História The Criminal Love - Justin Bieber - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Barbara Palvin, Justin Bieber
Personagens Barbara Palvin, Justin Bieber
Tags Criminal, Justinbieber
Visualizações 57
Palavras 570
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura babys

Capítulo 3 - 3


Fanfic / Fanfiction The Criminal Love - Justin Bieber - Capítulo 3 - 3

P.O.V Justin

Chego na cozinha e a, qual é o nome dela mesmo? Ah é, Anne, ela tava fazendo panquecas para o café da manhã

— Bom dia — Ela sorri e me da um prato com 3 panquecas empilhadas — é so por a quantidade de mel que você gosta

Ele me olha sério e eu fico assustada

— Você vai pra uma balada minha hoje, eu deixo você morar aqui, mas você tem que me obedecer

— Balada adoro, beber muito mais, quero ir — Ele me olha sério

— Claro que não, você vai ser uma Stripper, quem dar o maior dinheiro, se deita com você

Eu caio na gargalhada e ele me olha furioso

— Vai sonhando, sonha bastante

— Você vai sim

— Quero ver então!

— Okay ma.. — ele para de falar quando os meninos entram

— Oi Chaz, oi Zayn, oi Harry — Dou um beijo na bochecha de cada um

— Oi linda — Zayn me puxa e eu caio em seu colo

— Eii — Me levanto e ri

— Dá pra parar de namorico ai, até pq eu namoro ela né vida? — Chaz disse

— Eu não namoro ninguém — Rio e Chaz faz cara de indignado

*Algumas horas depois*

Se Justin Bieber achava q eu seria uma vadia, ele estava bem enganado, era 21:45 da noite, 22:00 eu ia pra balada, So q não, pego meu celular e pulo a janela do meu quarto, Sam e Alice passaram de carro e me buscou, nós estávamos indo pra um racha, dps ia ter uma festa na casa do Logan

— Chegamooooos — Sam gritava

Eu e Alice saímos e depois eu nem sabia onde elas tavam, vou pra parte do bar e viro de uma vez o copo de vodka em minha boca, eu ja era acostumada com a bebida, era raro, MUITO raro eu ficar bêbada

— Olá gatinha — Uma voz suave ecoou pelos meus ouvidos, eu conhecia aquela voz, CHAZ! — Eu sei que o Justin quer te fazer de Vadia, e eu sei que você não quer

— É claro que eu não quero, não quero ser mais uma vadia

— Você não é nem vai ser — Ele sorri e eu sorrio de volta

— Agora eu vou ir — Ele sai e eu fico vendo o racha, um tempo depois vou pra casa de Bryan, fico dançando até que braços tatuados envolve minha cintura

— Me solta moç..Justin, fudeu — te olho

— Vamos pra balada — Ele me puxa e me joga dentro do seu carro

— Eu não vou — Ele me da um tapa na cara — Me bate, bate denovo, seu idiota, acho que todos aqui vão saber quem é o misterioso traficante de Atlanta

— Droga, você sabe — Ele dirige até em casa, me segura em seu braço e me leva até seu quarto e me joga em sua cama

— Oque você vai fazer!?

Ele abre o ziper da calça e começa a tirar minha calcinha, ele ia me estrupar

— SOCORRO, ALGUÉM ME AJUDA

Ele me penetrava e eu chorava, chorava muito

— SOCORRO

Me levanto assustada, ah, era um sonho

— Anne? Oq aconteceu? Ele entra com um copo d'água, Chaz te trouxe da festa e ele me disse que você tava muito assustada por causa q eu ia te por com Stripper, eu estava brincando calma

Ela me dá um abraço inesperado

— Eu tive um sonho horrível Jus, horrível

— calma, calma, já passou — Ele acaricia meu cabelo até eu dormir 


Notas Finais


Capítulo curto? Sim


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...