História The Bodyguard - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bleach, Fairy Tail, Final Fantasy VII, Fullmetal Alchemist, Kingdom Hearts, Mad Father, Naruto, One Piece, Re:Zero kara Hajimeru Isekai Seikatsu
Personagens Cid Highwind, Edward Elric, Lucy Heartfilia, Madara Uchiha, Monkey D. Luffy, Orihime Inoue, Personagens Originais, Ram, Rem, Renji Abarai, Roxas, Rukia Kuchiki, Sephiroth, Toushirou Hitsugaya, Ventus
Tags Hitsugaya Toushirou, Hitsuruki, Kuchiki Rukia, Romance
Exibições 8
Palavras 798
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Guarda-gostas


Esgotos de Karakura, é aqui onde me encontro.

-Ele foi por alí!!-um dos policiais gritou.

Não, não sou nenhum fora da lei, estou ajudando os policiais. Quando vi quem perseguiamos, peguei o walkie talkie e chamei.

-Ele está indo na sua direção!

-Qual lado?

-Hum... Esquerdo!

-Entendi!

Logo mais, dois loiros de olhos azuis invadiram o local quebrando a parede esquerda, estavam num tipo de prancha flutuante. Exagerados. O de sobretudo negro pulou sacando duas espadas embainhadas, ele sumiu e reapareceu atrás do perseguido o nocauteando. Quando já paramos de correr... Dei um soco na cabeça oca dos dois

-ITTAI!!!-ambos berraram.

-É lógico!! Tinha uma entrada logo ali, mais a frente, porque diabo quebraram uma das paredes?!

-Tch!-ambos olharam pros lados opostos, desaforados.

Mais tarde, no QG, joguei a prancha que eles usaram no inventor dela, um idiota já tendo uma crise da meia idade.

-Ei, Hitsugaya!! O que diabos está fazendo?!-ele berrou me olhando irritado.

-Que foi que falei sobre dar suas invenções aos gêmeos?!

-Hã?! Mas eu não dei!!-ele olha os dois irritado. -ROXAS!!! VENTUS!!! Que foi que falei sobre ficarem roubando minhas invenções?!

-Calado Cid. -Roxas, o de sobretudo, falou em tom de deboche.

-COMO É QUE É SEU PIRRALHO?!

-Calados!

Olhamos pra trás e vimos o presidente Rufus, um jovem de cabelos curtos e louros que sempre usava um terno branco. Ele era arrogante e esnobe.

-Pelo menos capturaram o bandido, é o que importa.

-Decidiu sair da caverna do harém, é?-falei olhando-o com desprezo.

-Humpf. Como sempre, com a língua afiada, né pirralho?

-Quem é pirralho?! Aliás, é Hitsugaya Toushirou!

-Que seja. -ele falou revirando os olhos. -Faz um trabalho quase tão bom quanto o de seu pai.

-Não quero falar disso. -viro meu olhar pro lado evitando tocar no assunto. -Aliás, por que tocar nesse assunto logo agora?

-Preciso de um guarda-costas.

-Esqueça! Nem morto que eu vou me tornar seu guarda-costas.

-Lhe pagarei 1500 Gil por semana.

-Recuso com ainda mais gosto.

-Aceitamos!-os gêmeos falaram em uníssono.

-Mas 1500 pra cada!-Ventus falou.

-Que seja. -Rufus assentiu revirando os olhos.

Saí dali e fui interceptado na hora por um cara alto de cabelo vermelho cheio de tatuagens, ele parecia agitado.

-Você é Hitsugaya Toushirou?!-ele me perguntou agitado.

-Se é sobre um trabalho de guarda-costas, pode ir esquecendo.

-Você não entende!! Eu sou Abarai Renji, sou produtor da...-eu o interrompi bruscamente.

-Esqueça.

-Por favor! Ao menos me escute.

-Já falei que não quero.

-Dê ouvidos ao seu cliente, Toushirou.

-Hã?!

Quando olhei, vi o chefão, Uchiha Madara, um cara de cabelos longos e escuros de olhos da mesma cor, ele é como um segundo pai pra mim.

-... -eu olho o patético produtor. -Preciso?

-Precisa.

-Ok... Vamos conversar.

Eu o guiei até a sala de reuniões para falar com o meu cliente.

-Então, quem eu devo proteger e por quanto?

-Caham, eu sou produtor de Kuchiki Rukia, uma estrela do momento.

Ele me mostrou a foto de uma garota de cabelo curto e olhos violeta.

-Ok... O que mais?

-Acreditamos que ela esteja sendo ameaçada de morte. Já vieram pelo menos três cartas dizendo coisas terríveis.

-Tem uma dessas?

-Sim...

Ele me mostrou uma carta feita com pedaços de jornal, dizia...

"Rukia, sua vadia...

Você têm tudo e eu nada.

Eu te odeio e você deve morrer."

-Que exagero. Pode muito bem ser uma piada ou algo do tipo.

-Vieram três dessas e alguém já invadiu a casa dela e inclusive roubaram...-ele olha ao redor.

-Pode falar. Não tem problema.

-Já roubaram roupas íntimas dela.

-E você sabe disso como?

-Foi durante uma turnê dela, sempre deixamos todas as câmeras ligadas! Vimos na gravação alguém entrar no quarto dela e roubar uma das peças íntimas dela, inclusive cheirou! Isso é algo sério!!

-Ok, ok, qual seria o salário?

-1159 ienes por mês!

-Só isso?! Me ofereceram 1500 gil POR SEMANA mais cedo! Tô fora!

-Caham. -Madara tossiu, ele só faz isso pra me corrigir. Que raiva desse velho!

-Ok... 3000 ienes.

-O-?! Tch, que seja, 3000 por mês.

-Por semana.

-Por semana?! Está louco?!

-Quer protegê-la ou não?

Ele me olhou meio irritado, mas logo assentiu, estendeu sua mão para mim, apertei a mesma.

-Tomara que você seja bom mesmo.

-Acredite, ele é o melhor da empresa. -Madara falou com uma face séria.

Logo que o produtor saiu...

-Porque me meteu nisso?-perguntei olhando Madara surpreso.

-Porque acho que você tem capacidade pra isso.

-É?

-Sim. Hitsugaya, sabe porque o salário semanal de um guarda costas ultrapassa os mil ienes ou gil?

-Porque os agentes são especialistas?

-Maior parte do tempo sim. Mas no resto do tempo seria porque a vida de uma pessoa é importante e essas pessoas tem a missão de proteger a vida de alguém. Não são todos que são recomendados pelo chefe de seu departamento. -ele coloca a mão dele no meu ombro e me olha sério. -Te recomendei não porque acho que você tem as qualidades pra isso. Te recomendei porque sei que você tem essas qualidades.

-E como pode saber?

-Você é filho de um dos maiores agentes que a Shinra já viu. O sangue dele corre em suas veias. Você é muito mais que qualificado pra um trabalho do tipo.

Ver que o chefão confiava tanto em mim fez-me sentir importante.


Notas Finais


Espero q gostem, vcs todos foram mt carinhoso no primeiro cap <3 postei no Wattpad mas até agr só uma pessoa viu ;-; e olha qe postei já tem mais de semana, mas aki, nossa o pessoal do Spirit eh de longe o mais caloroso :'3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...