olhou para os demais companheiros vendo que nenhum entendeu essa ultima parte – Bem, isso de aura não sabemos, mas ao que parece Yukino está com problemas internos, não sabíamos que ela tinha tantas almas dentro de si, muito menos sabíamos que eram elas que a controlavam até chegarmos aqui, estamos tão confusos quanto você.

– Normalmente ela não é assim, temos que conversar quando ela voltar. – falou Sanji vendo Luffy assentir – Capitão, é sua hora de ir, vamos esperar aqui ok ?

– Eu vou ver esse templo que Law mencionou já que o senhor Rei me permitiu dar uma olhada no Ponegliph. – falou Robin educadamente – Não devo demorar mais do que 1 ou 2 horas, acho que até lá estará tudo bem, certo ? – perguntou olhando para Kira.

– Infelizmente isso depende de cada um. – respondeu lembrando que no seu caso passara dois dias naquele quarto em seu próprio teste de força e mente – Pode durar alguns minutos para nós e lá sejam dias, ou pode ser dias aqui e lá apenas horas, não sabemos, além de que mesmo entrando alguém depois, não se encontra com a pessoa que veio antes, como vai ser o caso de seu capitão, ele não encontrara a menina, vai ter seu próprio teste. – disse explicando e Luffy nem dava a mínima.

Na verdade o mugiyara estava ansioso para ver que tipo de teste teria, ainda mais depois que conversar com Asgore, aquele demônio era super legal e com certeza se tornariam amigos, se já não eram. Provavelmente isso seja pelo haki do rei que ambos tinham, já que sempre há uma relação com isso, ou se tem amizade ou ódio para com essas pessoas, Shaks e Reiyleigh eram o caso de amizade, já Doflamingo, de ódio.

Kira finalmente satisfeito com suas perguntas respondidas e querendo a verdade sobre aquilo que o incomodava, levou Luffy para a mesma porta que Yukino, no entanto com o moreno foi bem mais fácil de conversar, o mesmo falava até de mais, por um momento pensou se não seria estranho virarem amigos, aquele homem lhe lembrava mesmo Roger. Logo o mais novo viu a porta e entrou sem nem ouvir os conselhos do demônio, esse somente suspirou e realmente pensou que isso devia ser coisa de irmãos, já que o mugiyara lhe dissera que era irmão da menina que levara antes.

P.O.V. Luffy

Uoooou, a Yukino entrou aqui ? Legal.

Parecia um mundo todo cheio de neve, mas não estava frio como lá fora, estava até ameno....Kishishishis, e então, o que tenho que fazer aqui ?

– Luffy. – senti uma pequena corrente pelo meu corpo e virei vendo Ace ali, sorri.

– ACE !!! – corri em sua direção e já tinha me jogado nele num abraço – O que está fazendo aqui ? Que surpres..... – parei sentindo algo molhado em suas costas – A-Ace eca, você está todo suado.

– L-Luffy.... – a voz dele ficou mais fraca e seu corpo começou a cair, acabei de joelho segurando-o assustado, olhei para minha mão através de seu ombro, molhada.....molhada de sangue.

Tudo a nossa volta mudou, foi quando lembrei desse dia, a Guerra, Akainu vindo me acertar, Ace ficando na minha frente para receber o golpe, e no fim........

Ele morreu.

Fiquei serio ouvindo as ultimas palavras dele naquele dia, sentindo novamente a dor da perda, novamente aquela vontade enorme de chorar, gritar, chamar pelo meu irmão. E quase fiz isso.

Por pouco não esqueci que isso era um teste, nossa isso realmente é ruim, tenho que lembrar que a Yukino o salvou naquele dia, foi graças a ela que Ace está vivo hoje.

– Desculpa Ace falso, mas eu sei que nada disso é real. – assim que falei isso tudo ficou branco novamente e do nada apareceu um homem a minha frente, tinha minha altura, acho que também minha idade, usava também meu chapéu tampando seus olhos, o encarei confuso por um minuto – Quem é você ?

– Muito prazer. – o estranho sorriu e estendeu a mão – Sou Gold D Roger. – abri a boca até onde não dava mais.

E-Ele....Ele é....O REI DOS PIRATAS ? ? ? SUGEEEE !!!!

– OOOOHHHH !!! – gritei com meus olhos brilhando mais que o Sol, acho que o deixei feliz de alguma forma. Apertei sua mão também sorrindo – Sou Luffy. Bem, você devia estar morto, mas mesmo assim: SOU EU QUE VOU SER O REI DOS PIRATAS ! – falei sorrindo ainda mais, o vendo soltar uma longa risada.

– HAHAHAHAH....Você é engraçado....Hahahaha..... – soltamos nossas mãos e nos encaramos – Sabe que isso não é real certo ? – pude ver seus olhos agora, eram castanhos escuros e os cabelos negros.

