História The Brother - Jikook - Capítulo 59


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Vhope
Exibições 597
Palavras 784
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Eu me empenhei nesse capítulo
Deve ter ficado uma bosta? Provavelmente, mas espero conseguir passar os sentimentos impostos

Capítulo 59 - Chapter Fifty-Nine


Fanfic / Fanfiction The Brother - Jikook - Capítulo 59 - Chapter Fifty-Nine

1 mês depois

Naquela última noite, dormiram juntos novamente. Sem sexo ou selvagerias, apenas a companhia um do outro. É incrível como Jungkook sentiu falta de Jimin e suas carícias, mesmo tendo estado juntos por tão pouco tempo.

Naquela última noite, Jeon chorou. Todas as mágoas e tristezas voltaram a rondar seu coração. Sente algo tão estranhamente diferente perto de Park, mas não consegue explicar. O mesmo o conforta e o faz querer despejar todos os seus sentimentos e ver-se livre; acalma sua alma. 

Naquela última noite, Jimin sentiu-se feliz. Pôde amar, mesmo que indiretamente, seu amado. Lhe trouxe paz e quietude. O quer bem mais do que a si próprio. Não é para menos, o garoto é a razão de sua existência. Somente sente-se completo estando ao lado de seu irmão.

Naquela última noite, Taehyung e Hoseok se amaram. Hoseok conseguiu encantar seu namorado tão rapidamente. Não há como negar que é uma tarefa difícil, mas conseguiu amolecer o desconhecido coração de manteiga de Taehyung. Um belo e correto casal que sempre nos renderá boas risadas. Afinal, um corpo desgovernado precisa de um porto seguro para estabilizar-se.

Naquela última noite, Hye esteve acompanhada por sua parceira. Jamais sentira-se tão livre e em equilíbrio consigo mesma como sente-se junto à Min Ji. É ótimo não estar mais presa à mentiras impostas por religiosidades familiares. Agora, sabe quem realmente é e pode viver como lhe convém.

Hoje, o prazo termina. Jimin cumpriu com sua palavra e permaneceu ao lado de seu precioso, sem cometer deslize algum. Resta sua resposta.

-Jungkook. - Chama-o, saindo de sua posição confortável sobre o peito do maior. 

-Sim? - Encara-o, curioso.

-Hoje completa um mês. Eu não me importo em continuar tentando e esperar o tempo que for necessário para reconquistar sua confiança, mas fizemos um trato e preciso do resultado. Mantive-me ao seu lado durante todos esses dias, cuidando e te amando, como me permitiu. Foi o suficiente? - Olha-o, apreensivo. Jeon solta um suspiro pesado antes de iniciar sua fala. 

-Devo dizer que é bastante paciente e te parabenizo, por isso. Na realidade, conseguiu minha confiança de volta na primeira semana. Não entendo o motivo, mas simplesmente não consigo odiar-lo ou vê-lo longe, sabendo que está aqui e posso tê-lo em meus braços. Pensei muito em sua história e liguei alguns fatos. Ao mesmo tempo em que se parece uma mentira sem cabimento, explica diversas coisas e passa a fazer todo o sentido. Por alguns instantes, senti-me a pessoa mais errônea do mundo por considerar a hipótese de realmente sermos irmãos. Prefiro pensar que o que sinto não é errado. - Segura em seu queixo e aproxima seus rostos. - Jimin, eu te amo. Mesmo com tudo, proporcionou-me os melhores momentos e sensações. Você tem algo que me cativa e me prende, é realmente alguém especial. Não sei como agradecer por fazer parte da minha vida, por ter voltado e continuar se esforçando por nós. Sei que devo ter errado e peço desculpas. Preciso demasiadamente de ti. Quero chama-lo de namorado, acordar e ver seu rosto inchado e sonolento todos os dias. Quero te beijar sempre e em todos os lugares possíveis. Não tenho ideia de como será daqui pra frente, mas, enquanto estiver respirando, quero ser o seu homem. - Puxa-o lentamente e selam um beijo completamente apaixonado.

Jimin nunca fora tão amado e preciso. Seu garoto o faz sentir especial. Jungkook é tudo o que necessita para viver o resto de sua vida contente e realizado. 

-Eu também te amo, Jungkook. Esse sentimento é o melhor ocorrido em minha vida. Sei que não existe o sempre, mas o meu para sempre será com você. - Sorriem. O sorriso mais sincero dado por ambos. 

Sem dúvidas, um momento indescritível e inesquecível.

Hoje, Jungkook sente-se seguro e alegre. O medo de errar e sofrer desapareceu. Jimin era sua resolução. Jimin é o seu anjo.

Hoje, Jimin sente-se realizado. Recebeu o perdão e a correspondência de seu amor. Em sua mente, pode voar pelo sentimento tão satisfatório que reina em si. As palavras ditas e ouvidas neste dia jamais serão apagadas de suas memórias. 

Hoje, Jin observa seu pequeno com graça e orgulho. Aventurou-se e está tendo seu final feliz, assim como o mesmo ao lado do mais velho, Namjoon. Nunca pensou em sentir o tão aclamado amor. O garoto o faz feliz como nunca fora, assim como o leva à um sentimento juvenil e afasta a ideia de ser o hyung careta. 

Hoje, Namjoon ama Jin de todas as maneiras acessíveis. Nunca imaginou ter o, antes jovem, menino conservador ao seu alcance. Agora, pode afirmar com convicção que encontrou sua metade faltosa. 

Hoje, nossos personagens alcançaram seus objetivos.


Notas Finais


Não pensem que esqueci do Senhor Yoongi
Próximo capítulo

Bjos <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...