História The Contest - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Doutzen Kroes, Dylan O'Brien, Justin Bieber, Shailene Woodley
Personagens Doutzen Kroes, Dylan O'Brien, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais, Shailene Woodley
Tags Justin Bieber
Exibições 62
Palavras 715
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Festa
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi oi! Aqui estou eu com uma nova fic sz
Espero que gostem. E aqui vai algumas regrinhas:
⚓️ Essa fanfic é de minha total autoria, então sem plagio!
⚓️ Os artistas que aparecem aqui não me pertencem, mas suas personalidades sim.
⚓️ A linguagem sera um pouco inapropriada, então se não tem psicológico forte não me responsabilizo por nada.
⚓️ Hillary (Shailene Woodley) sera quase que a mesma Hazel Grace de A culpa é das estrelas, apenas um pouco mudada.
⚓️ Não obrigo ninguém a comentar, mas sempre é bom um incentivo a continuar escrevendo.
⚓️ E o essencial, se divirta! <3

Boa leitura amores! <3

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction The Contest - Capítulo 1 - Prólogo

Acordei com o despertador tocando com uma música qualquer de minha escolha. Me levantei, logo em seguida calçando as pantufas.

Abri as cortinas juntamente com a janela. O sol resplendia, alguns raios adentravam o quarto iluminando-o. As folhas amareladas estavam começando a cair, o outono se aproximava e o frio também.

Verifiquei meu celular, e marcava 7:00 a.m, tinha exatamente uma hora e meia para me arrumar antes de ir para prisão que chamamos de escola.

Pluguei meu Ipod na caixinha de som, colocando Cool Kids do Echosmith para tocar.

Caminhei remexendo o meu corpo em direção ao banheiro, adentrando o mesmo. Abri o registro da torneira, e a água começou a despejar.  Em forma de uma pequena concha, coloquei minhas mãos na água que já saía. Uma onda de calafrios tomou conta do meu corpo, mas foi apenas algo passageiro.

Fiz minhas higienes pessoais com eficiência, e agilidade.  Retornei ao quarto cantarolando meu trecho favorito da música.

— And she says, I wish that I could be like the cool kids, ’Cause all the cool kids, they seem to fit in.

Dei um grito quando vi aquele ser de cabelos castanhos curtos na minha frente, com seus fiéis cateteres e seus pulmões eletrônicos.

— Ainda está assim Doutzen? Como você é lerda. – Hillary fala me olhando com tédio.

— Aí cala a boca idiota. – Reviro os olhos rindo, andando em direção ao closet.

Peguei uma calça jeans escura, um moletom preto escrito "Trust" e um sutiã. Retornei ao quarto, jogando a roupa em cima da cama, onde Hillary estava sentada. Comecei a me despir, retirando primeiro as pantufas, logo subindo o baby-doll ficando apenas de calcinha. Coloquei o sutiã, seguido pela calça e depois o moletom.  Hillary me observava calada pensando no que dizer, ou como dizer algo.

— Sabe Doutzen, você está tão linda hoje. – Ela finalmente abre a boca. A olho assustada, e ela me encara de volta.

— Amiga, aumenta a saída de ar desse treco aí, o ar não está chegando no seu cérebro. – Disse em um tom brincalhão, tendo ela revirando os seus grandes olhos verdes. Andei em direção a cômoda aonde ficava minha escova de cabelo, começando a pentear.

— Calada Doutzen. – Suspirou e pendeu a cabeça para o lado. – Do que eu estava falando?

— De como eu sou linda. – Fiz pose a olhando.

— Ah sim, então você é bem gostosa assim como Tyler diz. Já te contei como você é ótima? Às vezes é chata, mas eu continuo...

— Tu viraste lésbica, Hillary? – Dei um olhar esquisito em sua direção.

— Você e sua mania de falar tudo certinho. Às vezes isso irrita. – Fala. Ajeita os cateteres, me olhando.

— Repetindo: Tu viraste lésbica, Hillary?

— Eu não era até ver com outros olhos. – Elevo uma sobrancelha a encarando. É sério isso?

— Não imagino você como lésbica. Já que você tem uma quedinha idiota pelo Dylan desde o primeiro ano. – Ela me ignora e continua falando como se eu não existisse.

— Tenho capacidade de ser lésbica sim. Seria maneiro se eu tivesse um pênis.

— Se você tivesse uma pirocassaura você iria se chupar. E isso não é algo legal de se imaginar. – Faço cara de nojo. Pego minha mochila e coloco meus cadernos dentro da mesma.

— Eu teria que pular para poder alcançar, não acha? – Ela diz rindo.

— Você tem pensamentos escrotos. – Bato em seu ombro de leve, tendo ela revirando os olhos.

— Então, eu realmente preciso te contar algo. Mas antes, você precisa se sentar. – Ela levanta da cama. Agarra meus ombros com compridos dedos finos, e me sentou na cama.

— Você sabe que quando uma garota quer uma coisa, ela vai até o fim. Eu estava sem esperanças até que eu via a esperança e agarrei ela...

— Você agarrou a Hope? VOCÊ É MESMO LÉSBICA! – Levanto por impulso, e grito.

— Ai meu deus, não. EUAPENASTEINSCREVINOCONCURSOPARACONHECEROJUSTIN! – Ela fala muito rápido, não dando tempo de entender.

— O quê?  

— Eu te inscrevi no concurso para concorrer uma viagem com o Justin, apenas isso. – A olhei incrédula. Como ela pode? Ela sabe que eu não gosto daquele cantorzinho metido a besta que é arrogante e só maltrata aquelas que se consideram fãs. Me poupe.

— Corre! 


Notas Finais


Então espero que tenham gostado de verdade. Até o próximo <3
Um beijo para quem quiser, e até mais!
Comentários e favoritos são sempre bem vindos rsrs

Gostaria de indicar a vocês a fic de uma amiga minha, vão dar uma confeirdinha lá, não vão se arrepender 😉♥

https://spiritfanfics.com/historia/blackspot-6475696


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...