História The Bookstore - Capítulo 4


Escrita por: ~ e ~reallysad

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Jin, Kim Seokjin, Min Yoongi, Romance, Suga, Sugajin, Yoonjin
Exibições 70
Palavras 1.116
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Eai seus lindooooooooo
Desculpa o escândalo, to feliz por não atrasar atualização dessa vez :3
Enfim, boa leitura, espero que gostem mesmo eu achando que esse capitulo não ficou lá essas coisas...

Capítulo 4 - Turbulência Mental -


Fanfic / Fanfiction The Bookstore - Capítulo 4 - Turbulência Mental -


Seokjin POV

O final de semana passou na mais completa tranquilidade, tirando a noite de sábado em que tive que aguentar a visita inesperada que recebi em casa, sim, foi na mais completa tranquilidade. Mas eu tinha que voltar à minha rotina semanal de sempre, mesmo que gostasse, era cansativo pois de qualquer jeito era algo em que eu tinha que me esforçar ao máximo para não correr o risco de decepcionar meu chefe, ou qualquer cliente. Hoseok diz que sou politicamente correto ao extremo, eu não sou politicamente correto, não acho que eu seja, apenas gosto de fazer as coisas da forma em que elas têm de ser feitas, com precisão e completa exatidão. Eu sempre fui desse jeito, gosto do jeito que sou ao menos por alguns detalhes, tais esses que realmente evito demonstrar. Será que evitar demonstrar certas coisas que acompanham minha personalidade seja bobagem? Não estou sendo eu mesmo? Tenho perguntas sobre meu eu interior que ao menos eu sei responder, acho que preciso que respondam por mim, alguém que saiba entender o que passo e o que sou de verdade e tenha a capacidade de me decifrar, de entender algo que ao menos eu entendo de mim mesmo. Sou confuso com algumas coisas, não exteriores, e sim relacionadas à mim, e me perguntam diversas vezes como uma pessoa tão "inteligente" não compreende a si próprio. Eu respondo com "Acho que preciso de mais alguns anos pra me conhecer melhor". É como se eu tivesse batido com a cabeça e perdido a memória, e tivesse de encontrar minha identidade novamente. Mas comigo é um pouco diferente, tento encontrá-la a vida inteira. Me sinto complicado para as pessoas ao meu redor, me pressiono quanto a isso, me cobro para ser alguém melhor o tempo inteiro. Talvez se eu tivesse sido alguém melhor pra minha mãe, ela teria orgulho de mim hoje em dia, e não pena.


- Kim Seokjin! Você conseguiu atrasar vinte minutos! -Hoseok dizia parado à minha frente e tinha em suas mãos alguns papéis.
- O que? -Passei o caminho todo pensando e mal percebi o momento em que cheguei ao meu destino. Eu estava parado na porta da livraria olhando para a vitrine como um idiota, e viajando em meus pensamentos. Eu tinha ouvido o que ele disse, mas quis perguntar novamente pra garantir uma resposta certa para sua pergunta.
obobservá-lo e coloca o dedo indicador no meu peito - atrasou 20 minutos, Seokjin!
- Ah e-eu - Me confundo com minhas próprias palavras- Me desculpa.
- Está desculpado -Ele diz com uma expressão de tédio - Entre logo, temos muito o que fazer ainda.- Falou seco.

Entro devagar processando a grosseria de Hoseok. Qual era a dele? Vai guardar essa "mágoa" ridícula pra sempre dentro do coração. Deus me dê paciência. Coloco minha mochila no mesmo lugar de sempre, o estoque, e vou ao balcão organizar planilhas no computador. O clima estava estranho entre nós, parece que eu fiz algo além do que ir embora de um bar e deixar ele sozinho, apenas não sabia o que havia feito. Não iria perguntar naquele momento, ele poderia ficar bravo e prefiro evitar brigas desnecessárias com meus amigos. 
Quando terminava de embalar um livro como presente para uma cliente, ouço vozes conhecidas vindas da porta de entrada.


