História The Cousin of my best friend - NamJin/JiKook - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Banana Do Namjoon, Bts, Gays, Hoseok, J-hope, Jikook, Jimin, Jin, Jungkook, Kpop, Lemon, Namjin, Namjoon, Rap Monster, Seokjin, Suga, Taegi, Taehyung, Taejin, Taeyoonseok, Yaoi, Yoongi, Yoonseok, Yoontaeseok
Visualizações 107
Palavras 1.986
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Escolar, Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hiiii

Capítulo 10 - Logo você Jin



NamJoon On


—Ele ainda é criança, não sabe o tempo certo das coisas.


—Se você diz, espero que de tudo certo Minnie.


—Por que daria errado?


—Porque JungKook ainda é jovem, talvez ele tenha outros planos, e talvez o Jin não queira namorar comigo.


—Ah para NamJoonnie! Você vai me fazer ficar com medo!


—Desculpa Minnie, vamos pedir para eles se arrumarem?


—Sim, mas vamos em qual restaurante?


—Não se preocupe com isso, vai ser tudo por minha conta, só não exagere e nem se acostume!


Jimin da seu lindo eyes smile.


—Obrigado Joonnie-ah! — ele me abraça. 


—Por nada! — retribuo o Abraço. 


Fomos para sala e avistamos Jin e Jungkook conversando.


—Vão se arrumar, vamos comer fora hoje! — digo e Jin me olha.


—Por que? Não quer que eu cozinhe?


—É para nós comemorarmos fora Jinnie, você sempre vai ser nosso cozinheiro!


—Comemorar o quê?


—An... nada de mais, quando chegarmos você saberá!


—Aish! Estou curioso!


—Então vai se arrumar! Quanto mais rápido todos nós já estivermos pronto, menos curioso você vai ficar. — vou até o mesmo e acaricio sua bochecha com o polegar.



(Recomendo ler ouvindo Kiss me (cover) - Troye Sivan)


  Ali naquela casa, com meus amigos, com SeokJin, eu queria começar do zero.


Meus planos com o Jin só aumentavam, eu realmente estou apaixonado por aquele garoto, eu queria algema-lo em mim e nunca mais achar a chave, viver uma vida como nos filmes romântico, ter uma família, espera-lo no altar, era isso que eu planejava para toda minha vida, ser completo ao lado de quem eu amo, ao lado de Kim SeokJin.


Eu realmente estou amando SeokJin.


Essas mudanças em minha vida é estranha, mas ao seu lado sei que irei me acostumar. 


Se quiser nós podemos viajar.


Conhecer o mundo ao nosso redor.


Porém para quê conhecer o mundo, sendo que eu tenho os seus lábios para me levar a lua?


Existe algum lugar mais belo para nós nos conhecermos do quê a lua e as estrelas?


Se existe me mostre SeokJin. 


Deixe-me te amar.


Sou capaz de cometer loucuras por você. 


Kiss me like you wanna be loved


Me proteja, me abrace carinhosamente


Cliché? Ah, é isso que o amor faz, ele te torna alguém tão bobo, tão dependente dele.


O amor é uma droga que te domina aos poucos.


E é isso que está acontecendo, eu estou ficando bobo, eu estou me apaixonando.


Jin seje meu, apenas meu.


É isso que eu quero.


Quero que você seje apenas meu Jin.


This feels like falling in love


Se deite ao meu lado, sim


Não sou capaz de me apaixonar por outra pessoa, eu estou perdido em seu amor.


Quando você me olha nos olhos, posso sentir algo cliché percorrer sobre meu estômago, talvez seja as tão famosas borboletas.


Seu toque em meu corpo, é como ondas de energia, o arrepio toma conta do meu corpo, até os lugares mais inusitados, por mais que não tenha pelos, arrepiam.


O beijo, o quê dizer, é algo que me acalma, seus lábios carnudos e bem cuidados, tem sabor diferente a cada dia, sempre um gosto bom, algo viciante, tão viciante que eu poderia passar a eternidade os beijando, esquecer que tenho pulmões que suplicariam por ar.


Somos tolos apaixonados.


Talvez eu seja o tolo.


O amor é tolo.


Falling in love


E me envolva em seus braços



Jungkook e Jimin subiram para se arrumas, deixando eu e Jin sozinho, levo minhas mãos até a nuca do mesmo, o puxando para um beijo, era um beijo calmo, até Jin me empurrar no sofá, caiu sentado e ele se senta no meu colo, ficando de frente para mim, logo voltamos a nos beijar, Jin puxavs meus fios da nuca, me causando arrepios, levo minhas mãos até as coxas do nesmo, dando leves apertadas fazendo-o arfar, mas subo-as até sua bunda acariciando, enquanto dou leves apertadas, nossos pulmões pediram por ar, então nos separamos ofegantes, Jin leva seus lábios rosados e carbudos até meu pescoço, dando fortes chupadas e mordiscando levemente, tombo a cabeça para trás soltando gemidos fracos, até que sinto o celular do Jin vibrar em seu bolso, pego o mesmo e vejo o visor.


