História The Clan (Imagine Jooheon) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Monsta X
Personagens Hyung Won, I'M, Joo Heon, Ki Hyun, Min Hyuk, Show Nu, Won Ho
Tags Imagine Jooheon, Minwon
Visualizações 10
Palavras 732
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction The Clan (Imagine Jooheon) - Capítulo 1 - Capítulo 1

Povs S/N:
Me acordei como costume as 6 da manhã, abri meus olhos lentamente e me sentei na cama ainda sonolenta, olhei a minha volta por um momento tomando coragem para levantar da cama.
Depois de 2 minutos tomei coragem e levantei, fui até o banheiro e liguei o chuveiro indo rapidamente para de baixo da água, me permitindo relaxar com a água quente caindo sobre meu corpo.
Fiquei por volta de 20 minutos ali então sai, botei meu uniforme e escovei meus dentes, como não costumo comer de manhã, apenas peguei minha mochila e sai.
Saindo de meu bairro podia ver a pobreza e miséria evidente das pessoas, era realmente triste ver a desigualdade nesse lugar, a um bairro atrás as pessoas esbanjavam seu dinheiro em coisas fúteis, pelo simples motivo de não terem mais o que fazer com o dinheiro absurdo que tem, e essas pessoas mau tem o que comer, é realmente triste.
Em meio meus pensamentos mal me dei conta que já havia chegado em minha escola, logo na entrada estava meu irmão Changkyun me esperando com um largo sorriso no rosto.
Deve estar se perguntando o porque não viemos juntos pra escola, bem, Changkyun é filho de outra mãe, por conta disso mora com ela, o que é bem ruim, queria poder passar mais tempo com ele.
S/N: -Oppa! -Corri até Changkyun e o abracei.
Chang: -Fiquei com saudades suas insuportável. -Falou sorrindo.
Não sei porque, mas gosto desse apelido.
S/N: -Não exagere, foram dois dias apenas!
Changkyun: -Eu sei, mas fiquei entediado sem poder te atormentar. -Falou bagunçando meus cabelos.
O sinal tocou e fomos cada um para nossas salas, as aulas foram entediantes, principalmente porque não tenho muitos amigos aqui, apenas Changkyun que não estuda comigo e Hyugwon, meu melhor amigos, ele é filho do bispo da igreja, então nos conhecemos desde muito cedo.
Ah, eu não mencionei? Meu pai é um padre, é coisa de família sabe? Meu vô também era, meu pai se tornou um padre um ano após a morte da minha mãe, que inclusive morreu em meu parto.
Meu pai sempre foi muito frio, a única pessoa que me deu amor e carinho foi Changkyun, ele sempre me protegeu, cuidou de mim, é a pessoa que eu mais amo no mundo.
Na verdade toda a desigualdade e violência no país por maioria é culpa do meu pai, a igreja dita as regras por aqui e apoia a ditadura dos militares, querem que todos pensem e sejam iguais, criam idéias extremistas e torturam quem não as seguem, apoiam os ricos acima de tudo, são seres gananciosos e sujos, lamentável meu pai ser um deles.
Hyungwon: -Ei, S/N?! -Hyungwon falou me cutucando.
S/N: -Hãn? -Me virei pra ele minimamente para o professor não perceber. 
Hyungwon: -Estou te chamando a 3 minutos, no que estava pensando? 
S/N: -Só tava... Dormindo acordada. -Não queria perturba-lo com isso.
Professor: -O que os dois estão falando que é mais interessante que a minha aula?! -Falou o velho irritado.
Hyungwon: -Hãn... Nada. -Disse sorrindo sem graça.
Professor: -São vocês que precisam de nota, não eu. 
Revirei os olhos e voltei minha atenção para a aula.
Passado algumas horas o sinal da saída finalmente tocou, peguei minhas coisas e fui até o portão de saída com Hyungwon.
S/N: -Ei Hyungwon, quer ir na biblioteca comigo?
Hyungwon: -Não dá, meu pai me quer cedo em casa pra fazer sei-lá o que. -Falou suspirando.
S/N: -Bom, ok, nos vemos mais tarde. -Falei sorrindo e dei um abraço de despedida.
Caminhei até a biblioteca ouvindo música e observando tudo ao meu redor, em poucos minutos já me encontrava lá. 
Adorava ler livros, me levavam a diversos lugares diferentes, com grandes aventuras e pessoas diferentes, me tirava dessa realidade cruel e desigual, vinha quase todos os dias aqui, já li a maioria dos livros daqui. 
Adentrei a biblioteca e peguei um livro de aventura qualquer, me sentei em uma das mesas e comecei a ler
Após alguns minutos lendo, pude ver uma sombra cobrir meu livro e olhei para frente, podendo assim ver um belo garoto sorrindo com lindas e fofas covinhas aparecendo em suas bochechas, o garoto tinha cabelos vermelhos como o fogo e levemente escuros, ele tinha lindos olhos pequenos e escuros, quase negros.
Jooheon: -Ei garota, posso ler aqui com você.
Sorri com sua voz grave porém fofa.
S/N: -Claro!

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...