- E aí, Seokjin! - Diz o garoto sorridente de cabelos extremamente claros,trazendo com ele seu amigo. Jimin e Yoongi vieram novamente.
- Oi... Jimin. -Sorrio fraco, estava mais para um sorriso falso. Eu não queria sorrir, não estava me sentindo bem com toda essa situação entre mim e Hoseok.- E oi, Yoongi...
- Posso dar uma olhada? - Jimin aponta para uma prateleira.

Eu estava completamente concentrado no modo em que Yoongi mexia seus lábios ao falar no celular com alguém, ele não teve tempo de responder o que eu disse e já o atendeu. Eram tão bonitos, tão...

- Seokjin? -Jimin dava leves batidas em meu braço do outro lado do balcão.

Dou um longo suspiro antes de responde-lo.

- Que pergunta boba Jimin, claro que pode, você está à vontade para olhar o que quiser. 

Ele abre um sorriso e se dirige até a prateleira que lhe interessa. Volto meu olhar para Yoongi que agora estava sentado mexendo em seu celular, parecia interessado no que via, mais um motivo para eu poder observá-lo sem que ele perceba.
Espera, o que estou pensando sobre esse garoto? Eu realmente estou olhando pra ele com esses olhos? Seokjin, qual é a porra do seu problema?
Desvio o olhar pro computador e volto a mexer nas planilhas normalmente, ou quase, se não fosse pela voz de Yoongi falando ao telefone ecoando em minha mente. Não sei explicar exatamente o quanto a voz dele é boa de se ouvir. Grave e suave. Ah, Seokjin, chega dessa merda, o que significa isso? Você não pode, não novamente, fazer isso com você mesmo. Idiota.

- Ei, vou levar esses dois. - Jimin diz colocando dois livros sobre algo relacionado ao inferno e bruxas em cima do balcão. Esse menino é bem eclético.
- Okay, espere um minuto, vou pegar a sacola. -Me abaixo no balcão para pega-la. Quando do me levanto levo um leve susto ao ver que Yoongi havia saído de onde estava e ficou ao lado de Jimin, provavelmente o esperando.

Ele percebe o pulo que dou quando o vejo ali, e levanta as sobrancelhas. Não entendo sua expressão, finjo que não vejo.

- Pronto Seokjin, obrigada. Até amanhã! -Jimin falou simpático, sorrindo de leve. Eu observo o modo como seus olhos se fecham sempre que sorri, um charme.
- Até mais Seokjin... - Yoongi acena para mim, apenas consigo piscar os olhos olhando os dois saírem pela porta de vidro.

Nunca duvidei da minha capacidade de resistência e muito menos persistência em convencer alguém, que modéstia à parte, sempre são facilmente convencidas por mim. Mas o único problema que tenho é o de não conseguir convencer à mim mesmo a algo, como se tudo que sei que não posso fazer me atraísse de um modo mais forte do que qualquer coisa e eu automaticamente excluísse qualquer pensamento de que aquilo é errado. Um dos defeitos que eu não queria citar, atração fácil.
Eu deveria realmente me preocupar com isso, talvez procurar um psicólogo para me ajudar com as questões de confusão interiores que eu tenho. Pelo o que já ouvi dizerem, eles nos ouvem e nos auxiliam e nossos problemas. Não sei se ele irá conseguir me auxiliar, meus problemas são tamanhos a ponto de qualquer um não saber como me dar conselhos. Pelo o menos ele vai me ouvir, isso já é o bastante.
 


Notas Finais


Reviso mais tarde e também arrumo o capitulo anterior, acho que vocês notaram o quão torto ele ficou dkdjkdhgjk me desculpem por isso, vou deixar ele bonitinho pra vocês.
Comentem o que acharam, como eu disse, a opinião de vocês sempre conta para a melhora da escrita ou qualquer outra coisa na história. <3


att: eu, a maria (~reallysad) acabei de revisar o capítulo, mas minha mãe me apressou um pouco porque tivemos um compromisso, então se algo ainda estiver errado eu peço mil desculpas;((((
ah
MUITO OBRIGADA PELOS 50 FAVORITOS NÓS AMAMOS VOCÊS!!!!!!!!!!!!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...