TaeTae: Voltei amor.


Meu coração apertou fortemente, fazendo doer, tiro o Jin do meu colo.


—O quê foi Joonnie-ah?


—O quê foi? Ainda pergunta? — jogo o celular do mesmo no sofá —Des de quando você está me traindo Jin?


—E-eu posso explicar Nam!


— nego com a cabeça — Você realmente me decepcionou Jin!


—Por favor não diga isso!


Subo as escadas indo para o meu quarto, até que sinto braços me segurarem, olho para trás e era ele, me abraçando enquanto lágrimas preenchiam seus olhos.


—Me solta! — digo frio —Logo você Jin? A pessoa em que eu menos esperava...


—Nam por favor, eu te amo, não queria ter feito isso!


Olho no relógio. 


—Agora são 18:37, você tem até 00:00 para sair dessa casa!


—Mas eu nã...


Entro no meu quarto, fechando a porta em sua cara, eu queria gritar, mas não posso me demonstrar dependente dele.




Taehyung On


—Hobi me perdoa!


—Você ainda pede perdão? Taehyung quem perdoa é Deus, não eu!


—E-eu não queria te trair!


—Mas traiu!


Escuto a porta abrir e suga entrar.


—Quem é esse Taehyung? — hobi me olha com raiva.


—Sou o namorado dele por que? — diz Yoongi com a maior cara... normal e se joga na cama.


—Mais um Taehyung? Você me traiu com quantas pessoas? Quer saber? Não precisa responder. Não quero me decepcionar mais ainda.


—Hobi, vamos conversar com calma!


—Com calma Taehyung? COM CALMA? PEGA ESSA PORRA DE CALMA E ENFIA NO CU! OTARIO! — ele saí batendo a porta atrás de si.


—Você me disse que tinha terminado com esse garoto Taehyung.


—E-eu não fui capaz, eu o amo.


—Então nunca me amou verdadeiramente?


—É... desculpa Suga-ah!


—Decepcionante. 


—Decepcionante? Você todo dia fica com a Kimi, e eu te decepcionei?


—Co-como você sabe?


—Eu vi!


—Desculpa Taehyung...


—Tudo bem... — suspiro.


—Como ele descobriu que você o traiu?


—Meu celular estava desbloqueado na cama, ai ele viu a conversa com o Jin...


—Já estão trocando conversa?


—Sim... — jogo meu celular em sua barriga, para que ele vê-se a conversa.


—Vocês não prestam. — meu celular vibra em tua barriga, o quê o fez rir.


Pego o celular e vejo a mensagem. 


M E N S A G E M  O N


Jinnie


Jinnie: Tae, vem me buscar por favor


Jinnie: Namjoon terminou comigo


Jinnie: E me expulsou de casa.


Jinnie: {Localização}


Me: Já eu vou Jinnie, me espere do lado de fora da casa.


M E N S A G E M  O F F


—Namjoon terminou com Jin.


—Tão rapido assim?


—Me sinto mal por isso.


—Você não tem culpa, quer dizer... tem.


—Muito obrigado Yoongi, ajudou muito essa sua sinceridade. 


—Está acabando Tae, você não vai dar para trás agora né?


— suspiro —Não...


—Assim que isso acabar, nós vamos viajar para longe, no caminho você explica para o boca de coração o quê aconteceu, aliás, ele é passivo ou ativo?


—O nome do "boca de coração" é Hoseok, e ele é passivo. 


—Ótimo! Nós podemos ter um Triângulo amoroso, eu, você e o boca de coração. 


—Está falando sério Yoongi? Nunca imaginei ouvir isso de você. 


—Pois é, agora ouviu, vai ser, Eu atrás, você no meio e ele na frente!


—O do meio é o quê mais se fode, devemos pensar em outra posição. 


Yoongi ri.


—Vá buscar o garoto logo!


—Estou indo!


—Leva direto para ela!


—Eu sei Yoongi, eu sei!


Pego as chaves do carro e vou até o mesmo, ligo o GPS, coloco a localização que ele me mandou e eu vou até ele.





Namjoon On



(Talk me down - Troye Sivan)


Jin, seria hoje que nós daremos mais um passo?


Iremos começar um relacionamento sério?


Talvez eu esteja me precipitando, mas eu realmente quero te amar para sempre.


Por que eu fui me apaixonar? 


Mas eu quero dormir ao seu lado


Logo por você Jin?


Não sei nada sobre você, mas confio de olhos fechados.


Tolo.


É talvez eu seja apenas um tolo, que está entregando o coração a alguém que pode joga-lo fora.


Eu quero voltar para casa, para você


Eu não quero que isso aconteça, mas por você eu lutarei.


Até o fim da minha vida.


É você quem eu amo.


Quem eu penso todas as noites e manhãs. 


Eu quero dar as mãos com você


Apenas tolos se apaixonam por você. 


Sim, eu me apaixonei, eu sou um tolo!


Mas por favor... Não me deixe.


Não pense em outro alguém quando estiver comigo.


