História The Chosen Ones - TaeYoonSeok - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Os 3 Escolhidos
Exibições 19
Palavras 1.371
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Canibalismo, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá pessoinhas!! Tudo bem com vocês?
Espero que gostem do capítulo ❤

Capítulo 1 - Who are you?


Fanfic / Fanfiction The Chosen Ones - TaeYoonSeok - Capítulo 1 - Who are you?

Yoongi on 


Eu estava a observar a rua pouco movimentada pela minha janela, as ruas estavam calmas e silenciosas, tudo que conseguia se ouvir era o som do vento frio. Estavamos no inverno, e as ruas estavam todas cheias de neve, nenhum carro passava por ali, nem mesmo se tentasse, hoje seria aquele dia que as crianças comemoram por não ter que ir para escola, ou aquele dia em que casais saem para patinar no gelo. Mas para Yoongi, o dia estava completamente normal, faltando a faculdade ou não, para ele não faria diferença, de qualquer jeito ele estaria entediado e com sono. O vidro de sua janela estava embaçado, já não conseguindo mais ver a rua, Yoongi fecha a cortina de sua sala, voltando a deixar seu apartamento totalmente escuro. Em passos lentos, ele anda até sua cozinha, necessitado de um café bem quente e forte, mas olhando sua cafeteira só via um caneco vazio, sabia que não tinha mas nenhum estoque de pó de café, nem mesmo queria ir no mercado para comprar. Então ele apenas pegou sua carteira e seu gorro, assim saindo de casa, lá fora, mesmo no elevador estava frio ao ponto de Yoongi se encolher em um canto e se espremer dentro do casaco. Saindo do elevador, Yoongi agora a passos rapidos passou pelo porteiro sem a cerimônia de lhe dar um bom dia, apenas queria ser o mais rapido possível para poder chegar em casa e ir para debaixo das cobertas.


Yoongi ja tinha comprado seu cappuccino com chantilly, estava bebericando devagar, apreciando aquele líquido quente descendo pelo seu corpo gelado. Ele andava na rua calmamente, seu corpo ja tinha estabilizado com o frio e ele assim que saiu percebeu que o inverno poderia dar uma paisagem linda a tudo. Ele não conseguia entender como tem pessoas que não gostam dessa época, era tudo mais calmo e você poderia aproveitar em casa nos braços do seu amor, tudo nessa época é lindo, não conseguia  explicar, apenas sentia. Talvez Yoongi gostasse dessa época porque se sentia indiferente, ele também era frio igual ao inverno, e nessa época os dois traziam paz com si, o inverno trazia paz para os demais e Yoongi trazia paz para ele mesmo. Os dois também são bastantes brancos, o que não parecia ser uma ofensa para Yoongi. 


Assim que terminou de beber seu café, Yoongi se virou de costas para jogar o copo fora, não dando nenhuma cerimônia para o copo que ainda estava quente. Yoongi se virou para poder seguir com seu caminho para sua casa quentinha, mas foi impedido por um velho que estava parado em sua frente, ele quase caiu para trás evitando tombar-se com aquele velho. Yoongi levantou-se, xingou bem baixinho e começou a limpar sua roupa que estava cheia de neve e molhada. 


Yoongi levanta-se e tenta seguir seu caminho dando a volta no velho, mas ele deu um passo na frente de Yoongi o impedindo de passar, ele estava começando a ficar nervoso com aquele velho mendigo a sua frente, pois afinal, qual era o problema dele.


- Me da licença! - Yoongi ja pedia sem paciência, não estava querendo arranjar briga com aquele cara, muito menos se estressar por causa dele, já bastava Yoongi ser bravo quase todos os dias e quando está finalmente bem consigo mesmo, aparece alguém para fazer tudo isso desmoronar. - Eu já pedi licença! O que você quer? Eu não tenho dinheiro!


O velho homem a sua frente apenas sorriu e continuou o encarando. Yoongi pode perceber um mal cheiro vindo dele, suas roupas também não estavam nas melhores condições. Poderia perceber-se que ele é um morador de rua de longe, Yoongi não soube por que de várias outras pessoas, aquele velho ter vindo falar logo com ele.