– Isso era para ser um teste, já passei ? – perguntei lembrando do ocorrido.

– Na verdade já sim, foi bem mais rápido do que imaginei. – ele falou olhando para cima, olhei também não vendo nada além do branco – Bem, eu também não sou real, mas admito que parte de mim sim, a verdade é que essa é uma parte da minha alma que deixei nesse lugar quando vim pela primeira e ultima vez. Tinha esperança de que alguém apareceria, mas parece que pelo o que você falou, eu morri.

– Sim, então você é mesmo o Roger, mas também não é o Roger ? – minha cabeça entrou em uma mini combustão então deixei de tentar entender – Bem, você é mesmo bem mais novo do que imaginei, o Ace iria querer te conhecer, se bem que ele já tem o Shirohige para ser seu pai.

– Hm ? Pai.....Shirohi....Ah, Newgate, nossa o mundo aqui fora mudou mesmo. – novamente ele sorriu e fiz o mesmo, gostei desse cara – Já que você passou pelo teste eu devia te deixar ir, mas é a segunda vez que um humano entrar aqui depois de mim.

– Ah sim, minha irmã entrou aqui antes de mim, viu ela por ai ? – perguntei pensando cadê a Yukino.

– Não, eu a senti entrar, mas não consegui a ver, como se algo me impedisse, deve ser algo relacionado a essa sala, foi estranho, mas você é bem forte pelo o que vejo. – vi que ele usava o Haki de observação em mim.

– Claro, o Reighley me treinou. – sorri confiante e vi o olhar surpreso do rei dos piratas....quem dizer, o EX-rei dos piratas, porque eu vou pegar esse posto – Ele era da sua tripulação certo ?

– Reighley te treinou ? – vi incredulidade em seus olhos – Seu nome é Luffy certo ? Qual seu nome todo ?

– Monkey D Luffy......Porque ? – naquele momento não entendi nada, mas seus olhos transbordaram compreensão e começou a gargalhar como se tivesse ouvido uma das piadas do Brook de 45 graus....kishishishisihs.

– Hehehe.....devia ter percebido. – murmurou vindo até mim e colocando um braço no meu ombro – Acho que tudo tem que começar a rodar de novo, o mundo não pode esperar mais. – ele falou dando um sorriso longo e tocando nossas testas uma na outra – Assim que sair dessa ilha continue suas aventuras, mas se lembre de apenas essas palavras: ‘Um dia a neve retornará, se dela nasceste é desta que morrerá, um destino começa no momento que o mundo te descobre, escute essa pequena prece e entenda que a vida é melhor quando dada para proteger quem amamos.’ – aquilo foi parecido com o que Yukino disse uma vez lá no barco, ela disse ter sido a Angel no Mi quem disse isso – ‘No entanto ouça segunda alma, o final é apenas o começo, descubra as pistas escondidas, conheça o antigo, descubra o escondido e poderá tudo começar, o ruim vira, mas o certo saberá, a profecia das almas é dividida como as duas partes de uma concha, quando uma acha seu caminha, a outra segue o seu.’ Fique com isso na cabeça e quando começar a fazer sentido use para o bem de todos.

– Welp, isso foi estranho, achei que fosse me dizer onde fica o One Piece. – ele ia falar algo, mas o impedi me afastando de sua testa e colocando os braços atrás da cabeça – Mas isso não teria graça, vou encontrar sozinho esse tesouro e obrigada por essa....hmmmmm...coisa, acho que não vou lembrar de nada quando sair daqui. – sorri.

– Hahahaha....com certeza você é interessante, só por isso acho que vou te dar isso. – ele me entregou uma pedra lisa da cor de um Ponegliph assim como as letras do mesmo – Isso está tudo o que disse, sei que vai ter alguém que o decifre, use com sabedoria e achara o que mais procura. – falou enigmático e então sumiu como se nunca tivesse estado lá.

– Kishishishis....Yukino vai pirar quando a disser que conheci o Gold D Roger...Kishishishsi.....shishi....shi.... – parei de rir colocando meu chapéu a frente do meu rosto serio – O que mais quero né ? Claro que ser o Rei dos Piratas, mas isso é meu objetivo, o que quero mesmo agora é ver meus amigos e família bem e felizes. – foi só dizer isso que uma porta surgiu, um buraco negro na verdade, suspirei e entrei me vendo do lado de fora da sala que estava antes – Acho que não posso mais entrar ai. – falei instintivamente dando um sorriso – Bem, espero que a Yukino já tenha voltado.


Notas Finais


Como estou meio chateada com vocês por não ter comentarios vou ali no cantinho chorar T^T
Kissus doces e espero que a surpresa de Roger tenha inspirado a curiosidade de alguns para o futuro final dessa fic.
Beijos e falou ! @u@


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...