Eu quero estar perto de você


Não chame por outro nome nas piores ou melhores madrugadas.


Apenas tolos... 


Acho que somos isso.


Tolos que não pode controlar os próprios sentimentos.


Isso é tudo que eu quero fazer agora


{DEAD LEAVES - BTS}


O meu coração está tão confuso Jin.


Por favor, venha me acalmar por esta noite.


Me envolva em seus braços. 


Beije meus lábios.


Me leve em seu mundo.


O mundo onde eu gostaria de viver.


Never


Mas agora tem outro no meu lugar.


Um alguém que eu não conheço, Nem você.


Ao menos poderia ter falado, doeria menos do que ver acidentalmente em seu celular.


Agora tudo que eu tenho em mãos é uma garrafa de SoJu.


Sim, eu estou bebendo Jin.


Bebendo para esquecer essa dor.


Never


Para esquecer que fui um tolo.


Sabe o quê é pior?


Beber para te esquecer e não conseguir.


Essa já é a quinta garrafa vazia, e você não saí da minha cabeça. 


Quando isso vai acabar?


Fall


Jin, eu te amo.


Mas o amor nos mata aos poucos, nos mata sem percebermos.


Eu quero você de volta.


Me perdoe por não ser quem você tanto esperava para o seu futuro. 


Mas me dê apenas mais uma chance.


(Yeah)


Eu quero te fazer feliz.


Eu quero ser feliz.


Com você. 


Eu fecho os olhos e te imagino sorrindo.


Isso vai me matando.


Never


Talvez eu esteja morrendo.


Eu quero gritar.


Fazer você ouvir palavras de lamentações. 


Chorar em sua frente.


Dizer o tão cruel você foi comigo.


Never


Mas eu não consigo.


Eu não posso.


Seria cruel da minha parte não te deixar ser feliz.


Apenas pegue suas coisas e saía daqui.


Rápido!


Fall


O quê está esperando?


A chuva não vai virar porpurina.


Não mais.


O sol não será mais tão quente.


A lua não terá o mesmo brilho.


(Yeah)


Sim Jin, você conseguiu tirar tudo de mim.


Eu quero te abraçar. 


Agradecer por me mostrar que eu sou capaz de amar alguém. 


Mas não na mesma intensidade.


Era surpresa.


Mas seu primo vai se casar com Jungkook.


Nós íamos também.


Mas foi tudo tão rápido. 


Você escorregou entre meus dedos e eu deixei você escapar. 


Estou triste.


Mas espero que você seja feliz.


Que ele te faça feliz Jin.


Você merece.


Never, never fall



Vejo uma luz forte adentrar meu quarto, olho pela janela, era você Jin, indo embora morar com outro, talvez isso não passe da minha imaginação me pregando uma peça, eu realmente espero que seje isso. Logo a luz vai diminuindo, você estava indo embora e eu não podia fazer nada, apenas chorar me lembrando do seu sorriso, e assim fiz, lembre do maldito sorriso, — lembrei mais uma vez de você, me lembrei a última vez de você Jin. — Meus olhos foram fechando, as garrafas de SoJu estavam espalhadas pelo chão, o cheiro de álcool estava por todo lugar, inclusive em mim, perco o sentido de tudo e caiu no chão. 


Never, never fall (Yeah)


~★~



Taehyung On


Busco Jin, ele parecia estar tão triste.


—Você está bem?


—Estou.


—Ok...


Ligo o carro e dou a partida, o silêncio me incomodava, mas não tinha como conversar com ele, mudo o trajeto, indo para outra casa.


—Você mora perto da casa do meu primo. 


—Quem é seu primo?


—Park Jimin.


No momento eu pude me recordar de ter o conhecido na faculdade. 


—Ah sim, sei quem é! — abro a porta do carro.


—Oh, bela casa.


—Não é minha, é que eu tenho que passar aqui antes. 


Bato na porta e uma das empregadas are a porta.


—Oh, é você Sr.Taehyung, entre, fique a vontade!


Assim faço, adentro a casa junto com Jin, vou até a sala e vejo os cabelos loiros arrumado de qualquer jeito, me aproximo. 


—Byul?


—Que susto Taehyung! — diz a mesma colocando a mão no coração —O quê te trouxe até aqui?


—Veja com seus olhos!


Ela se vira e vê SeokJin, que não entendia absolutamente nada.


—Então é você! — ela se levanta e vai até o ele — Faz tempo que eu te esperava garoto, agora venha comigo!


—Para onde?


—Não pergunte nada, não fale nada, apenas venha!


—Me desculpe Jin... — digo abaixando a cabeça. 


—Pelo quê? O quê está acontecendo?


—Ótimo trabalho Taehyung, sua dívida comigo agora está paga, você e o Yoongi estão liberados!


Saiu da casa sem ao menos olhar para trás. 


Eu sou um monstro!


Notas Finais


Gente é o próximo!

Aguardem!

NamJin!

AGUARDEM!

Esse capítulo está aberto para perguntas, até para os personagens♥

Bye my babana


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...