- Venha Min Yoongi, me siga! - o homem falou e saiu andando na frente, Yoongi não o seguiu apenas ficou parado, pensando em o quão louco aquele homem era. Até que Yoongi percebeu, aquele velho o chamou pelo nome, como aquele homem do qual Yoongi nunca vira antes em sua vida, sabia seu nome?


- Por que eu deveria lhe seguir!? - Yoongi disse alto o bastante para que aquele velho o ouvisse, pois o mesmo estava muito a frente, ele nem sequer parou para conferir se o garoto realmente estava o seguindo. 


Desde aquela hora, o velho não tinha respondido Yoongi, mas por alguma razão Yoongi o seguiu, o velho não sabia se o garoto estava atrás de si ou se estava andando sozinho, deduziu Yoongi. Mas parecia que o velho tinha certeza de que ele o seguiria, como se já prevece isso. O velho entrou em um bairro abandonado e esquecido, as casas estavam com janelas quebradas e pichadas. Ao longe, Yoongi pode ver uma pequena fumaça saindo de dentro de um dos apartamentos abandonados, Yoongi ja sabia o que era aquela fumaça, provavelmente eram adolescente fumando drogas com seus amigos, deveriam estar fazendo isso escondido dos pais, já que nessa época e quando os filhos se tornam rebeldes e deixam de lado a família.  O velho parou em um beco, que era pequeno e úmido, ja estava de noite e as ruas estavam apagadas, mas podia se ver um pouco naquela escuridão, graças a lua. O velho foi até o fundo do beco e começou a apalpar a parede a sua frente, como se procurasse algo, naquele instante, Yoongi ja estava furioso, não acreditará que seguiu aquele velho para apenas ve-lo tocar a parede como se fosse cego. A passos rápidos, Yoongi andou até aquele homem o pegando pelos ombros e o virando de frente para ele, não se importando em tacar as costas dele na parede, o velho a sua frente solta um grunhido baixo, ele imprensa mais o seu corpo contra o do velho na sua frente o fazendo ficar preso, Yoongi levanta seu punho até perto do rosto do velho e se controla para não bate-lo agora.


- Primeiramente: Quem é você? Segundamente: Como sabe meu nome? - Yoongi perguntou, estava tão tenso, sua vontade era de bater tanto naquele velho que ele tivesse que parar no hospital quase morto, esse velho estava brincando com o fogo, mas parecia não ter medo de se queimar. O punho de Yoongi estava tremendo de tanto se controlar para não esmurrar a cara dele.


- Meu nome é Kim Namjoon! E respondendo a outra pergunta, todo mundo sabe seu nome, eles me mandaram vir até aqui lhe buscar. - O velho respondeu tentando se livrar do aperto de Yoongi, mas falando miseravelmente.


- "Eles" quem? - Yoongi perguntou um tanto eufórico, então tinha mais gente que o conhecia? O que essas pessoas queriam com ele? 


- Não posso lhe responder! - Yoongi nessa hora explodiu, cansou de ficar de moleza para aquele cara, cansou também das perguntas, finalmente chegou a hora da ação. Yoongi levantou seu punho para bater na cara do velho, mas o velho desviou de seu soco e o punho de Yoongi  apenas acertou a parede ao lado, fazendo um dos tijolos ser impulsionado para dentro, abrindo uma passagem.


- Você conseguiu abrir! - disse o velho, mas Yoongi não prestava mais atenção nele, só estava perplexo com o que estava vendo a sua frente, estava imóvel e com a boca entre aberta, jurava para si mesmo que estava alucinando e que nada ali era real, não poderia ser real. 


- Vamos! - o velho do qual se chamava Kim Namjoon, segurou em seu braço e o puxou para dentro daquele portal. Yoongi assim que abriu os olhos se viu admirado e surpreso, estava em outro mundo, um totalmente diferente do seu, nesse mundo estava dando sol, que para Yoongi era péssimo, ja estava o fazendo soar com as roupas de inverno que usava. 


- Olá, Min Yoongi! Me chamo Kim Seokjin, e agora todas as suas perguntas serão respondidas. - Dizia um homem bonito a sua frente, bem alto e magro, ele estava sorrindo formalmente para Yoongi. Mas Yoongi não fazia o mesmo, depois que chegou ali, sua cara só emburrou mais e mais. Yoongi naquela hora só teve uma certeza, sua vida estava prestes a ser totalmente mudada, mas não tinha certeza de como isso poderia afetar em sua vida.










Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...