História The Boy Who Changed Everything - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Seleção, Lucas "Luba" Feuerschütte, Lucas "T3ddy" Olioti
Personagens Gavril Fadaye, Lucas "LubaTV", Lucas Olioti, Personagens Originais
Tags A Seleção, Castas, Gay, Homosexualidade, Homossexual, Illéa, L3ddy, Lgbt, Luba, Lubatv, Lucas, Lucas Feuerschutte, Lucas Olioti, Palacio, Principe, Reino, Romance, Selecao, Selecionados, T3ddy
Exibições 76
Palavras 994
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Fantasia, Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que os capítulos novos que sairão poderão compensar a minha ausência. Boa leitura =D

Capítulo 5 - Rule


 Acordei com a luz da porta-janela aberta. Que horas eram? Destranquei minha porta antes de entrar para tomar banho. 07:43, marca o visor do controle do chuveiro. Ótimo, nem tão cedo, para não conseguir descansar o suficiente, nem tão tarde para receber broncas de meu pai, logo cedo dizendo que acordei muito tarde, o que na maioria das vezes, é mentira.

 A ducha gelada me despertava aos poucos, embora ainda estivesse com sono, já estava raciocinando melhor quando saí debaixo de lá. Embora a água morna pudesse ser mais relaxante, em Angeles era quase que impossível tomar banhos quentes, com o calor que predomina na província.

 Uma das meninas havia deixado a roupa para que eu me vestisse hoje, e assim a fiz, ainda assim, preferiria ficar dormindo, se alguém me desse esta opção. Gus estava no quarto, me esperava sair do banheiro. Ele viera trazer uma papelada que meu pai havia mandado eu assinar, ele me orientou pouco, dissera que falava sobre o pagamento dos selecionados, quando ocorreria, por quanto, a partir de quando, mas eu ignorei grande parte disso.

 Peguei a papelada de suas mãos e a coloquei sobre a mesa. Tomei um óculos de uma das gavetas da escrivaninha e comecei a ler o documento assim que Gusttave saiu do quarto.

 O documento era grande, mas eu o li em poucos minutos, não sei se seria por causa da vontade de descer logo ou da falta de vontade para ler aquilo. Rubriquei minha assinatura em todas as páginas, pronto, acho que terminei.

 Abri a porta e os dois guardas da porta fizeram uma reverência ao me ver.

 “Quando verem o Gusttave, peçam para que ele tire a papelada da minha mesa, já está toda assinada! ” Falei, antes de começar a descer as escadas rumo ao salão das refeições. Essa, era a única refeição que meus pais não faziam aqui, erámos apenas eu e os selecionados.

 “Um bom dia! ” Falei, ao me aproximar da cadeira que ficava na ponta da mesa. Todos pararam de fazer o que estavam fazendo antes da minha chegada e se viraram para mim, executando uma reverência. Uma me chamou atenção, a de Lucas. Ainda desajeitada. Ele ainda não havia sido totalmente treinado. Segurei o riso. “Antes que se sentem para terem suas refeições, gostaria de expor uma nova regra agregada a seleção a todos! ”

 Não faltou sussurros de ninguém perguntando que regra era essa. A atenção deles voltou para mim quando eu continuei.

 “Todo dia, a todo momento, sendo mais específico, vocês estarão sendo observados e eu receberei um relatório semanal de todos. Isso será uma nova forma de avaliação para vocês! Assim, conseguirei avalia-los mesmo sem vê-los. ” Iniciei. “Essa avalição ocorrerá da seguinte maneira: vocês receberam pontos por tudo que executarem corretamente e  assim como perderão, por tudo que executarem de forma errada. No final de toda a semana, no sábado, um selecionado será cortado automaticamente da seleção para que possamos reduzir seu número o mais rápido possível. ”

Suas falas não foram contidas dessa vez, eles não esperavam isso e na verdade, era mentira, bem, na verdade parcialmente mentira. Que eu faria essa lista? Não. Mas que eu retiraria um selecionado todo fim de semana, eu poderia tirar ou poderia escolher deixa-lo. O projeto não havia sido adotado por ninguém além de mim, foi uma escolha minha, sozinha, que ainda assim. Colocarei em prática.

 Peguei uma xícara de chá e bati com a colher da mesma nela, reproduzindo um som estridente que os fez ficarem em silêncio.

 “Isso não será revertido de forma alguma e acontecerá a partir de hoje! Senhor Todrick, fique atento, as vestimentas estão dentro da classificação também! ” Disse, assim que percebi que Todrick vestia vestimentas trazidas de casa. Ele ficou surpreso quando chamei sua atenção.

 “Vossa Alteza! ” Ouvi alguém indagar e me virei em direção à voz, era Woodwork. “Isso não estava nas regras da seleção! ”

 “Mas acabou de ser adicionada a ela! Sou eu quem estou no comando por aqui! ” Falei, de certa forma grosseira, mas tive de ser assim. “Ao senhor Kyle Woodwork e a todos os outros que não aceitam a regra dita, fiquem aptos a se levantarem e a saírem por aquela porta assim que quiserem! ” Falei, apontando para a enorme porta de entrada do salão de jantar.

 Vi um garoto que estava ao lado de Kyle se virar e sair, mas Kyle apenas abaixou a cabeça e ignorou o dito. Quatro selecionados foram atrás dele, então, por minhas contas, agora restavam 25 selecionados.

 “Mais alguém gostaria de ir com eles? ” Perguntei e esperei alguns minutos antes de dar a permissão para que começassem a comer. “Ótimo! Por favor, aos que estavam sentados ao lado de quem fora embora, sentem-se mais para cá e sirvam-se quando quiserem! ”

 Logan trocou alguns olhares comigo durante as refeições. Eu gostaria de lhe perguntar o porquê de seu olhar de preocupação, mas tive um certo receio de perguntar naquela exato momento.

 Vi que alguns selecionados já haviam acabado de comer, mas nenhum deles se levantou antes de mim, acho que havia os amedrontado mais do que eu planejava.

 Me levantei assim que terminei de comer e tomei meu celular, a maioria dos selecionados estava olhando para mim. Li uma das mensagens da tela de bloqueio.

 “Acabo de receber a programação de hoje, estejam preparados, às 14:30 para seus respectivos treinamentos: aulas de etiqueta ou alguns pequenos ensino que o palácio estará oferecendo dentro da estadia de vocês aqui para se prepararem para o trono! ” Falei, olhando para os olhos de cada um. “Provavelmente irei passar o dia ocupado, mas fiquem à vontade para caminhar pelos lugares permitidos do palácio! ” Disse e sorri no final da frase, se eu queria conquistar suas confianças, precisava ser mais gentíl.

 Não ouvi nenhuma resposta ou pergunta de ninguém, então apenas tomei meu caminho para o terceiro andar novamente. Precisava trabalhar um pouco.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...